Posts Populares

Gotham – S04E08/09 – A Dark Knight: Stop Hitting Yourself / Let Them Eat Pie

Dois lados de uma mesma moeda!

E a minha saga com Gotham continua, como uma montanha-russa. Momentos ótimos, plots incríveis, intercalados com momentos extremamente desnecessários, que só enchem linguiça, e de uma maneira bem ruim. E foi isso que tivemos em “Stop Hitting Yourself” e “Let Them Eat Pie”. Foram dois episódios muito contrastantes, com o segundo tendo momentos muito bons e o primeiro exagerando nos plots ruins. Vamos destrinchar.

Em “Stop Hitting Yourself” tivemos mais do mesmo. O plot de sempre continuou, com Nygma e Butch nas lutas, Pinguim fazendo cena com Sofia e usando Martin para espioná-la, Jim no seu constante dilema com Harvey, agora se tornando Capitão. Um monte de coisa que desenvolveu zero a temporada. Mas aí tivemos o trio girl power (que já podemos transformar em quarteto, pfvr) dominando a cena. Barbara, Selina e Tabitha foram atrás de Nygma e acabaram descobrindo Butch zumbi, Lee badass e por aí vai. O legal foi ver que Selina é a única focada em realmente se tornar alguém, enquanto as outras duas ainda guardam muitas mágoas do passado.

Barbara matando a dona do ringue de lutas e Lee nocauteando a Vagalume foi massa! Agora Lee que está no comando e vai mostrar um lado diferenciado de si mesma, com a ajuda de Nygma, é claro.

Agora em “Let Them Eat Pie” temos o retorno de Professor Porko. Aí sim as coisas ficaram boas, porque o cara é tão louco que quis fazer os ricaços de Gotham comerem tortas feitas com carne de gente (mendigos). Ele obrigou até Pinguim a fazer isso. Não fosse Gordon chegar pra salvar o dia e prender o vilão, talvez Sofia e Pinguim estivessem partido dessa pra uma melhor.

Por falar nos dois, Pinguim continua vidrado na herdeira Falcone, e com a ajuda de Martin ele descobriu que ela tem um caso com Jim. Agora como Pinguim vai reagir a esta informação é um mistério. Fato é que Sofia é suficientemente inteligente pra armar um plano pra cima de Pinguim. Se é que Martin já não está sendo um agente duplo.

Mas lembrem-se que eu falei que nem tudo são flores em Gotham. O plot desnecessário da vez é da rebeldia de Bruce. Gente do céu, que coisa irritante! Todo mimado, todo se fazendo de complexado, curtindo a vida com os amiguinhos menores de idade. Sem noção total. Tudo bem que é a construção do personagem do Batman, mas reduz as cenas e para de repetir os mesmos diálogos retóricos com Alfred, porque senão fica chato!

Entre altos e baixos, seguimos acompanhando Gotham de perto, sempre atentos com o futuro dos personagens. Agora, se Gotham insistir em alguns plots, me segura que eu vou xingar muito! Hahaha

Talvez Você também goste de...

gostou da matéria? deixe um comentário!

Gerson Elesbão

Um @gerson incomoda muita gente, um @gersonrealoficial incomoda incomoda incomoda muito mais! É DC, é Marvel, é Netflix, é reality. Se a série for boa, chama no probleminha, bebê!

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries