Posts Populares

Grey’s Anatomy – S17E06 – No Time for Despair

Tombo atrás de tombo!

É isso gente, fim da primeira metade da season. Essa tem sido uma temporada muito especial e necessária, e fico feliz que Grey’s pôde usar sua influência para contribuir para o bem de alguma forma. Eu acredito que essa primeira leva de episódios foi bem legal, mas poderia ter sido bem mais focada nos pacientes, senti muita falta da série exibir um olhar sensível e humanitário para a pandemia, o que eles poderiam ter feito muito bem… o episódio que mais abrangeu essa questão, foi o #5, que me fez desidratar de chorar, mas ainda assim não foi suficiente… o script deixou a desejar nesse quesito.

É genial a maneira que Krista tá fazendo nossos personagens amados sofrerem, porque até as temporadas passadas quando a showrunner queria nos fazer passar nervoso, ela fazia – de maneira aleatória – um personagem querido sofrer por um motivo sem contexto, e agora por meio da pandemia ela consegue transcender e criar arcos interessantíssimos e muito coerentes, por exemplo, a morte da mãe de Bailey e o estado atual de Meredith estão conectados por algo que o mundo inteiro está passando. E isso torna a dor e o sofrimento destes personagens ainda mais pesado.

É fato de que Krista Vernoff sabe escrever muito bem, mas essa mulher sentou na graxa ao escrever esse arco ridículo sobre Teddy e Owen, os dois sempre tiveram uma amizade tão linda, sinceramente, eu acho essa traição uma das coisas mais podres da série, sem sentido nenhum. Isso logo nos leva a refletir sobre o amor que sentimos pela Teddy, porque eu sempre amei essa mulher, mas devido a escrita problemática da Krista, o amor dos fãs pela personagem é totalmente comprometido com isso. Altman é muito melhor que isso.

O episódio também mostrou o namorado de Maggie vindo para Seattle, encerrando a distância entre eles e, além disso, colocou DeLuca frente a frente da mulher que praticava tráfico humano, motivo que desencadeou seu surto na temporada passada. Lembram que ninguém acredito nele naquele momento? Sim, ele estava certo o tempo todo. Ademais, nosso anjo de luz, Bailey, ainda segue com o luto da mãe, e o pior de tudo é que ela ainda não teve tempo de vivê-lo, espero que isso não tenha como consequência nenhum mal para o nosso docinho de coco, ela não merece mais passar por nada de ruim na temporada.

Por fim, não podemos deixar de lado a parte mais importante do episódio que foi o colapso dos pulmões de Meredith. É incrível porque mesmo depois de 17ª temporadas, a série ainda consegue me angustiar como se fosse a primeira vez. Essa recaída foi muito dolorosa, porque isso é muito real nos hospitais, em um momento o paciente pode estar bem de uma hora pra a outra, uma coisa dessas pode acontecer, nos resta acreditar que Meredith vai sobreviver e ficar bem logo!

O retorno da série está previsto para o dia 4 de março e tudo indica que será reduzido o número de episódios! Em uma temporada tradicional, têm-se por volta de 24 episódios, porém, especula-se que o retorno trará apenas 10 novos episódios para o público. Você pode conferir as outras reviews clicando aqui. Muito obrigado pela companhia. Até o retorno!

 

gostou da matéria? deixe um comentário!

Vitor Neves

Nordestino, do melhor estado: Alagoas. É técnico em informática. Gosta de maratonar séries e realities nas horas vagas. Ama ver audições aleatórias no YouTube. E também, às vezes, gosta de se aventurar na cozinha.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries