O tão aguardado encontro de Annalise e Frank!

Próximo de revelar o mistério sobre o corpo por “debaixo dos lençóis”, a série continua seguindo no mesmo ritmo que os demais, revelando mais um personagem “vivo”. Confesso que esperava mais desse episódio, não foi um episódio ruim, mas a nível do próximo episódio ser o ápice da temporada, estava esperando mais ação para esse penúltimo episódio antes do hiatus da série. Esse oitavo episódio foi focado mais no Frankie e Annalise, onde finalmente eles se encontraram e puderam lavar toda a roupa suja, que aliás já estava na hora. Em relação ao incêndio, esse episódio não trouxe nenhuma informação relevante de como começou ou quem provocou o incêndio, sendo assim temos esperar que no próximo episódio vai ter bastante ação e drama, daqueles bem tiros, porradas e bombas, mas nesse caso seria tiros, porradas e incêndio hahaha. Enquanto esperamos ansiosos pelo próximo episódio, vamos conferir tudo o que rolou no oitavo episódio.

No episódio anterior, descobrimos que Wes tinha sido o FDP cabueta a tal fonte anônima que denunciou Annalise como culpada pelo incêndio em sua própria casa. Sinceramente eu achava que isso era mais um plano da Annalise, porém pelo episódio de hoje ela mostrou-se não ter nada a ver com isso e nem desconfiar de quem a denunciou, o que só aumenta ainda mais minha raiva pelo insosso que só faz cagada, Wes. Bonnie negou para Annalise que tenha sido ela, mas ela pode muito bem está envolvida nisso, já que ainda não sabemos para quem ela passou a informação sobre a gravidez de Laurel por telefone, poderia ser muito bem o Wes ou Frank. Falando sobre Annalise, ela continua cheia de ódio do Frank por conta de sua traição que culminou na morte prematura do bebê dela. Apesar dos esforços de Bonnie e até da Laurel, Annalise recusa qualquer possibilidade de conversa com ele, chegando ameaçar matá-lo caso ele insista em procurá-la, porém  para livrar seu pupilo traíra boring das acusações de assassinato ela acaba cedendo e recebendo ajuda de Frank para incriminar o meio irmão de Wes.

1

Falando sobre os 5 Keatings, apesar de toda minha empolgação com eles mais ativos na série nos dois últimos episódios, nesse tive a certeza que somente Wes e Laurel tiveram importância para o plot principal, os demais foram mero coadjuvantes ou até mesmo figurantes, coisa que nas outras duas temporadas eles sempre tinham grande importância para os plots principais. Nessa temporada, resolveram priorizar a vida intima deles, focando nos seus relacionamentos amorosos e problemas familiares, a ideia é boa, porém não funcionou muito para mim uma vez que nenhum desses plots dos Keatings tenham me surpreendido ou empolgado. Michaela continua se recusando ver ou atender sua mãe, porém ainda não sabemos ao certo qual seu problema familiar, o que sabemos é que ela foi adotada e que seus pais provavelmente não são nada exemplares e bastante exploradores, como foi mostrado em um dos flashforwards a mãe de Michaela vai aparecer no apartamento dela e no episódio de hoje deu a dica que Asher foi quem provavelmente a trouxe até lá, o que provavelmente vai gerar uma discussão entre eles e por isso que eles não estavam juntos no momento em que acontecia um incêndio, uma vez que ela estava em casa e ele bebaço numa festa.

2

Já o único casal que continua ainda de pé desde a primeira temporada, Connor e Oliver, depois da noite que passaram juntos, todos acreditávamos que estaria tudo certo entre eles, mas mero engano e o drama amoroso deles se prolonga. Oliver com seu complexo de inferioridade, acaba falando demais e o ferindo ao mexer com suas inseguranças e medos, assim Connor acaba fazendo uma burrada nível master que provavelmente vai só prolongar ainda mais essas briguinhas. Laurel e Wes continuam juntos firmes e fortes, a maioria já sabem do caso amoroso entre eles e pela forma que ela falou e tratou Frank, deu a entender que ela já o superou. Wes com a ajuda de Frank, Annalise, Bonnie e Asher, conseguem armar um plano que pudesse validar seu depoimento na polícia.

3

Nos episódios anteriores era nítido o quanto Frank se sentia culpado pelo que fez para Annalise e que ele estava disposto a fazer tudo para poder ter a confiança dela de volta. Então a pedido dela, ele segue a advogada do acusado do assassinato de Wallace Mahoney, filho da própria vítima. Com isso, ele acaba descobrindo que a testemunha chave tratava-se da mesma que o pagou para entregar Annalise. Isso mexeu bastante a cabeça dele, ao ponto dele planejar matar a filha dela para vingar a morte do filho de Annalise, aliás a mesma Annalise foi quem acabou evitando o assassinato ao pedir para Frank desistir dessa ideia absurda. No fim das contas, num plano bolado por ela, Frank invade novamente a casa da testemunha só que dessa vez apenas para fazer uma ligação par um certo celular, aliás o mesmo celular foi entregue ao acusado com a ajuda de Nate, à pedido de Laurel para ajudar Wes. No fim o plano acabou sendo bem sucedido,  o álibi acabou sendo invalidado e tornando o testemunho do Wes longe de qualquer suspeitas. Depois do plano executado, acontece o tão esperado encontro entre Annalise e Frank. O encontro entre ele foi bastante intenso, uma vez que Annalise estava cheia de ódio, o Frank estava totalmente desolado e arrependido por tudo o que fez. Mesmo com todas as lágrimas e pedido de perdão, ela se mostrou firme e nada disposta a perdoá-lo pela traição. Numa situação desesperada e provavelmente já bolada por ele, o mesmo saca uma arma e ameaça tirar sua própria vida, Bonnie que estava na varanda da casa logo entra e tenta convencê-lo a não fazer isso, mas do outro lado Annalise totalmente fria e tomada do ódio, fica provocando-o para que ele se mate. Se ele se matou ou não, só saberemos no próximo episódio, outra cena de destaque é para a cena que finalmente Connor surge vivo após o incêndio e assim descartando de vez a morte de um dos Keatings nessa temporada, aliás o mesmo apareceu na cama como mesmo que rejeitou Oliver depois que soube de sua enfermidade, aliás uma grande canalhice da parte dele.

4

Eu não acho que o Frank realmente vai se suicidar, aliás ainda me mantenho incrédulo que será ele o corpo encontrado morto no incêndio, mesmo com todas as pistas nos levando até eles. Continuo acreditando que a vitima será Nate, porém só não vejo alguma situação que o leve para está na cena do crime. A única coisa que sabemos que o corpo é de um homem e só restou o Nate e o Frank, tem também o estudante que foi o culpado pelos panfletos difamatórios na universidade, porém acho totalmente improvável de acontecer. Eu não sei vocês, mas minha cabeça está um nó sobre quem é o corpo debaixo dos lençóis, quais os verdadeiros motivos da delação do Wes, quem é o comparsa de Bonnie e principalmente como, por que e por quem começou o incêndio? Será que realmente foi Annalise que planejou isso? E quem é o pai do filho de Laurel? Essas perguntas provavelmente será revelada no próximo episódio, espero fortemente que tudo tenha sentido e que me surpreendam como nas demais temporadas.

Bem, dessa vez é só isso. Espero vocês no próximo episódio. Espero que tenha curtido a review e continuem ligados nas publicações do nosso site! Até mais!

Michel Araujo
Michel Araujo

Baiano perdido em Aracaju, fã de realities show musicais e séries. Uma personalidade misturada a humor, sarcasmo e uma leve ousadia.
Deixe-nos um comentário!
%d blogueiros gostam disto: