Posts Populares

How To Get Away With Murder – S05E08 – I Want to Love You Until the Day I Die

Quem morreu no casamento? Venha descobrir.

Mais uma fall finale de arrepiar em HTGAWM, como manda o figurino. Finalmente descobrimos quem morreu no grande casamento da temporada e descobrimos todos os motivos, mas antes vamos relembrar as partes felizes desse episódio.

Primeiro, um pequeno flashback:

Primeiro encontro  // Casamento (aff, meu casal)

Connor e Oliver trocaram alianças, juras de amor e nós só ficamos babando. Vimos esse relacionamento começar, como quem não quer nada, lá no primeiro episódio da primeira temporada, depois Oliver foi ganhando espaço, notoriedade e nosso coração. Coliver é um casal tão incrível, eles se completam, se amam da forma que são e nós sabemos que eles são capazes de despertar o melhor um no outro. Connor se tornou uma pessoa muito melhor depois do Oliver e ninguém pode negar. E ver um relacionamento gay ser retratado assim, sendo, basicamente, um dos casais principais, se não o principal, da série por cinco temporadas, é incrível. Um representatividade altamente necessária e cada vez mais presente nos dias de hoje.

O casamento foi maravilhoso, incrível ver como o Connor foi capaz de deixar suas convenções de lado para fazer algo pelo Oliver, para realizar seu sonho de se casar. Foi lindo ver como ele parecia nervoso ao encarar todas aquelas pessoas, mas como sua expressão suavizou quando olhou para o Oliver no altar. São momentos como esses, mesmo sendo na ficção, que me fazem acreditar um pouco mais no mundo, nas pessoas. Porque eu sei que existem outros Olivers e Connors pelo mundo, que estão celebrando e vivendo o amor. Todo tipo de amor.

Sempre vamos lembrar da cena linda e icônica do Oliver se despindo de todos os medo e fazendo um gesto grandioso para o seu marido, cantando “All Of Me” para ele, na frente de todos os convidados. A letra da música, toda a situação e a reação do Connor só transformaram o momento em algo ainda maior. Jack Falahee mostrou muita verdade em sua atuação nesse episódio, mostrou as inseguranças do Connor, seu desconforto e, principalmente, conseguiu transmitir, muitas vezes apenas com o olhar, o enorme amor que seu personagem sente por Oliver. E isso é tudo que podemos pedir de um ator, não é mesmo?

Porém, como nada nessa série é apenas sobre felicidade, Bonnie continua colecionando problemas com os mais diversos personagens, primeiro se desentende com Annalise, depois com Nate e por último com Ronald. O namorado estava questionando algumas perguntas que ela fez, sobre ele ter conseguido a vaga no hospital psiquiátrico para o pai do Nate. Esse desentendimento faz com que eles briguem um pouco antes do casamento e ela vai sozinha. Só que essa investigação sobre o assassinato acaba se desdobrando e tomando dimensões gigantescas. Uma moça que Nate contratou para conseguir informações sobre a noite do “incidente” consegue descobrir um número que ligou para o responsável pelo hospital psiquiátrico, depois consegue descobrir quem fez a ligação. E isso torna tudo um caos.

Nate descobre o envolvimento de Ronald em tudo, foi ele que ligou para o responsável do hospital psiquiátrico. Então, ligando os pontos em sua mente, ele acredita que ele foi um dos culpados pela morte do seu pai, estando envolvido em todo o esquema organizado pela Governadora. Isso tira o restante de sanidade que ainda existia em sua mente. Vocês lembram o que Annalise disse sobre Nathaniel Senior no julgamento? Que ele nunca foi um homem violento em sua vida, que foi apenas uma única vez? Bem, talvez isso basta. Talvez isso acaba se espalhando. Cego de ódio e sedento por vingança, Nate vai confrontar Ronald e explode. E vocês já pararam para pensar no que pode acontecer quando um homem daquele tamanho perde o controle? Ele bate tanto em Ronald, que apenas vemos o sangue espirrar para todos os lados.

É uma forma irônica de ligá-lo ao seu pai, não é? Fazê-lo ter as mesmas atitudes soa até um pouco clichê, mas a forma que Nate continuou a murmurar de forma contínua “ele matou o meu pai, ele matou o meu pai”, me deixa um pouco preocupada com a sua saúde mental. Talvez a morte de seu pai tenha mexido com sua cabeça de uma forma mais intensa do que imaginamos. Porém, Robert não estava morto após as agressões de Nate, ele estava completamente ensanguentado, talvez quase agonizando, mas ainda estava vivo. Bonnie teve a iniciativa de finalizar o serviço, cobrindo sua boca e nariz, para que ele não conseguisse respirar. Deve ser muito difícil para Bonnie, uma mulher que sempre sofreu tanto, passou por várias relações abusivas, de todos os tipos, não só amorosas. Quando ela finalmente encontra alguém que parece gostar dela, acaba morrendo. E por suas mãos. Mas eu deixo aqui a questão: por que vocês acham que Bonnie o matou? Para ajudar o Nate, já que isso seria um problema sério pra ele? Para proteger Annalise, já que Robert não parecia ter uma opinião muito boa sobre ela? Eu realmente não sei. Mas o que é fato é que é um perigo ser promotor nessa série e cruzar o caminho de Annalise Keating, não é mesmo? Sinclair, Denver e Miller podem provar.

E agora vamos para a última revelação do episódio. Conhecemos Gabriel Maddox no final da temporada passada e já sabíamos que a sua presença não significava coisa boa para alguém. Cogitamos muitas possibilidades, muitos falaram que ele poderia ser filho da Annalise ou irmão do Wes, mas a idade dele não era compatível com isso. Depois pensamos que era filho da Bonnie, mas parecia muito previsível, mas a sua real identidade foi realmente chocante pra mim, confesso. Mesmo quando Frank disse que ele era “o maior pesadelo da Annalise”, eu não imaginava isso. Pensei que ele pudesse ser um bebê que ela teve no passado e que tinha rejeitado, dado para adoção ou coisa do tipo. Mas não, é realmente pior. Gabriel Maddox é filho de Vivian Maddox e… Sam Keating.

Sim, o rapaz é enteado de Annalise. Quais serão as suas intenções? Ele viu Annalise bebendo e disse que tinha sido muito tarde para a mãe dele. Será que o fim do casamento de Vivian e Sam a deixou mal, a ponto de se tornar alcoólatra? Será que ela está morta? Será que ele culpa Annalise pelo fim do casamento de seus pais? Será que ele busca vingança? São tantos “serás”, tantas possibilidades. Eu fiquei realmente animada com esse plot, porque ele é bem imprevisível. E a cena do confronto de Annelise e Gabriel foi sensacional. Rome Flynn e Viola Davis arrasaram!
Mal posso esperar para a volta da série em janeiro, ansiosa para saber como todos lidarão com os desdobramentos dos acontecimentos do casamento. Afinal, eles tem mais uma morte para encobrir e uma vingança para impedir.

Reveja a cena final do episódio:

gostou da matéria? deixe um comentário!

Thais Pereira

Feminista, leonina com ascendente em gêmeos e lua em virgem, viciada em memes, em Friends e problematizar na internet. Formada em História da Arte, mas consciente que nunca vai trabalhar com isso na vida. Normalmente eu escrevo e falo mais do que deveria. Eu mesma, Thais Mello.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu