Justiça!!

Essa semana foi ao ar na globo a sua mais nova minissérie Justiça, que abordará quatro historias diferentes que se interligam em algum momento e cada dia da semana será abordado um desses casos. A protagonista de segunda-feira pode ser uma coadjuvante na terça, uma figurante na quinta e ter uma aparição relâmpago na sexta. Justiça passa longe da abordagem sobre leis e jurisdições, a série aborda sobre a Justiça no ponto ético e moral na sociedade; será que o que é justo para mim é justo para você também?

O primeiro episódio trará um crime muito presente em nossa cultura que é o crime passional, que acontece com mais frequência do que imaginamos. E ele contará a história de Elisa, vivida por Deborah Bloch, que esperou sete anos para fazer justiça da morte de sua filha. A filha de Elisa é Isabela (Marina Ruy Barbosa) que tem um rolo com Vicente (Jesuíta Barbosa) que apresenta sinais alarmantes de Ciumes e possessividade. Vicente se declara para Isabela e pede a ruivinha em casamento durante uma viagem em alto mar. A ruivinha aceita o pedido do boy.

2016-08-26 (1)

Vicente demonstra cada vez mais sinal de descontrole emocional quando fica fora de si ao ver sua futura esposa conversando com o seu ex namorado, e chega a expulsar o carinha da casa dela (detalhe, a casa era de Isabela) mais um forte sinal de possessividade e a necessidade de controlar a vida do parceiro(a) Isabela poderia perceber esse sinais preocupantes em Vicente e ter terminado com ele, mas assim como na maioria dos casos a pessoa aprende a conviver com a forma que a pessoa conduz o relacionamento.

2016-08-26 (2)

Isabela briga com Vicente pelo jeito ciumento que ele tem com ela. Os dois brigam, mas, os dois acabam na cama com direito a tapinha na bundinha e tudo.

2016-08-26 (3)

Se tem alguém que identifica um relacionamento possessivo de longe, esse alguém é a mãe. E Elisa estava muito preocupada com o relacionamento de Isabela e questiona a filha se ela quer mesmo se casar com Vicente e a menina afirma não ter certeza. Depois de descobrir que ficará pobre, Vicente sai pela noite e fica bêbado, ele vai a um bar e conversa com o dono do estabelecimento o quanto ele ama Isabela. Então, o dono do bar (Vulgo Vladimir Braitschita) convenceu o rapaz a levar flores e bombons para sua amada e fazer uma declaração bem linda para ela.

2016-08-26 (5)

Enquanto isso, Isabela encontra Otto na sua casa e os dois conversam sobre como  Vicente está esquisito depois da falência do pai. Em um momento vulnerável Otto se aproxima de Isabela e eles dão um beijão e eles vão para cama.

2016-08-26 (7)

Vicente então entra na casa de sabela com as flores e o chocolate, ele logo percebe que algo ali não está correto e então decidi ir até o quarto de Isabela e lá ele fica mais intrigado ainda quando vê a cama da amada toda bagunçada e o chuveiro ligado, quando ele entra no banheiro se depara com a cena de Isabela tomando banho com Otto. Fora de si e completamente trastornado, Vicente não acredita no que está vendo e aponta uma arma em direção a Isabela e acaba disparando cinco tiros contra a jovem que morre na hora.

2016-08-26 (8) 2016-08-26 (10)

Vicente é preso e depois de anos ele consegue liberdade, o que deixou Elisa devastada, pois sete anos para alguém que tirou a vida de sua filha não é nada. Ela então quer fazer a sua Justiça com as próprias mãos e decidi que irá matar vicente no dia em que ele sair da cadeia. Elisa fica do lado de fora esperando Vicente sair do presídio e quando o assassino sai ela aponta uma arma para ele e quando estava prestes a atirar, aparece a filha dele que leva o nome de Isabela o mesmo da namorada que ele tirou a vida. o capitulo então chega ao seu fim com Elisa abaixando a arma sem ter a coragem de atirar em Vicente.

2016-08-26 (11)

Estou apaixonado por essa minissérie e encantado com essa narrativa maravilhosa. Meus sinceros aplausos a Deborah Bloch que conseguiu nos fazer sentir cada centímetro de sua dor, magoa, rancor tudo o que a personagem Elisa traz com ela e nos faz entender todo o seu desejo de vingança. Acho que a série foi muito assertiva em sua intenção de questionar o ponto de vista do que é justo para você, por vários momentos eu me peguei compartindo do mesmo sentimento que Elisa, mas por muitas vezes eu descordei do seu ponto de vista e me questionava se era justo a sua atitude. Bom, o que será de Elisa? só nos próximos episódios para sabermos e espero que você nos acompanhe nessa jornada. Beijos de Luz!

Dam Souza
Dam Souza

Baiano que tem caruru e vatapá no sangue, aquele que é o canto da cidade e só discute com quem entende de Inês Brasil.
Deixe-nos um comentário!
%d blogueiros gostam disto: