Como deve ser para uma mãe presenciar a morte de sua única filha devido a um relacionamento inconsequente e possessivo? Será que ela conseguiria reconstruir a sua vida sem pensar todos os dias em sua filha e em tudo que ela perdeu?

E como deve ser para alguém que pensa que amar é fazer do outro propriedade sua, sufocar a pessoa para que ela não encontre vida a não ser do lado desse alguém? Será que ele consegue acordar todos dias sem pensar na culpa em que ele carrega de ter tirado a vida do seu “amor”?

Em seu quinto episódio, Justiça nos trouxe a continuação da história de Elisa e ainda nos trouxe temas polêmicos que estão em evidencia como machismo e exposição na internet.

Elisa, que estava pronta para tirar a vida de Vicente e fazer justiça pela morte de sua filha, desisti de seu plano quando descobre que Vicente se tornou pai de uma menina que tem o mesmo nome de sua filha. Conversando com Heitor, ela mostra toda sua frustração em não ter conseguindo matar Vicente e diz estar envergonhada por não vingar a morte de sua filha.

2016-08-30 (2)

Vicente vai até o apartamento de Elisa em busca de seu perdão, o que a deixa visivelmente abalada. Heitor sugere para que ela não deixe ele subir, só que o ser humano tem a tendencia de querer olhar na cara da dor, de querer senti-la com toda intensidade mesmo sabendo que aquilo acabará com ele. E com Elisa não é diferente, ela sabe que olhar pra Vicente é revisitar a dor da perda de sua filha, olhar para ele é ver tudo o que ela poderia ter sido e não foi. Em um diálogo tenso e carregado de emoção, Vicente pede o perdão de Elisa e ela se nega em perdoa-lo. Ela então manda Vicente ir embora mas antes o rapaz pede para ir ao banheiro que na verdade é um pretexto para que ele vá até o quarto de Isabela o que se torna muito doloroso para ele que não consegue segurar todo sentimento de culpa e remorso que o persegue. Tomado por toda aquela emoção, Vicente implora o perdão de Elisa que fica totalmente desequilibrada expulsando vicente de sua casa.

2016-08-30 (4) 2016-08-30 (5)

Conversando com Heitor, Vicente assume que tentou se matar por várias e várias vezes na cadeia e que só parou de tentar depois que sua filha nasceu. Ele também assume algo muito importante que talvez tenha sido a principal sentença para a morte de Isabela, que é o seu machismo. Nada como um dia após o outro, e quando Elisa está prestes a sair de casa, ela reencontra Fátima, sua antiga empregada e protagonista dos episódios de terça feira que está a procura de emprego nem que seja uma faxina duas vezes na semana. como se passaram 7 anos, Elisa não tem como ajudar Fátima, pois já tem outra pessoa em seu lugar, mas mesmo assim ajuda a moça dando 800 conto para que ela possa se virar.

2016-08-30 (6)

No decorrer do episódio, somos apresentados a Vanessa, uma menina  que está super feliz em começar a faculdade e curtindo muito a festa de “Boas-Vindas”. Vanessa conhece Téo, que para quem não está lembrado, era amigo de Isabela, paquera de Elisa e estava com ela no momento do acidente de Beatriz que é a esposa de Mauricio, que por sua vez é o protagonista da história de Sexta. Téo foi lá, pegou Vanessa a levou para o banheiro da faculdade e pediu para que ela fizesse sexo oral nele, o que a menina não sabia era que Téo era um verdadeiro babaca nojento sem escrúpulos e filmaria tudo sem que ela percebesse. Quando Vanessa volta para faculdade no dia seguinte descobre que Téo gravou um vídeo e espalhou pelo campus. Morta de vergonha e sem ter coragem de olhar para ninguém, Vanessa se tranca no banheiro e pede para que a amiga lhe mostre o vídeo, que a deixa mais abalada e faz com que ela cometa suicídio.

2016-08-30 (7) 2016-08-30 (8) 2016-08-30 (9)

Com toda a revolta dos alunos, Téo vai até Celso para conseguir uma arma para se defender caso alguém tente algo contra ele. (Celso é o responsável por todas as desgraças recorrentes na série).Sofrendo as consequências de sua atitude machista e repugnante, Téo é hostilizado por seus colegas de classe o que é uma baita hipocrisia,pois, na hora de compartilhar todo mundo soube compartilhar e achar graça da sua situação como foi muito bem lembrado por Elisa. O episodio chega a seu fim com Elisa indo visitar o túmulo de sua filha, ao chegar lá ela se depara com Vicente que pede desculpas por estar ali e se retira do túmulo de isabela. Elisa então chora e desabafa o quanto sente falta da filha, desesperado pelo perdão de Elisa, Vicente o implora mais uma vez e o episódio chega ao fim nos deixando a duvida do que Elisa fará.

2016-08-30 (10)

Que série maravilhosa, que elenco maravilhoso. Poucas vezes vi uma cena tão forte e realista como aquela em que Vicente visita o quarto de Isabela, a profundidade que Jesuíta Barbosa conseguiu passar através de seu personagem é de cair o queixo, Deborah nem preciso comentar. Amei eles terem trazido o machismo que causou a morte de Elisa em outros aspectos como pro exemplo a exposição na internet, a necessidade de homens se afirmarem mais homens gravando suas intimidades com mulheres e expondo para que outros vejam, isso é a cultura do estupro que tem causado marcas gravíssimas em nossa sociedade e temos deixado passar desapercebido assim como deixamos passar desapercebido as muitas Isabelas que morrem refém de um relacionamento abusivo e de muitas Vanessas que se matam ou tem a sua alma morta por pessoas que acham legal compartilhar esse tipo de conteúdo.

É isso meus amores, espero que vocês estejam amando essa série como nós do panela estamos. Beijos de Luz!

Dam Souza
Dam Souza

Baiano que tem caruru e vatapá no sangue, aquele que é o canto da cidade e só discute com quem entende de Inês Brasil.
Deixe-nos um comentário!
%d blogueiros gostam disto: