Posts Populares

Legacies – Resumão Season 1

“Heróis e vilões, o salvador e a causa perdida, e se a única diferença entre eles é quem está contado a história?”

Legacies é o mais novo spin off de The Vampires Diares, se passando um ano após o fim de the originals, a série conta a história de Hope Mikaelson (Danielle Rose Russell),  e outros jovens aprendendo a controlar seus poderes e se apaixonando na escola sobrenatural, Mansão Salvatore.

Conhecendo a série mãe, sendo da CW e tendo como pano de fundo uma escola com jovens, já dá para ter uma ideia de que é uma série teen, ou seja, bastante triângulos amorosos, brigas e clichês, só que todos os envolvidos são seres sobrenaturais (vampiros, lobisomens e bruxas). No meio disso tudo, como já havia dito antes, temos a nossa protagonista Hope, uma tríbida (bruxa, lobisomem e vampira), filha de Klaus Mikaelson. No início, nos é apresentada como uma personagem mal humorada, desconfiada e ainda de luto pela perda de seus pais, mas com o decorrer da série a vemos cada vez mais confiante e amadurecida, grande parte dessa evolução se deve ao seu interesse amoroso Lando Kirby (Aria Shahghasemi). Landon é um personagem que polariza bastante os telespectadores por ser um pouco sonso, mas fica cada vez mais claro o quanto o relacionamento melhora ambas as partes.

Apresentadas como personagens recorrentes, mas consideradas pela maioria as grandes protagonistas, temos as gêmeas Saltzman, Lizzie (Jenny Boyd) e Josie (Kaylee Bryant). Se apoiando em clichês, é retratado no inicio como Lizzie sendo a bitch e Josie a boazinha, porém Legacies inova mais uma vez e essas personagens ganham muito mais camadas durante a temporada. Ambas vivem em um estado de codependência e todo o desenrolar dessa história acontece com maestria, mostrando ambos os lados e deixando claro o quanto estão erradas. Elas tem como pai o Alaric Saltzman (Matthew Davis), diretor da escola e figura carimbada de todo esse universo e juntos eles tem o plot mais interessante de toda a série, a fusão. Apresentado em The Vampires Diaries e tendo toda a sexta temporada em volta disso, a fusão é um ritual do clã Gemini, onde um dos gêmeos ao atingir 22 anos devem se fundir e apenas um sobrevive, as meninas terminam a temporada descobrindo isso e já é revelado quem provavelmente irá ganhar.

Rafael (Peyton Alex Smith) e Landon (Quincy Fouse) completam o time de principais, o primeiro é um lobisomem e irmão adotivo do Landon Kirby e mostrando que a Julie Plec não muda, ele se apaixona pela Hope e de novo temos mais um triangulo amoroso envolvendo irmãos, já o Landon é diferente de tudo que conhecíamos, ele é um vampiro, mas é nerd, extremamente inseguro e completamente apaixonado e ignorado pela Lizzie.

Além do desenvolvimentos de casais e a fusão, a primeira temporada tem como história principal o Malivore. Criado da lama por uma bruxa, um vampiro e um lobisomem, esse monstro tinha como missão engolir seres sobrenaturais, com exceção das espécies que o criaram, e ao devora-los ele apagava a existência, ninguém iria se lembrar de suas vitimas, mas quando começa a fugir do controle, seus criadores o fazem voltar a forma original, mas quem cai na sua lama continua sendo apagado. Todo episódio aparecia um novo ser que saia de Malivore tentando pegar uma das três chaves do portal que o libertaria e conectado a tudo isso, estava Landon. O rapaz nunca conheceu sua família e sempre viveu como um humano, mas ao não conseguir ser hipnotizado, é revelado que ele também é um sobrenatural e no melhor episódio da temporada “THE Boy Who Still Has A Lot Of Good To Do”, temos a resposta, além de ser uma fênix, Landon também é filho do Malivore, após cair no poço, sua mãe retorna grávida.

No final da temporada se vendo sem escolhas, pois Malivore iria se libertar, Hope percebe que por ser a única que possui os três tipos dos criadores, ela se joga no poço, aparentemente o derrotando e sendo esquecida por todos.

Outras observações:

  • Sendo CW, legacies vem trazendo mudanças no canal, Hope é a segunda protagonista bissexual do canal, Josie é o primeira personagem na história a se declarar abertamente pansexual e Lizzie tem toda uma história envolvendo saúde mental.
  • Rafael praticamente não tem história própria, a vida dele é namorar, tem um affair com Josie, depois transa com a Lizzie e por último se apaixona pela Hope. Ele termina a temporada preso como um lobo.
  • MG é um estripador, um vampiro que não consegue se controlar, lembra alguém?
  • Lizzie odiava Hope, mas depois ambas descobrem que tudo não passou de uma armação da Josie, pois a mesma era apaixonada pela Hope e não queria a irmã atrapalhando.
  • O interesse romântico da Josie essa temporada foi sua ex, Penélope, ela sai da escola no final da temporada, pois descobre da fusão e não quer sofrer ao ver a Josie morrer, inclusive ela que conta pra Josie sobre a fusão.
  • Aparece monstros mais inusitados possíveis, gárgula, zumbi, múmia e até um unicórnio.
  • Josie recebeu o nome da mãe que faleceu e Lizzie recebeu o da vó de sua mãe adotiva, que também faleceu.

Vou encerrar a review com o momento mais emocionante da série, a despedida da Josie, mãe biológica das gêmeas, que voltou a vida em um dos episódios.

 

 

gostou da matéria? deixe um comentário!

Ives Gonçalves

Um carioca estudante de direito querendo se formar, viciado em x factor´s do mundo e que ama uma praia

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries