Posts Populares

MasterChef Brasil Amadores – S07E02

O trem é f#[email protected]!

Com novas adaptações e mudanças, o MasterChef nos apresentou sua sétima temporada optando por uma temporada mais curtinha, mas que está dando pra matar a saudade dos nossos jurados e do amor pelo programa. Sem mais enrolação, cá estamos aqui para debater um pouco sobre o episódio 02 da nova temporada. Bora lá?

PARTICIPANTES DO EPISÓDIO

A primeira prova foi um teste de reprodução, em que os cozinheiros tiveram que fazer uma Tarte Tatin, uma torta de maçã francesa. Sendo escolhida pelo chef Jacquin, o mesmo trouxe uma contextualização conceituada e apresentou a prova. Os participantes, pelo outro lado, não ficaram nada empolgados com a prova, já que muitos não tinham base para fazer o prato. Não é pra menos, viu? O francês pegou pesado mesmo, esse é o tipo de prova que vemos lá no #MasterChefProfissionais. Mas, como o chef sabia da dificuldade que era fazer a Tarte Tatin, ele teve bom coração e deu uma aula mostrando os ingredientes e o modo de preparo.

Para uma Tarte Tatin estar perfeita, é necessário que ela esteja caramelizada e apresente coloração, mas sem deixar queimar. Sabendo disso, os cozinheiros amadores se dirigiram às suas bancadas e iniciaram a prova. Ao decorrer dos preparos, vivenciamos diversas vezes momentos de aflição e desespero, aquela massa da Paloma me deixou em pânico total, podia jurar que ela não iria entregar nada. Enquanto isso, Leonardo com tempo de sobra até fez um cisne, mas será que seu prato ficou bom? como já dizia a minha vó, a pressa é inimiga da perfeição haha. Com os participantes desenformando e empratando suas tortas é chegada a hora de conhecer os destaques.

DESTAQUES

NEGATIVOS

Leonardo

Rubens

Por terem sido os destaques negativos, ambos deixam a competição. Uma pena ver o Rubens ir embora, fiz uma fic na minha cabeça que em um formato padrão do programa, Rubens seria um bom vilão. huehuehue

POSITIVOS

Fernanda

Anna Paula

E O VENCEDOR DA PROVA FOI…

 

 

 

ANNA PAULA

(Como vencedora, Anna Paula terá uma vantagem na próxima prova)

Infelizmente, mesmo entregando pratos não tão ruins quanto os dos destaques negativos, Paloma e Wesley deixam a competição. Restando para a próxima prova as destaques positivas, junto a Eduardo e Jordana.

Para a segunda prova, os chefs exigiram um hambúrguer perfeito. Lembrando que essa prova nomeará o segundo campeão do #MasterChefBrasil2020.

Como vantagem por ter vencido a última prova, Anna poderia tirar 5, 10 e 15 minutos de algum participante. Ela optou por tirar 5 minutos para a Jordana, 10 minutos para a Fernanda e 15 minutos para o Eduardo. O coitado ficou apenas com 1 hora de prova para fazer os seus preparos, será que isso vai atrapalhar seu desempenho ou será que assim ele terá mais tempo para pensar e saber exatamente o que vai fazer?

Durante a prova, Eduardo mostrou que tem muito domínio e prática de fazer hambúrgueres, mas ao contrário das outras, ele decide moer a carne em um processador. Jordana, foi maravilhosa e icônica durante todo o episódio, no dia do programa, eu não consegui parar de rir do bordão dela, ele até mesmo caiu na boca dos jurados, o trem é f*** hahaha. Por fim, tanto Anna, quanto Fernanda, ambas foram bem sólidas, com Fernanda um pouco mais nervosa e Anna com dificuldade de fazer os pães, creio que pela idade e experiencia. Não vou mentir, minha torcida é da Jordana, será que ela tem chance? Vamos lá para os feedbacks dos chefs.

Jordana

Jordana fez um hambúrguer com batatas rústicas e molho barbecue. Fogaça defende que o hambúrguer está bem temperado e que o ponto é de seu agrado. Paola critica a moagem das carnes, e diz que está mal feita e também afirma que a batata servida como acompanhamento está crua.

Anna Paula

Anna, para mim, fez um pão extremamente gigante, parece aquelas cabeças de cogumelo enormes, ou até mesmo aquelas naves espaciais de marcianos ASUHSAUHSAUS. Ela fez um hambúrguer com cebola caramelizada, molho de tomate apimentado e batatas. É elogiada por Paola por ter feito um ótimo molho, a jurada também defende que gostou do acompanhamento. Já o chef Jacquin elogia o prato de Anna.

Eduardo

Pra mim, o hambúrguer de Eduardo foi o mais elegante esteticamente. O rapaz fez um chesebúrguer com maionese verde e batata rústica. Jacquin criticou o sal presente na maionese, afirmando que o mesmo está excessivo, também descreve o pão de Eduardo como cru e afirma que o hambúrguer está sem tempero, o jurado conclui seu feedback afirmando que o prato de Eduardo tem visual de hambúrguer, mas não tem gosto de hambúrguer, tenso viu?! Já Fogaça diz que esperava mais dele.

Fernanda

Fernanda sobe um pouco desestabilizada. A garota fez um hambúrguer com mix de cogumelos acompanhado de um molho de queijos e chips de batata doce. Fogaça elogia o tempero do hambúrguer. Paola descreve o molho dela como aberrativo, mas também elogia o sabor do cogumelo com o shoyu.

Após a avaliação individual dos pratos, os chefs se conduziram para o restaurante do programa e realizaram sua escolha de quem levaria o troféu na noite. Mas sem mais delongas, o vencedor do segundo troféu #MasterChef2020 foi:

.

.

.

.

.

.

ANNA PAULA

Considerações Finais

Esse episódio foi bem divertido, vimos participantes mais interativos. Eu não tava torcendo pra Anna, achei ela um pouco sem sal, mas foi uma vitória merecidíssima, afinal, ganhar ambas as provas do dia não é fácil. Como a vida dá voltas hein! Eduardo prometeu algo grandioso, e entregou um hambúrguer sem sabor. Fernanda e Jordana, torço que a trajetória das duas ainda não tenha se acabado e espero vê-las novamente na cozinha do MasterChef. Agradeço pela companhia de vocês, e até a próxima!

Ah, e não se esqueçam de votar na enquete aqui em baixo! <3

 

 

gostou da matéria? deixe um comentário!

Vitor Neves

Nordestino, do melhor estado: Alagoas. Técnico em Informática. Gosta de maratonar séries e realities nas horas vagas. Onde tiver Lana del Rey, pode chamá-lo que ele vai. Ama ver audições aleatórias no YouTube. Gosta de cozinhar. The Crown e The Handmaid's Tale contem com ele pra tudo.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries