Posts Populares

#NowPlaying: As Melhores Performances dos Vencedores do TVAU

The Best of the Bests!

O The Voice Austrália é uma das franquias mais querida, em especial para os fãs mais antigos. Comumente, a estreia sempre costuma ser entre abril e maio, porém devido a mudança de emissora, até o momento nada foi anunciado sobre a possível data do início da décima temporada. Até então, o que foi anunciado foi a bancada de coaches composta pelos veteranos em realities shows: Guy Sebastian, Rita Ora e Keith Urban, além da estreante Jessica Mauboy.

Pensando nisso, montamos uma lista com as melhores performances dos vencedores de todas temporadas, até o momento nove ao total. Já adianto, que devido ao mau gosto australiano em algumas temporadas, hahaha, nem todas as performances são realmente o melhor do programa, mas o que vale realmente é a intenção e o cumprimento do tema.

Karise Eden – It’s A Man’s World by James Brown (Season 1)

Karise Eden é um acontecimento na versão australiana, desde sua audição todos já sabíamos que ela seria a grande vencedora desta temporada. Apesar de ter tido uma trajetória bastante consistente durante todo o programa, não houve nenhuma performance que tenha marcado tanto quanto “It’s A Man’s World“, até mesmo porque foi um casamento perfeito a letra forte da canção com o timbre rasgado da Karisse. Destaco aqui também, a emocionante performance da música “Hallelujah“.

 

Harrison Craig – Can’t Help Falling In Love (Season 2)

Na segunda temporada do TVAUS, eu só conseguia ter olhos e ouvidos para um nome, Celia Pavey. Como o foco aqui são os vencedores, acabei optado por um clássico e uma música que particularmente amo e como coach, também seria uma escolha que faria para o Harrison, por conta de seu tom mais grave e com similaridades com a voz do Elvis. Foi uma performance simples, porém muito bem executada e certeira para a songchoice feita. Só deixando claro, que passa longe de ser uma das minhas favoritas do TVAUS ou mesmo dessa temporada, mas da insossa participação dele no programa, é o melhor que ele apresentou para mim.

 

Anja Nissen – When Love Takes Over (Season 3)

Eu tenho uma profunda relação de amor e ódio com a terceira temporada do TVAUS, prova disso é que apesar do nível alto dos participantes, foi tudo muito instável durante toda a temporada. Com um trabalho dos coaches bem aquém do esperado e surpreendentes eliminações por parte dos mesmos e do público, a Anja acabou consagrando-se como campeã. Uma excelente e poderosa vocalista, mesmo com todas essas qualidades, sua passagem na temporada foi bem instável e com poucas performances memoráveis. Dentre essas apresentações, destaco a poderosa baladinha “When Love Takes Over“.

 

Ellie Drennan – I Kissed A Girl (Season 4)

Ellie Drennan foi dona absoluta da temporada em que participou, com um estilo musical muito próprio e seu jeito mais introspectivo, acabo conquistando o público australiano. Para os amantes do gênero índie, a Ellie nos serviu muito bem com suas performances mais acústicas. Eu amo “I Kissed A Girl” porque tem toda uma releitura no arranjo que nos faz ver a letra da música de uma forma diferente da versão mais dançante. Além dessas, eu super indicaria também “Team“, “California Dreamin‘” e “Nothing Compares 2 U“.

 

Alfie Arcuri – Catapult (Season 5)

Meu amor por Alfie Arcuri foi à primeira audição <3. Sou simplesmente apaixonado pelo seu tom de voz tão suave e emocional. Toda a sua trajetória no programa é muito sólida e ele tem para mim uma das melhores trajetória no TVAUS, eu sou simplesmente fã de tudo o que ele cantou. Apostando em um estilo mais romântico e pop, grandes sucesso como “Scars“, “Pillowtalk”, “Lay Me Down“, “I Can’t Make You Love Me” e “All Of Me“. Mesmo com tantos hits, minha apresentação favorita do Alfie é a, na época desconhecida para mim, “Catapult“, que logo me ganhou com a linda melodia e a letra sentimental.

 

Judah Kelly – Tennessee Whiskey (Season 6)

Eu nunca fui muito fã do Judah Kelly, até mesmo porque em uma temporada que tínhamos a Fasika e Lucy, tinha nem como reparar tanto no Judah. Dentre suas performances, acredito que sua audição foi a mais marcante, apostando no country e fazendo uma performance muito sólida. Sendo bem sincero, gosto muito das songchoices do Judah no TVAUS 6tanto., porém não houve nada que tenha me marcado tanto.

 

Sam Perry – Smells Like Teen Spirit (Season 7)

Sam Perry é para mim mais um winner bem duvidoso do TVAUS, porém artisticamente falando, acho ele incrível, mas para um programa chamado “The Voice”, tinha opções que faziam melhor jus ao título. Esquecendo isso, tem três performances em especial do Sam que gosto bastante, sendo elas o dueto com Kelly Rowland “They Don’t Care About Us” e seus solos com “Survivor” e a escolhida por mim para essa lista, “Smell Like Teen Spirit“.

 

Diana Rouvas – A Song For You (Season 8)

Melhor winner da história do The Voice australiano, Diana em sua segunda chance na franquia, soube muito bem aproveitar toda a oportunidade dada. Foi muito difícil definir uma performance única como a melhor dessa lenda, com um histórico invejável e mesmo com algumas músicas um pouco batidas em seu repertório, ela soube muito bem dar muita personalidade em todas suas performances. Diana é uma vocalista incrível, mas além de sua afinação, sabia muito bem conduzir a música criando todo um clímax e seus momentos de maior destaque. Depois de muito pensar, eu escolhi “A Song For You” por conta de toda emoção que ela transmitiu durante toda a performance, porém deixo a dica de assistirem todas as suas performances, tudo simplesmente maravilhoso.

 

Chris Sebastian – Jealous (Season 9)

A cópia do Guy Sebastian, fisicamente e vocalmente, entra na lista de vencedores duvidosos na história do programa. Nenhuma performance em especial dele tenha me marcado ou ao menos me comovido ao menos, até ouso dizer que seu melhor sem sombras de dúvidas foi nas battles com “Titanium“, onde a maravilhosa Sapphire Tamalemai perdeu injustamente. Dito isso, a escolha foi “Jealous“, mais pelo meu amor com a música, do que por sua performance em si.

Espero que vocês tenham curtido a minha lista, que sirva como nostalgia dessa franquia que já nos presenteou com temporadas incríveis e que assim continue!!!

Talvez Você também goste de...

Panela Indica 11.06.2021 Panela Indica #30

gostou da matéria? deixe um comentário!

Michel Araujo

Meio baiano, meio sergipano, já passou dos 20 anos e um sofrido estudante de engenharia, com uma personalidade cheia de atitude e uma leve ousadia. Viciado em séries, realites e músicas, vai me encontrar sempre por aí escrevendo reviews, numa diversidade de gêneros de série e programas de TV.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries