Segurem essa marimba que a Rainha Má está de volta a Storybrooke!

Praticamente estou considerando esse episódio como a premiere de OUAT, porque esse sim foi um episódio digno de início de uma temporada. Como eu previa, precisou da Rainha Má botar as manguinhas pra fora para agitar aquela morte que tava Storybrooke. Ela é aquela típica que nós amamos odiar, né? Na verdade, não sei nem se odeio, sei que torço pra Regina, mas que a Rainha Má é MA RA VI LHO SA não podemos negar.

No início do episódio, vemos Emma revelar para Archie o que tanto a amedronta e revela sobre as visões, levando ele a questioná-la o mesmo que nos questionamos: por quê não contar isso pra sua família (tão lindo que Hook tá incluído nisso ♥)? E ela responde que ela deveria ser a Salvadora e não dar motivos a eles para salvarem ela e Archie faz com que ela reflita sobre uma coisa importante que é o fato que ser a Salvadora tá trazendo uma carga muito pesada para ela, mas claro que depois disso ela foge porque como nosso querido e adorado Killian disse antes, trabalhar essa vulnerabilidade não é o forte de Emma né? Ela tá sempre querendo bancar a forte, a que resolve tudo e pra quebrar essa parede nem o Hook e nem ninguém consegue às vezes. Mas, pelo menos, ela se abriu pra alguém, fiquei um pouco satisfeita com isso. No fim do episódio, ela revela a Archie que devido aos atuais acontecimentos (volta da Rainha Má e as coisas que ela disse à Regina) ela tem medo que Regina seja quem a mate nas visões, wooooow! Na verdade, como eu já disse na review do episódio anterior, acho que essa visão é um tipo de distorção que o Jafar faz a todos os Salvadores como fez com Aladdin, mas o que pode ser também é que vai acontecer isso, mas de uma forma diferente, ou seja, ela não vai morrer e essa luta não vai acontecer exatamente isso. O jeito é esperar pra ver. Uma observação que achei fofa é que quando ela diz pro Archie que tem medo que Regina que a mate, ela disse que é a única pessoa que não está junto da família dela, considerando Regina da família também, owwwwn *–*

1

Gente, eu gostei muito da inserção do Conde de Monte Cristo na história, é uma pena que ele já morreu. Tinha esperanças que arrumassem alguma forma dele ficar em Storybrooke sem precisar morrer, mas não… poxa vida :/
E olha, o que foi aquele embate entre Regina e Rainha Má? OMG! Que maravilhosaaaaas! Primeiramente, uma salva de palmas para a Lana Parrilla que mostrou nesse episódio novamente o quanto atua bem, só no olhar de uma e outra já sabíamos distinguir quem é uma e outra. Ela consegue fazer a Regina com raiva sem parecer a Rainha Má e vice-versa, essa sim é uma rainha! Mas voltando à briga, quando a Rainha Má falou qual era a verdadeira intenção dela e Snow e Charming vieram em defesa de Regina e ela partiu pra cima da Rainha Má eu só faltava gritar de alegria, aquela cena foi muito boa… SOS. E depois na lanchonete, Snow que está ensinando Regina a lidar com a Rainha Má porque afinal foi ela que lidou esses anos todos com ela e quem mais conhece a mesma. Porém, eu achei uma coisa bem interessante quando a Rainha Má diz à Regina que ela despertou o pouco de maldade que tinha na Regina e isso vai crescer, como diversas vezes a série já mostrou, todos (sem exceção) tem seu lado bom e seu lado ruim e por mais que, no caso de Regina, ela tenha expurgado o seu lado ruim (que na teoria é a Rainha Má), na verdade ela como Regina sozinha também seu lado “ruim” como todos os seres humanos, como em uma temporada ela mesma mostrou a Snow que ela também tem e isso é interessante mostrar que nem em contos de fadas todos são 100% bons ou 100% ruins.

2

Destaco nesse episódio também o Henry, ele apareceu poucas vezes mas as vezes que apareceu foram carregadas com um pouco de humor e sem ser um pé-no-saco como eu sempre achei dele atualmente. Eu adorei as cenas dele nesse episódio. Ele questionando se o Edmond era o Drácula e depois se dando conta que não porque ele tava andando à luz do dia, depois ele falando para Regina que agora seria Operação Cobra 2 porque dessa vez ela era a heroína e a MELHOR… ele falando das sequências de filmes para o Hook e o Charming e o Hook mais perdido que cego em tiroteio, eu adorei aquela cena! Na verdade, eu adoro quando o Hook se vê meio perdido nesse meio tecnológico/moderno ahahahahahha
E outra né? Captain Charming + Henry eu sempre amo, eles separados sem Henry eu já amo, os 3 juntos então… é um dos poucos momentos que eu realmente gosto do Henry 😛
E por falar em Charming, aquela cena dele com a Rainha Má me deixou com uma certa pulga atrás da orelha para ver o que vai acontecer a partir disso e qual foi a intenção dela ao colocar a dúvida se o pai dele morreu de acidente de carro mesmo, pode ter certeza que não foi à toa, isso vai dar confusão no final…. Por um lado é bom porque assim talvez consigamos ter um plot digno pro Charming porque né? Tá na hora, por favor!

3 4

Ah! E a decepção de Zelena ao saber que na verdade a irmã que ela queria ter que é a Regina não terá? Quem ela terá é a Rainha Má, acho que inclusive vai dar ruim pra Rainha hein? Vejamos…O final do episódio deixou um gancho pro próximo e com vontade de vermos o 6×04, beeem diferente da premiere. Mas enfim… e vocês, o que acharam? Qual a opinião de vocês pro que vai acontecer a partir de agora?

Caroline Azevedo
Caroline Azevedo

Complicada e perfeitinha. Me tira tudo, mas não me tira minhas séries e a música. Já que não tenho o meu mozão, shippo os mozões do mundo seriador: Delena, Captain Swan, Olicity e Zade são os principais. Entre os meus vícios, estão The Vampire Diaries, Once Upon A Time, The Originals, Arrow e Supernatural.
Deixe-nos um comentário!
%d blogueiros gostam disto: