Are we all we are?

Olá pessoal, estamos de volta com mais uma edição do panelaço The Voice Kids. O tema de hoje como já previsto será as melhores batalhas do the voice kids – Alemanha  – por que somente da Alemanha? Bom, além de ser um dos mais (se o) mais popular, ele é recheado de batalhas maravilhosas, sendo assim vale a pena fazer um panelaço exclusivo para ele, assim como o da Holanda que será o próximo. A decisão de fazer o panelaço se deve ao fato de nosso The Voice Kids brasil (já viu a última review? Caso não clique aqui) iniciará nesse domingo a fase das batalhas, possivelmente a melhor e mais dolorosa fase do programa.

Bom, não vamos mais enrolar né, venham conhecer logo essas crianças maravilhosas que simplesmente arrasaram nas batalhas. 🙂

6º – Shake it Off – Taylor Swift (Zoe x Lorena x Leonie) 2015

Shake it off + crianças fofas cantando e dançando = fofura ao extremo. Essa música se encaixou perfeitamente para esse trio, destacando todas as qualidades das três candidatas. Zoe é sem dúvidas a melhor vocalista (tanto é que ela conseguiu ficar em terceiro lugar na competição perdendo para um candidato bem questionável). Nessa batalha, ela demonstrou controle, soube respeitar o espaço das outras meninas, dançou e se divertiu e claro venceu a batalha sem muitas dificuldades. Lorena é uma graça, adoro as caras que ela faz, bem caricata e engraçadinha, não possui uma voz muito poderosa, mas conseguiu se encaixar na música. Leonie tem uma voz legal, um sotaque bom quando canta e soube aproveitar seus momentos na música. Achei muito legal a coreografia que elas criaram, ficou muito boa com a música e a batida. Ótima batalha, começamos muito bem.

5º – Primadonna – Marina & The Diamonds (Judith x Emma x Tim) 2013

Pois é pessoal, vamos de Marina & the diamonds! Uma música ótima, que para meu gosto ficou muito boa na voz desse trio. A começar por Tim (o ganhador da batalha e o segundo colocado do programa nesse ano), ele tem uma voz de peito incrível, que preenche todo o local. Fez todas as transições com facilidade, atingiu as notas altas, principalmente as do refrão, e a dancinha… ah a dancinha…hahahahaha Amo pessoas esquisitinhas assim, me identifico. Emma, a segunda melhor para mim, fez um bom trabalho, mas as vezes fazia uma cara que não passava muita simpatia para mim. De qualquer maneira ela também fez um bom trabalho. Judith ao meu ver foi a que teve mais dificuldades, acho que a música estava muito alta para ela, pois parecia que ela atingia as notas altas com muita dificuldade, principalmente antes de entrar no refrão “You say that I’m kinda difficult. But it’s always someone else’s fault. Got you wrapped around my finger, babe. You can count on me to misbehave” . No resultado geral foi uma ótima batalha, bem conduzida e interpretada.

4º – The Power Of Love – Gabrielle Apllin (Marie x Julika x Michele) 2013

A batalha que fez todos chorarem. Com uma baita interpretação e entrega, essas meninas conseguiram elevar o nível dessa batalha. Vamos começar pela vencedora da batalha E do programa de 2013: Michele. Ela começou bem linear, sem se arriscar, pronunciando as palavras com uma dicção um pouco abaixo do nível. Logo no seu segundo verso ela já subiu, até que por fim ela explodiu em uma nota no final que deixaria qualquer um no local de boca aberta. Sem duvidas foi a melhor da batalha e mereceu muito ganhar o programa, mesmo com Tim sendo tão bom quanto ela. Julika tem um tom angelical. Não teve falhas, e praticamente fez as meninas seguirem o seu ritmo na música, pois seu tom se destacava bem mais do que o das outras. Já Marie começou extremamente bem, e eu achava que ela poderia ganhar com toda a certeza, principalmente depois do seu segundo verso, quando ela sobe o tom e Michele a acompanha fazendo uma nota linda, cheia de vibrato e entrega. Mas infelizmente ela errou o compasso antes de entrar no segundo refrão, e com isso a senti meio perdida no restante da música. Enquanto Michele cresceu, ela diminuiu e com isso ficou para trás. No resultado final, temos uma das melhores batalhas que eu já vi, extremamente emocionante e bem executada.

3º – Beautiful – Christina Aguilera  (Renaz x Soufjan x Pia) 2014

A batalha mais difícil de decidir o vencedor. Até eu pesquisar para montar esse panelaço, eu não imaginava quem era o vencedor dessa batalha. Os três foram MUITO BEM, fizeram de tudo nessa batalha e entregaram uma das melhores performances de todos os tempos. A começar pelo vencedor, Soufjan: dono de uma das audições mais comentadas de todos os the voice’s mundo a fora, ele não ficou por baixo e conseguiu mostrar mais uma vez o porquê de ser um dos melhores participantes desse kids. Sua voz suave e agressiva nos momentos certos, conseguiu colocar a paixão necessária para se cantar Beuatiful. Como se não bastasse, ele solta uma nota ao fim que levanta seu mentor Johannes, e claro o conquista levando-o para a vitória. Renaz tem uma voz muito poderosa, sendo assim ela é muito capaz de cantar uma música de xtina como ninguém. Acho incríveis os momentos de praticamente uníssono entre ela e Soufjan, já que o tom de ambos são bem similares. Pia foi a mais dinâmica entre os três sem duvidas, seu tom suave fez o que o próprio adjetivo já diz, suavizou a música, já que ela estava cercada por dois tons poderosos. Ela não ficou para trás, conseguiu acompanhar Soufjan no refrão e Renaz em seu verso, além de estender aquela nota no final da música de forma genial! Eu daria a vitória para Pia, mas Soufjan foi igualmente incrível, assim como Renaz também foi. Batalha inesquecível!

2º – Say Something – A great Big World feat Christina Aguilera (Samuel x Sabeschini x Hannah)2014

Já ouviram falar de harmonização vocal? Querem um exemplo? Assista essa batalha! A harmonia desse trio foi perfeita, trouxe todo o sentimento necessário para se cantar essa música, e o resultado foi um show de dinâmica e sentimentalismo. Samuel, o vencedor, conseguiu acompanhar Sabeschini e Hannah em seus respectivos versos, e ainda de quebra se destacou no final, onde cada um fez uma pequena modificação na música. A voz feminina dessa música pertence à Chirstina Aguilera, e tendo duas meninas, Samuel foi o encarregado de fazer sua voz se encaixar com a de ambas a fim de fazer igual na original com Christina. Sabeschini tem um timbre bem suave, mas estridente quando ela sobe. Em seu momento de destaque, eu achei um pouquinho exagerado, mas não deixou de ser bonito o que ela fez. Hannah tem uma voz poderosa e elétrica, fazendo totalmente o papel de xtina na música. Eu fiquei surpreso quando ela suavizou seu tom para harmonizar com Samuel, e quando ela engrossou a voz, mostrando a agressividade certa para essa música. Achei justa a decisão de prosseguir com Samuel, mas eu possivelmente escolheria Hannah. Em termos técnicos, acho que Samuel e Hannah empataram na dinâmica, sendo assim, uma das melhores batalhas que eu já vi nesse the voice.

1º – Are We All We Are – Pink (Vanessa x Tamara x Carlotta) 2014

Olha só quem aparece aqui em primeiríssimo lugar… O trio mais poderoso, animado e com as vozes mais potentes até aqui. Bom, nem preciso enrolar muito para explicar o motivo de essa batalha estar em primeiro lugar né? Basta assistir o vídeo que na primeira harmonia você vai descobrir o porquê. Vamos começar por Carlotta, a vencedora da batalha e a terceira colocada da edição de 2014 do Kids (sim TERCEIRA COLOCADA, não me pergunte como isso aconteceu). Carlotta tem uma voz única e absurda que vai além de sua idade. Ela consegue facilmente se destacar no meio de Vanessa e Tamara, e olha que as duas também possuem uma voz muito potente. Acho incrível a capacidade de Carlotta incorporar a música em sua voz, e logo no inicio vimos que ela foi logo atingindo notas altas para mostrar-se vencedora. Eu não aceito a derrota dessa menina na competição, então por isso gostaria muito que vocês dessem uma olhada na batalha do vencedor dessa edição Clicando aqui e pensem comigo, como ele conseguiu passar a frente de Carlotta, uma voz tão rara como essa? Como se não bastasse ele destronou candidatos muito fortes como Soufjan, Samuel, Hanna, Patrizia e Larissa. Mas enfim, não vamos prolongar isso e vamos para nossa segunda powerhouse dessa batalha, Tamara. Uma voz grossa, rouca, poderosa! Ela conseguiu ser até melhor que Carlotta na hora da harmonia entre as duas, mas ficou bem abaixo em diversos aspectos, um deles a energia para a música. Enquanto Carlotta e Vanessa pareciam estar desfrutando da música, Tamara parecia estar apenas fazendo sua obrigação (ou seja, cantar e arrasar, mas sem se divertir). Para uma música como essa, acha que isso conta como falta, e esse foi um ponto negativo na performance de Tamara. Agora indo para Vanessa, vamos apenas começar por essa parte “I know we’re better than the masses, but we’re all followin’ our asses”… Gente, poderosa demais né? Vanessa é bem pop, uma voz bem atual e interessante para o mercado. Ela também conseguiu se destacar, mesmo sua voz sendo claramente a mais comum ali. Essa batalha me encantou do inicio ao fim, sendo muuuuito melhor que várias batalhas que eu já vi em qualquer the voice (tanto adulto quando o kids).

Menção Honrosa – Dream A Little Dream Of Me – Ella Fitzgerald (Nicole x Lisa x Aulona)2013

Para a cota –doçuras que aumentam minha glicose- temos essa batalha extremamente fofa. Para começar, elas parecem ser irmãs, tão iguais gente hahahaha. Para mim ficou claro desde o inicio quem seria a vencedora… Aulona mostrou uma voz doce, mas muito dinâmica até mesmo para sua idade. Ela tem algo peculiar na voz que me chamou muito a atenção, uma rispidez na hora de prolongar as notas, e isso achei lindo. Nicole e Lisa fizeram um bom trabalho também, Nicole projetando sua voz, e aumentando o tom assim como Lisa. O resultado foi bem justo, mas todas foram muito bem. Obs: Aulona chegou até a semi, perdendo para o seu parceiro de time Tim, que ficou com o segundo lugar na competição.

A titulo de curiosidade, deem uma olhada na tabela do kids durante as 3 edições. Tirando Michele, o vencedor da edição de 2014 e da de 2015 são bem questionáveis para mim, pois fizeram uma trabalho bem linear durante a competição. Danyiom como eu citei na batalha de Carlotta foi uma surpresa, conseguindo destronar nomes de peso. Já Noah-Levi foi algo sem lógica, pois em sua batalha ele foi claramente o pior e mesmo assim conseguiu prosseguir… além dessa batalha esta sendo bem superestimada (clique aqui para assistir) apenas pelo fato de terem cantado Crazy in love.

kids

De qualquer maneira, devemos agradecer por termos candidatos e performances magnificas como as listadas acima né? Bom, nosso panelaço chega ao fim, muito obrigado a todos que acompanharam até aqui. Compartilhem e mostrem para todos as vozes poderosas aqui presentes, e nos vemos domingo para o inicio das nossas batalhas no kids BR. Até mais pessoal. 🙂

Ricardo Souza
Ricardo Souza

Hello, it's me... Rick, a pessoa que vos escreve com capricho e zelo (talvez sim, talvez não, nunca saberão). Estudante, aspirante e perseverante (esse ultimo adjetivo foi só para rimar). Ama escrever, e por consequência é estudante de Letras/Libras. Aqui no Panelas faz de tudo um pouco, séries, realitys e premiações.
Deixe-nos um comentário!
%d blogueiros gostam disto: