Posts Populares

Panelaço: As Melhores Estreias de 2019

Que ano foi 2019! Vamos relembrar?

É isso aí, meu povo. Estamos em dezembro e está na hora de começar a olhar pra trás e relembrar o que esse ano de 2019, cheio de turbulência, nos trouxe de bom no mundo das séries. Então, o Panelaço de hoje vai ser especialmente dedicado às melhores estreias do ano no mundo das séries. Hoje, especialmente, vou organizar em forma de ranking, com minha opinião. Bora lá?

6º Lugar – Sintonia (Netflix)

Vamos começar já com série brasileira né! A série conta da história de Doni, Nando e Rita, que são moradores da periferia de São Paulo. Ao longo dos 6 episódios, vamos vendo como a vida dos 3 é afetada pela música (em especial pelo funk), pela religião e pelo crime, que são fatores muito presentes nessas comunidades. Apesar de não ser um sucesso de qualidade como outras séries que acompanhamos, Sintonia teve a segunda melhor estreia de uma série na Netflix Brasil, mostrando que o público conseguiu se envolver de verdade com a série. Vale lembrar que a série é dirigida e produzida em parceria com o canal KondZilla, um dos maiores canais musicais do país. Confere abaixo um trechinho da série com uma das músicas que estouraram.

5º Lugar – The Boys (Amazon Prime Video)

The Boys é uma série que foge demais do politicamente correto. Baseada na HQ, a série conta a história de um grupo de super-heróis que acabam por se corromper e usar a fama e status pra se promoverem cada vez mais, colocando a população em risco. O bacana dessa série é que ela foge muito das séries de heróis que estamos acostumados, como Arrow, Smallville, e parte pra um lado mais forte e pesado, tocando em algumas feridas e temas super atuais, como estupro, violência e etc. De forma geral, a série consegue te prender por todo o contexto presente, dando um toque bem adulto e maduro ao enredo e mostrando a parte menos glamorosa dos super-heróis.

4º Lugar – Sex Education (Netflix)

Vamos seguir nesse conteúdo mais adulto. Com Sex Education, temos uma proposta bem clichê, mas que funciona super bem. Temos vários adolescentes numa escola, se descobrindo sexualmente e tendo que lidar com essas questões. Até aí tudo bem. Mas a química entre os personagens, os temas que são trazidos e a forma como são abordados, e a sutileza do enredo fazem de Sex Education uma das grandes estreias do ano. A amizade de Otis e Eric é um dos pilares da série, e ver a evolução dela ao longo dos episódios é algo fantástico. Falando nisso, Eric é um dos personagens mais carismáticos e queridos que eu vi nas séries esse ano, com tanta força e poder que é difícil não se apaixonar por ele. Dá uma chance, vai!

3º Lugar – Euphoria (HBO)

Difícil ter uma lista das melhores estreias do ano e não incluir Euphoria né. Tendo o rapper Drake como um dos produtores da série, Euphoria é uma série que vem pesada tocando em temas que muitas vezes não são abordados ou são trazidos de forma meio superficial e equivocada. Ainda que as atuações de Zendaya, como Rue, e Hunter Schafer, como Jules, sejam muito boas, a série ainda nos presenteia com uma fotografia rica e belíssima, com uma trilha sonora no ponto e com roteiro e direção super encaixados. Sem dúvidas, Euphoria é uma série super sensível e uma das melhores desse ano. Não é uma série que se perde em suas inúmeras problemáticas, mas que consegue abordar todas com um toque irresistível do encaixe perfeito de tudo na série.

2º Lugar – Segunda Chamada (Globo)

Sem deixar de falar de séries tocantes, temos a ótima Segunda Chamada, aposta da Globo pra 2019. Uma série que trata sobre a educação, em um dos momentos mais críticos pra essa área na história recente do Brasil. A série segue conta a história de alguns professores do EJA (ensino para Jovens e Adultos) de uma escola pública, dos problemas que passam, dos problemas que os alunos passam, e consegue mostrar uma realidade que às vezes passa invisível aos nossos olhos. Com elenco maravilhoso incluindo Debora Bloch e Thalita Carauta, a série consegue também fazer um trabalho muito bom em mostrar a pluralidade das ideias e das pessoas dentro de uma escola, o que nos faz aproximar cada vez mais do que é contado na série. Uma das melhores do ano, e não fez por menos!

1º Lugar – When They See Us (Netflix)

Pra coroar 2019, uma minissérie pesadíssima! Baseada em fatos reais, Olhos Que Condenam (tradução para When They See Us) traz a história de adolescentes negros e latinos que se veem em uma emboscada feita pela polícia e promotoria de New York, transformando-os em bandidos por um crime que não cometeram. As atuações da série são muito boas, mas o que realmente chama a atenção é o enredo e o fato de isso ter acontecido mesmo. Durante os episódios, quando você vai conhecendo os personagens e vendo o que aconteceu, você vai pegando raiva, vai ficando angustiado por ver aquela injustiça acontecer. E veja só, enquanto a história se passa nos EUA, há alguns anos atrás, temos algo acontecendo aqui também. Não tem como não perceber relações de racismo entre as ações truculentas da polícia americana e da polícia paulista. Uma realidade que poderia ficar só nas telinhas mesmo, mas que convivemos todo dia.

E é isso minha gente. Esse ano tivemos muita série boa, abordando alguns assuntos leves e outros assuntos mais pesados. Não dá pra reclamar, tem pro gosto de todo mundo.

Se você viu outra série que não está na lista, conta aqui pra gente. Vai que ela aparece em outra lista e futuro Panelaço né!

gostou da matéria? deixe um comentário!

Gerson Elesbão

Um @gerson incomoda muita gente, um @gersonrealoficial incomoda incomoda incomoda muito mais! É DC, é Marvel, é Netflix, é reality. Se a série for boa, chama no probleminha, bebê!

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries