Algumas informações importante sobre a sexta temporada da série.

Não restam dúvidas que Game Of Thrones é a série de maior destaque dessa década, prova disso é o sucesso de crítica e audiência que ela vem tendo ao longo desses seis anos, desde sua primeira exibição. Essa sexta temporada foi um sucesso absoluto. Quem vem acompanhando a série vai concordar que essa foi uma das melhores temporada da série. Batalhas, revelações, reviravoltas e muitas mortes, são marcas registradas do autor George R. R. Martin e nessa temporada ele abusou dessas características, que aliás são o grande diferencial tanto da saga nos livros, quanto na série televisiva.

Para comemorar tamanho sucesso da série, eu e Gerson, paneleiros de plantão no quesito GoT, resolvemos fazer uma análise geral de alguns aspectos dessa temporada. Aliás já foi confirmado pela HBO que teremos apenas mais duas temporadas para o seu encerramento e essas duas últimas temporadas contarão com um número reduzido de episódios (13 no total). Então, enquanto aguardamos ansiosamente a nova temporada, só em 2017, bora conferir alguns detalhes importantes dessa última temporada exibida.

6. Furos de Roteiro

A série é ótima, mas existem coisas que fã algum deixa passar né. Aí que entram os furos de roteiro. Fizemos questão de listar alguns furos gritantes de roteiro dessa temporada. Vamos por partes:

  • Dorne – Gente, tudo de Dorne foi um fracasso nessa temporada. A revolta de Ellaria e suas filhas, frente ao descaso da morte de Oberyn, foi um ponto muito zuado, que rolou logo no início da temporada. Como que alguém vinga a família matando a própria família? Não faz sentido! E pior: como que uma menina de 1,50 m mata um guarda de 3 metros de altura com uma facadinha nas costas? E não venha me dizer que estava envenenada, porque veneno nenhum age assim tão rápido. Faltaram explicações sobre as motivações da rebelião em Dorne e sobre tudo que aconteceu na cidade.

  • Davos e Melisandre – Quem acompanha a série desde sempre sabe o ódio que Davos sempre teve por Melisandre, ainda quando Stannis vivia. Davos sempre foi contra as magias de sangue e até tentou matar a feiticeira uma vez. Pois bem no início dessa temporada, parece que tudo ficou pra trás. Davos babou o ovo de Melisandre pra ela ressuscitar Jon Snow e esqueceu de tudo que eles tiveram. Até aí tudo bem. Mas os roteiristas inventaram de colocar Davos perguntando o que havia acontecido com Shereen e Stannis. GENTE, tanto tempo depois e só agora ele quer saber? Me poupe! Davos foi muito incoerente e virou mais um furo de roteiro da temporada.
  • Arya em Braavos – Esse tópico vai ser bem curto, pois nem tem o que discutir. Depois de fugir da casa do Preto e Branco, Arya decide voltar pra Westeros, enquanto a Criança Abandonada (a chata dos treinos) está caçando ela. Sabendo disso, a caçula Stark fica dando sopa em Braavos, toma umas facadas na barriga (tanto quanto Jon Snow no fim da 5ª temporada), cai num rio podre de sujo e ainda sobrevive! WTF? Não dá pra defeder esse enredo não.
  • Teletransporte em Westeros – Esse aqui ficou evidente pra todo mundo né! Teve Mindinho usando o teletransporte e voando do Vale pra Winterfell em 2 tempos; teve Varys indo de Meereen pra Dorne e voltando pro meio do mar em apenas 1 episódio; e pra terminar teve Arya saindo de Braavos e chegando nas Gêmeas rapidamente. Alguém me passa o número desse Uber que vai tão rápido, faz favor.
  • Fantasma – Pra completar: cadê o lobo de Jon Snow durante toda a Batalha dos Bastardos? Cadê Fantasma em Winterfell com Jon e Sansa esperando o inverno chegar? Cadê esse maldito lobo que ninguém nem mais falou na série?

5. Cenas de Ação

Esse tópico não poderia faltar em nosso Panelaço, principalmente porque essa temporada teve a maior cena de batalha já filmada na série (A Batalha dos Bastardos), os produtores já tinham prometido essa cena antes mesmo da série estrear e valeu muito à pena ter esperado por esse episódio. A batalha dos bastardos foi um marco da série, as cenas ficaram incríveis e conseguiram nos prender em todos os detalhes e principalmente nos deixar sem fôlego e agoniantes para saber o seu fim, pudera que foram mais de meia hora de episódio só dedicados a tão aguardada batalha.

Apesar dessa cena espetacular, vamos fazer justiça e citar também uma das cenas mais agoniante da série, a fuga de Bran, Meera e Hodor foi desesperadora. Ver eles fugindo dos zumbis foi sufocante e pra fuder de vez com nosso psicológico, a cena terminada com uma morte digna de corta o coração de qualquer fã. Outra cena de ação que não pode passar despercepida aqui, foi a explosão do templo de Porto Real (Grande Septo), arquitetada pela maquiavélica Cersei, a cena foi muito bem filmada e criou um clima de suspense e tensão, com um fundo musical bem sombrio, aliás uma puta cena do último episódio.

Para mim essa foram as três melhores cenas de ação da série, mas além dessas, houveram também a perseguição de Arya que resultou no desfecho do seu dilema em se tornar “ninguém”, além das cenas de ação com Daenerys, a primeira contra os líderes Dothrakis e a outra contra os antigos mestres de escravos em Meereen, além da cena de ação envolvendo Ned Stark e Rhaegar Targaryen na Torre da Alegria. Apesar de tanta ação na temporada, também vamos lembrar das “cenas de ação” que não aconteceram, me frustaram muito a cena em que Tommen se alia ao Grande Pardal e evita o grande confronto planejado por Cersei, Olenna e Jaime, além da “rendição” na batalha para conquistar Correrio. Peixe Negro bem que tentou lutar, mas seu sobrinho acabou se rendendo e entregando o Correrio de mão beijadas para os Freys.

Nova pasta (2)

4. Teorias

O que é uma temporada de Game of Thrones sem as teorias mais plausíveis e até absurdas criadas pelos fãs nos mais diversos fóruns da internet? Nessa temporada não foi diferente. Tivemos teorias que os fãs esperavam muito e não rolaram, como a da Lady Stoneheart, que seria Catelyn Stark ressuscitada pela Irmandade Sem Bandeiras e que viria se vingar de todos que destruíram sua família. Imagina que massa seria! Mas os produtores enganaram a todos e não rolou (ao que parece, nem rolará). Outra teoria furada foi a do #CleganeBowl, que seria uma luta épica entre os irmãos Clegane: o Cão vs. a Montanha. Esperava-se que esse confronto ocorresse no julgamento por combate de Cersei, frente à Fé Militante. Mas todos brochamos quando Tommen afirma que esse tipo de julgamento foi extinto dos Sete Reinos.

Mas nem só de fracassos vivem os fãs. Algumas teorias aguardadas foram confirmadas. Uma delas foi a que o Mãos Frias (um personagem dos livros) foi substituído por Uncle Benjen (o titio Stark) e ajudou a salvar Bran e Meera quando eles fugiam dos White Walkers. Outra teoria confirmada foi a do Cão Coveiro, que afirmava que o Cão Clegane não havia morrido. E tivemos um episódio inteiro dedicado ao personagem, mostrando como ele foi salvo e o que estava fazendo. Outras teorias interessantes e confirmadas na série foram a criação dos White Walkers pelos Filhos da Floresta, como uma arma para combater os Primeiros Homens, mas que acabou saindo do controle, e também a teoria da Torta de Frey, que nos livros é abordada por outro personagem, mas na série foi Arya quem fez uma torta com os filhos de Walder Frey e levou pra ele comer. Tenso!

Mas a teoria mais aguardada é a R + L = J, que assombrou os corações dos fãs desde o início da série. A teoria diz que Jon Snow é na verdade filho de Lyanna Stark (irmã de Ned) com Rhaegar Targaryen, o príncipe  herdeiro do trono de ferro. E a teoria foi confirmada na season finale com uma das visões de Bran. Jon não deixa de ser um bastardo, mas é um bastardo nobre agora.

Pra encerrar o tópico, tivemos duas teorias loucas que caíram por terra, mas que valem a pena relembrar. Uma delas é que Hodor era um warg e ficou preso na mente de um cavalo, resultando nos seus problemas mentais atuais. Vê se pode! Hodor um cavalo KKKKKKKKKKKKKK Obviamente, a teoria caiu por terra quando descobrimos o significado de “Hold the Door”. Outra teoria besta é a que Sansa estaria grávida de Ramsay, e por isso ele afirma que ela ainda tem uma parte dele dentro dela. Gente, óbvio que não. Os fatos tão aí pra mostrar que isso nem é possível. Ele provavelmente quis dizer que destruiu a inocência de Sansa e que a transformou em uma pessoa pior, o que faz bem mais sentido.

3. Recordes

Uma série tão grandiosa é cheia de recordes. Esta temporada quebrou alguns recordes da série e por isso resolvemos discutir este tópico, com alguns fun facts e curiosidades.

  • Tyrion Lannister é o personagem que mais apareceu em toda a série. Ele esteve presente em 54 de 60 episódios lançados até agora. Seria uma indicação de que ele é uma das 3 cabeças do dragão?
  • Dos 60 episódios da série, em apenas 5 episódios nenhum personagem morre. Dentre estes, o episódio 6 da sexta temporada, intitulado “Blood of my Blood”, não marca nenhuma morte durante os 60 minutos de exibição.
  • A primeira temporada de Game of Thrones custou entre 50 e 60 milhões de dólares, e até então era o maior valor gasto na série. No entanto, este recorde foi superado na sexta temporada, que custou mais de 100 milhões de dólares, sendo que cada episódio custou cerca de 10 milhões de dólares.
  • Esta temporada foi marcada por altos índices de audiência, mas a Season Finale bateu todos os recordes de audiência da série. O episódio “The Winds of Winter” marcou 4.4 pontos de demo e fez aproximadamente 8.9 milhões de pessoas pararem para assistir, segundo dados da HBO.
  • A maior batalha da série, registrada no episódio 9 desta temporada e chamada de A Batalha dos Bastardos, demorou 25 dias para ser filmada, contou com 500 figurantes, 600 membros da equipe técnica e 70 cavalos (nada fáceis de controlar em cena).
  • O ator que interpretou Wun-Wun, o gigante selvagem que todos lamentamos a morte, foi Ian White, que tem cerca de 2,16 m de altura. Dá pra entender o porquê de ele ter pego o papel né?

2. Audiência e Crítica

Diferente de outras séries que vão caindo sua audiência aos poucos, Game Of Thrones tem tido uma crescente na audiência, desde sua estréia. Essa temporada bateu a maior audiência entre todas as temporadas até então e também foi nessa temporada que tivemos o episódio mais assistido da série foi o último (“The Winds of Winter“), antes dele o episódio mais assistido era o último episódio da quinta temporada (“Mother’s Mercy“). A média de audiência da sexta temporada, foi de 7.68 milhões de espectadores por episódio e o episódio menos visto, “Blood of My Blood” obteve 6.71 milhões de espectadores, um sucesso de audiência e bastante expressivo quando comparada com a média da primeira temporada (2.52 milhões).

large

Já em relação as críticas, foram bastantes positivas e favoráveis, por vistos que a série tem sido muito bem elogiadas entre os fãs da série televisiva e a crítica especializada. Para ter noção da crítica, no Rotten Tomatoes, a temporada obteve uma excelente aprovação de 94%, sendo os episódios “The Door“, “Battle of the Bastards” “The Winds of Winter“, os mais elogiados pelos críticos e fãs da série.

Cersei Lannister 9

1. Mortes

Essa temporada o que não faltou foi sangue, acho até que foi a temporada da série com maior número de mortos. Para se ter ideia, não há como dizer ao certo o número de mortos dessa temporada, por visto que só na batalha dos bastardos e a explosão do templo de Porto Real, já foram duas chacinas que dizimaram diversas pessoas de uma vez só, em especial na explosão foram mortos diversos personagens do elenco regular da série. Dentre as diversas mortes, as maiores perdas foram: Hoddor, Margaery, Rickon, Tommen, Alto Pardal, Roose e Ramsay, digo como maiores perdas pela relevância de seus personagens na série. Dentre todas essas, a mais comovente e de maior destaque, foi a morte de Hodor que foi uma cena linda e emocionante, uma cena de cortar o coração de qualquer pessoa, principalmente pelo o que sua morte representou na série, o personagem se despediu da melhor forma possível, ele se foi de uma forma tão heroica que apesar de toda a falta que ele fará na série, fizeram um desfecho bem digno para ele. Como a lista de mortes da temporada é enorme e como eu, tenho certeza que você não consegue lembrar de todas as mortes da sexta temporada, o vídeo abaixo te relembrará de todas elas.

E aqui encerra o nosso panelaço da sexta temporada de Game Of Thrones, espero que vocês tenham curtido esse post que veio com o intuito de homenagearmos essa temporada fantástica que curtimos muito ter acompanhado com vocês. E vocês curtiram o Panelaço? Acha que esquecermos de algum tópico importante da temporada ou alguma informação importante de algum dos tópicos? Deixem aqui  abaixo, sua opinião e sugestões sobre o post. Não esqueçam de conferir o nosso #NowPlaying, que traz tudo sobre a trilha sonora fantástica da temporada. Clique AQUI pra conferir. No mais, até breve e fiquem sempre ligado nas nossas publicações.

Michel Araujo
Michel Araujo

Baiano perdido em Aracaju, fã de realities show musicais e séries. Uma personalidade misturada a humor, sarcasmo e uma leve ousadia.
Deixe-nos um comentário!
%d blogueiros gostam disto: