Posts Populares

Panelaço: Melhores Beijos LGBTQIA+ da séries

Para comemorar o mês do orgulho gay preparamos um especial com os melhores beijos queer das séries.

  • Marisa e Alex

O primeiro beijo gay numa série a gente nunca esquece. Apesar de que hoje qualquer série que se preze tem um casal homoafetivo, há quinze anos atras esse feito não era muito comum. Especialmente em séries teen. E a minha primeira experiência vendo um beijo LGBT foi com O.C.. O que pode ter sido um choque dado que Marisa era a protagonista e formava par romântico com o principal. Mas o tratamento que a série deu ao relacionamento das duas foi bem leve e legal de se ver.

 

  • Kurt e Karofsky

Esse beijo foi inesquecível. Kurt sempre foi o bulinado da escola, e seu principal algoz era o Karofsky. E qual nossa surpresa ao ver que o homofóbico era na verdade gay enrustido, cheio de desejo reprimido por outro homem. Jogada ousada e esperta de Glee. Invertendo o papel de vítima de Kurt para Karofsky. Apesar de tudo de ruim que Karofsky tinha feito, impossível não ficar com pena dele.

 

  • Daryl e White Josh

Aqui temos um beijo representativo de duas classes sub representadas no meio queer. Daryl é um cara divorciado de meia idade que se descobre bissexual um dia. Sim, bissexuais existem e não é uma fase de parada para a estação gay. Assim como nunca é tarde para descobrir sua sexualidade. O modo como Crazy Ex Girlfriend tratou o tema foi de dar orgulho. Vale a pena ver o episodio que Daryl sai do armário. E o fato dele se relacionar com White Josh, um branco padrão de academia novinho, foi de dar mais gosto ainda. Por mais casais diferentes na TV e não apenas gêmeos namorando.

 

  • Stella e Piper

Representado as não binaries, temos a linda-maravilhosa-opção sexual sexual de qualquer pessoa, Ruby Rose. Ela engatou um romance com Piper em Orange is The New Black e tinha uma atitude muito cool. Muitos até preferiam u australianu do que a principal. No final da season descobrimos que a Stella era na verdade vilã. Afinal, quem nunca se apaixonou por um Judas não é mesmo?

 

  • Poll e Bruno.

E não podia faltar claro um casal padrãozinho nessa lista. Dois boys gatos para nos fazerem babar. O bom desse casal é que Bruno sempre teve problemas com sua sexualidade e foi se aceitando aos poucos enquanto Poll é aquele boy hetero pegador do colégio que não deixa passar ninguém. Do nada Poll se joga (o sonho de qualquer gay, pegar o boy padrão do ensino médio) e acaba pegando Bruno. Os dois protagonizaram cenas muito quentes. Diria que está entre os melhores beijos que já vi.

 

  • Bojack e Herb

E para finalizar nossa lista o temos o beijo entre um homem e um cavalo. Quem diria. Esse beijo entra aqui pelo momento climão, pois na verdade foi um beijo roubado e inesperado. Herb é um gay no armário (fato que até o beijo não sabíamos) que beija Bojack por impulso, sendo que Bojack é hetero e seu melhor amigo. Basicamente foi um beijo não correspondido. E não só de momentos lindos e amorosos a gente vive. Sempre tem aquele beijo estranho e inesperado que marca nossa vida. Seja por bem ou por mal.

gostou da matéria? deixe um comentário!

Autor

Roz

Engenheiro por formação, escritor wannabe por obrigação. Nem exatas, nem humanas, renascentista. Reinventando-se. Inconformista. Cinéfilo. Cosmopolitan. Shitalker. De Pepita a Bowie. De 80s cheese a Sopranos.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries