Posts Populares

Panelaço: Melhores Séries Sci-Fi

Ficção científica é aquele gênero meio esquecido, mas a gente sabe mais dele do que imagina. Pra ajudar a perceber isso, toma essa lista com alguns dos melhores de todos os tempos. 

Ficção científica é um daqueles nichos que muita gente torce o nariz quando escuta alo sobre. Mas, ao mesmo tempo, é um gênero que todo mundo gosta, mesmo que não perceba que a série favorita faça parte do nicho. Nesse panelaço, a ideia é falar sobre algumas unanimidades mas também sobre algumas coisas mais esquecidas. Ah, a lista não é em ordem de importância ou qualidade.

Twilight Zone (Além da Imaginação)

Não dá pra fazer uma lista séria sobre ficção científica sem falar sobre a série que serviu de inspiração pra todas as outras que vieram depois. A premissa da série, que passou entre 1959 e 1964, era bastante simples: uma antologia, com episódios independentes, que falavam das mais diversas temáticas, que serviam como critica social ao mesmo tempo que mostravam realidades alternativas, vampiros, cenários de fim do mundo e tudo o mais. Black Mirror é uma que bebeu bastante dessa fonte. E, não dá pra esquecer, que a série vai receber uma nova versão, produzida pelo Jordan Peele, e o lançamento vai ser esse ano. Já recomendo bastante.
P.S.: tem um episódio genial em que tem um funcionário de uma agência bancária que adora ler, mas nunca tem tempo nenhum pra isso. Aí, um belo dia todo mundo morre e ele fica como único sobrevivente. Ele vai na biblioteca, faz pilhas e pilhas de livro, faz tabelas de leitura e quando tá se preparando pra começar a leitura, o óculos dele quebra. Pronto, tá feito o episódio.

Fringe

Eu não tenho nenhuma dúvida de que Fringe é a melhor série que as pessoas não viram. Tá no meu top 5 de séries da vida e eu acho que todo mundo deveria ver. A ideia da série é abordar temáticas científicas, naquela estrutura de “casos da semana”, mas que eventualmente vai crescendo pra algo maior, algo grandioso, que envolve mais do que apenas a nossa realidade. O trio de personagens principais é muito carismático e não vai demorar muito pra tu se apaixonar pela Olivia Dunham, pelo Peter Bishop e pelo Walter Bishop. Pra quem tá pensando em fazer Biotecnologia ou cursos relacionados, a série ganha um peso ainda maior.

Person of Interest

Um carinha, muito conhecedor de computadores e programação, criou uma Máquina que podia acessar todas as imagens, sons, mensagens no celular, tudo basicamente, na cidade de New York. E essa Máquina (sim, com letra maiúscula mesmo) conseguia prever crimes, dos maiores aos menores. O governo só se importava com os maiores, questões de terrorismo, e não tava nem aí pra quem morria por violência doméstica. Aí, esse carinha recebia, quase que diariamente, o CPF de pessoas, que podiam cometer o crime ou ser alvo dele. E em dado momento, ele não aguentou mais lidar com esse peso e contratou um ex-militar, que foi dado como morto e ele ia atrás das pessoas, investigando qual o papel delas nos crimes. Se tu não ficou com a menor vontade de ver, duas coisas podem ter acontecido: ou eu conto histórias muito mal ou teu coração tá gelado demais.

Eureka

O amor que eu tenho por essa série é inacreditável. Sabe aquela série do coração, que tu guarda com carinho e vê sempre que tá triste e quer dar uns sorrisos? Pra grande maioria da população, isso acontece com Friends, ou HIMYM ou até mesmo Grey’s Anatomy (o que não faz muito sentido, mas ok). Mas Eureka é tão fofinha que eu prometo que, se tu der uma chance, vai ganhar um espaço no teu coração também. Mas qual é a história da série? Depois da Segunda Guerra Mundial, os Estados Unidos resolveu colocar todas as pessoas com um QI alto em uma cidade, escondida no meio do nada, como uma forma de proteção e garantia caso as bombas nucleares começassem a voar por aí. Aí, todo mundo lá é absurdamente genial, desde o cozinheiro até o porteio da empresa. Todo mundo menos uma pessoa, o xerife, que é convocado pra trabalhar lá, em tempos atuais, depois que gerações de pessoas geniais se reproduziram. Só que, apesar de estar muito “abaixo” em nível de inteligência, o xerife tem um senso, uma percepção que as outras pessoas não têm, o que torna ele muito útil. Vou parar se não vou contar a série toda, mas vejam Eureka, falam esse bem pra vocês.

X-Files (Arquivo-X)

Depois de Twilight Zone, essa é a série com maior importância histórica nessa lista. Mulder & Scully são os agentes que a gente pensa toda hora que tem alguma coisa envolvendo a suposta existência de aliens, ou quando algo muito muito muito estranho acontece. Eu acho que a essa altura do campeonato, todo mundo já sabe qual é a história da série, então não vou prolongar isso. Mas, basicamente tudo que veio depois nesse ramo e, até mesmo fora dele, tem a ver com Arquivo-X.

MENÇÃO HONROSA: Lost

Eu lembro do fenômeno que Lost foi, na época do lançamento e à medida que a série ia acontecendo, como esse fenômeno só continuava. Foi um dos episódios pilotos mais caros da história da televisão e essa coisa de acompanhar série, de ficar fazendo teorias e especulando possibilidades, surgiu com Lost. Inclusive, foi a primeira série que fez o pessoal ter interesse de ver ao vivo, de não querer esperar sair nos canais de TV aqui do Brasil. Ah, tinha um avião que caiu numa ilha e altas aventuras aconteciam lá e fora de lá. A discussão, criada pelo final, permanece até hoje, mas no geral todo mundo reconhece a importância de Lost nas nossas vidas.

gostou da matéria? deixe um comentário!

Rafael Augusto

Um hiperativo que não sabe viver sem ler, escrever, ouvir música, ver séries e filmes, geralmente tudo ao mesmo tempo. Fã de ficção científica, suspense, Stephen King e histórias em quadrinhos.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries