Posts Populares

Scream – S03E04 – Ports in the Storm

“Delatores morrem.”

O quarto episódio dessa temporada, até aqui, foi o meu preferido. Gostei de como foram conduzidas cada situação, de forma que todas as tramas centrais foram muito bem desenvolvidas. Diferente do episódio anterior, mesmo com tantas coisas acontecendo simultaneamente, cada personagem estava ligado diretamente a uma delas e com isso tendo seus momentos de destaque. O episódio foi um mix de saudosismo pela morte do Manny, comportamento suspeito de Liv e romance entre Amir e Beth, tudo envolvendo um grande plot revelado no fim do episódio.

De uma forma bem singela, foi muito bonito a forma como a série tratou a despedida de Kim ao seu grande amigo, gostei também deles terem criado um romance para o Manny, mesmo não surpreendendo tanto por tratar-se de um personagem recorrente. O romance entre o nerd e a rebelde, mesmo que soando tão clichê, achei que foi feito de uma forma mais natural, mesmo não curtindo o casal, tenho que dizer que tem química em cena.

Preciso muito falar da Liv, porque realmente a personagem me irrita, zero empatia por ela. Fico decepcionado porque eu amava a atriz em Skins, mas aqui acho seu personagem muito mal conduzido, sua falta de personalidade e o fato de tentarem forçar um comportamento suspeito nada sútil. Engraçado que em Skins eu sofri muito pela morte da personagem dela, aqui eu torço que seja a próxima vítima. Por outro lado, o Deion também não ajuda em nada, com um perfil sem muitas camadas e um excesso de mocinho injustiçado que não colabora muito. Dito isso, gostei muito de todas as cenas de tensão entre os personagens, o ataque ao pai de Liv deu uma boa movimentada no episódio e uma boa escada para os episódios finais.

O melhor momento dessa temporada foi justamente o plot no qual eles eram convidados a escolher a próxima vítima, no final tratando-se de uma “pegadinha” com o intuito de eliminar o traíra entre eles, aliás algo que já foi antes usado inteligentemente no episódio “Hated In The Nation” de Black Mirror. A morte do Amir criou uma espécie de divisão de pensamento, uma vez que ao mesmo tempo que o público se compadecia do personagem, principalmente logo após do seu envolvimento amoroso com Beth, a sua morte foi apenas resultado de sua covardia. Com a morte de Amir e o foco em poucos personagens, as suspeitas caem para cima da Liv, Beth, Kim e/ou Jay, sendo que Liv acredito que talvez não seja por conta de ser tão óbvio, Kim também não apostaria por conta de todo seu humor na trama e carisma, restando Jay ou Beth, sendo que Beth não consigo ver uma motivação que justificasse todas as mortes. Importante ressaltar que como na franquia tudo é possível, pode ser capaz do assassino ser mais de um, assim qualquer um deles pode ser muito bem o Ghostface.

Encerro aqui mais uma review. Estamos próximo no final dessa temporada, apesar de ter curtido muito esse quarto episódio, ainda assim acho que essa temporada está bem aquém da produção da MTV, porém quem sabe os últimos episódios não nos surpreenda. Até breve!

gostou da matéria? deixe um comentário!

Michel Araujo

Meio baiano, meio sergipano, já passou dos 20 anos e um sofrido estudante de engenharia, com uma personalidade cheia de atitude e uma leve ousadia. Viciado em séries, realites e músicas, vai me encontrar sempre por aí escrevendo reviews, numa diversidade de gêneros de série e programas de TV.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries