Should I stay or should I go?

Gente, que episódio maravilhoso! Se o piloto tinha sido ótimo e feito seu papel direitinho, o segundo episódio veio pra nos fazer estreitar relações com os personagens.

Eu vou começar pela relação de Mike, Dustin e Lucas com a nossa doce El (11). Após encontrarem a menina na floresta, eles querem saber quem ela é e o que aconteceu. O problema é que a nossa pequena estranha não fala nada. Dá pra ver a relação de Mike e El se estreitando quando ele decide abriga-la e ajuda-la. Ele passa confiança a ela, bem diferente dos outros meninos. Com o passar do episódio, vemos que ele se mostra um verdadeiro amigo e ajuda ela a se esconder e a entender melhor as coisas, inclusive ensinando palavras como “promessa” e “amigo”, esta última introduzida por Lucas.

Untitled 2

Ainda sobre El, quando Mike tenta enganar sua mãe, ele deixa a menina no closet, e isso traz à tona memórias ruins dela, uma vez que ela foi presa. Vemos ainda que El não é uma menininha qualquer. Ela parece ter poderes de telecinésia, segurando a porta e impedindo Lucas de expô-la para os adultos. Por fim, El pode saber onde Will está e ela tenta se expressar como pode, inclusive dizendo que ele está escondido de algo ou alguém, que ainda não sabemos ao certo.

Enquanto isso, temos Wynona Rider dando um show na pele da mãe de Will, Joyce. A preocupação dela de descobrir o paradeiro do filho é maior do que tudo, e pra isso ela enfrenta quem quer que seja, incluindo seu chefe no mercado local e o delegado. Ela compra um telefone novo, e já no fim do episódio recebe mais uma ligação suspeita. Só que desta vez a ligação veio acompanhada de fenômenos bizarros, que num primeiro momento a deixaram aterrorizada, mas que ela tentou compreender e entender quão relacionados estavam estes eventos com seu filho Will.

Untitled 3

O outro filho de Joyce, Jonathan, decidiu ir atrás do pai e aí tivemos mais um personagem apresentado: Lonnie. Ele também interagiu com Nancy no colégio, enquanto colocava cartazes de Will. Por fim, sabe-se lá por quê, Jonathan estava fotografando na floresta e ouviu os gritos vindo da casa de Steve. Ele praticamente testemunhou o sumiço de Barb, mesmo que não tenha ficado muito claro.

Outros núcleos apareceram no episódio, como os diálogos do delegado com algumas pessoas, mostrando o quando ele está intrigado com o caso, inclusive com a morte de um conhecido, supostamente por suicídio. Outro núcleo importante foi o dos cientistas do governo, que encontraram algo na casa de Will, quando ninguém estava em casa. Será que eles estão procurando o que atacou Will e Barb? Pra encerrar, ainda tivemos o núcleo sem graça de Nancy, Steve e a festa na casa do garoto, que de nada agregou pra narrativa principal.

Untitled 4

Gostei muito desse episódio, mais do que do piloto. A parceria de Mike e El parece muito promissora, além de contar com a preocupação de Lucas e as ótimas sacadas de Dustin (marcadas mais ainda por sua falta de dentes ahahahahha). Eu queria entender mais ou menos quantas coisas estão espalhadas pela cidade, pois já temos 11 e a coisa que sumiu com Will e Barb. Quantos mistérios ainda existem em Hawkings?

Gerson Elesbão
Gerson Elesbão

Nem tão complicado demais, mas nem tão simples assim: quebra-galho, colunista e seriador. Dificilmente atualiza o Banco de Séries, mas adora gongar as séries amadas pelo público. @gersonelesbao
Deixe-nos um comentário!
%d blogueiros gostam disto: