Posts Populares

Supergirl – S05E04 – In Plain Sight

Um episódio que trouxe um grande desenvolvimento para trama e uma grande despedida.

Embora o quarto episódio da quinta temporada de Supergirl tenha trazido um grande avanço para as tramas, principais e secundárias, ele falhou ao tentar abordar vários pontos desses arcos em um mesmo episódio. Como houveram muitas tramas neste episódio, iremos dividir essa review em partes para facilitar o entendimento.

Nia, Kara e William:

Nia e Kara continuam investigando William por ele estar escondendo segredos e estar presenta em algumas cenas de assassinato. Enquanto Kara estava ocupado no DEO, Nia usa seus poderes para investigar o repórter, e descobre que ele foi para o Novo México, avisando Kara para que ela o seguisse.

Ao chegar lá, é descoberto que William está envolvido no assassinato de mais uma pessoa, e Kara, ao investigar o apartamento dessa pessoa é atacada por uma meta-humana que a confunde com o alvo. Kara a prende e a leva para o DEO. Contudo, Nia e Kara descobrem que a vítima na verdade está vida, e que sua morte foi falsa. Junto dessa informação, elas também souberam que a vitima possui um apartamento com alguém desconhecido em National City, e investigando elas também descobrem que essa outra pessoa é William.

Ao final do episódio Kara vai ao apartamento para tentar esclarecer as coisas. Lá ela acha várias um quadro de investigação de Andrea Rojas, a nova dona do CatCo. É então que William aparece e esclarece que está trabalhando com a Interpol em uma operação em que Andrea é o centro de tudo, mas que não possui provas para prendê-la. Ele também se mostra como uma boa pessoa, pedindo desculpa a Kara pela forma com que ele tratava ela, e diz que gosta dela. Mas isso levanta algumas questões, será que William está falando a verdade ou ele está apenas enganando Kara? Se ele estiver falando a verdade, em que Andrea está metida? Estará Lena envolvida em tudo isso, já que foi ela quem vendo a CatCo para Andrea?

James e Kelly:

Enquanto ainda fugiam de Malefic, James e Kelly decidem retornar para sua antiga cidade e ficar na casa de sua tia. Ao chegar lá esses percebem que agora existe uma grande prisão na cidade e que ela está sendo usada como base de corrupção.

Ao chegarem na casa de sua tia, eles encontram um garoto que estava ficando lá por algum tempo, mas ele foge. Ao irem para a cidade eles o reencontram e decidem ajuda-lo o convidando para jantar com eles, o nome do garoto era Simon. Assim, eles souberam o que estava acontecendo na cidade e o porque nenhuma atitude era tomada.

James então vai ao jornal da cidade, onde ele trabalhou no inicio da carreira. Seu antigo mentor agora é o editor chefe, e ele acredita que conseguirá justiça ou alguma atitude ali. Contudo, seu antigo amigo diz que não pode fazer nada a respeito, senão perderia s investidores e não conseguiria manter o jornal.

James e Kelly decidem retornar para National City, já que Kelly não apenas conseguia ver Malefic, mas teve sua mente ligada à dele e consegue ver o que ele ver. Retornando para a cidade eles conseguem ajudar a equipe e o DEO a “derrotar” o vilão.

Ao final do episódio vemos James se despedindo do grupo, e provavelmente da série. Ele decide retornar para a sua antiga cidade, comprar o jornal e lutar por justiça. Confesso que esse episódio, ou ao menos esse arco, mais parecia um episódio piloto para uma produção solo focada em James. Embora ele não seja um personagem muito amado, por assim dizer, ele possui potência, e uma série spin-off mostrando ele ajudando a cidade como James e como Guardião, poderia acabar funcionando, embora as chances de fracasso sejam grandes. Mas a trama que nos foi apresentada é muito boa, e confesso que fiquei querendo saber mais sobre a cidade e o que está acontecendo ali. Bem, eu assistiria uma série focada nele, e vocês?

Kara, J’onn, Alex, Brainy e Lena:

Na trama principal, tivemos o DEO continuando sua luta contra Malefic. Após mais um fracasso, Alex está desesperada e forçando Brainy a consertar os inibidores mantais e o dispositivo que levaria Malefic para a Zona Fantasma, para ajudar, Lena foi chamada. Contudo, após os fracassos dele, Alex decide usar uma arma criada por Hank Hanshaw para ferir J’onn, que faz com que ele e Kara tentem impedi-la. Mas ao ver que Brainy não está conseguindo, ela prepara a arma do mesmo jeito.

O motivo de Brainy não está conseguindo é Nia, após a discussão que ambos tiveram no episódio anterior, ele não está conseguindo se concentrar, mas com a ajuda de Lena, eles conseguem resolver a situação. Mas não antes de Malefic controlar a mente de Alex e fazer ela e Kara saberem da verdade sobre o que J’onn fez com ele, o apagando das memórias dos Marcianos.  Assim, Malefic, que agora possui a arma e Alex, atrai J’onn para fazê-lo sofrer, mas ele leva um dos inibidores concertados por Lena e consegue trazer Alex de volta.

No meio da briga Supergirl aparece, e vemos que Alex está com uma bomba. É quando James e Kelly retornam para ajudar na briga. J’onn consegue salvar Alex e enviar Malefic para Zona Fantasmas, enquanto Kara e James salvam os civis que estavam ali e sendo controlados mentalmente.

Embora tudo parecesse estar bem, vemos que Malefic não foi derrotado, e Lena havia programado o portal para Zona Fantasma para levar o vilão para a cela na sua sala. Ela precisa dos poderes mentais de Malefic para finalizar seu projeto que fará todas as pessoas serem boas, por assim dizer, como uma espécie de controle mental. Assim, é esperado que esses dois passem a trabalhar juntos para derrotarem J’onn e Kara.

Mesmo com os problemas de ter vários arcos em um mesmo episódio, esse avanço na trama foi muito importante para a série, e podemos esperar ainda mais revira voltar a partir de agora.

gostou da matéria? deixe um comentário!

Viciado em séries e filmes desde sempre. Leitor assíduo e estudante de jornalismo. Um dia vou realizar meu sonho de deixar as séries atualizadas.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries