Posts Populares

The 100 – S07E10 – A Little Sacrifice

The 100 volta a fazer o que faz de melhor…

The 100 sempre se classificou como uma série sci-fi e nem por um momento eu chego a duvidar disso, mas se tem algo que a série também sempre soube fazer com maestria foi construir personagens complexos. Eu sempre bato na tecla de que não há heróis e vilões nesse universo, apenas ficamos do lado da perspectiva de quem acompanhamos e para nos sentirmos tranquilos por torcer para o grupo que escolhe dizimar uma população inteira, pois está de luto, a série sempre foca muito na amizade e no fator família que vemos nas interações entre os personagens.

A prova principal disso são as personagens Echo e Diyoza, ambas eram odiadas pelos fãs, mas ao ficarem do lado dos protagonistas (mesmo continuando matando pessoas a torto e a direito) hoje ambas têm o carinho da maioria dos fãs. Não me entendam errado, eu amo ambas as personagens, mas eu tenho plena consciência da hipocrisia dos meus sentimentos e desde que o trailer da temporada saiu, eu fiquei apreensivo com a muito provável morte da Diyoza, a própria foto da capa estava no trailer e a única pessoa possível para tal desespero da Hope era sua própria mãe. Com a chegada do segundo episódio e a amizade surgindo entre Hope e Echo me fez ficar na dúvida de quem seria a tal pessoa que a Hope veria e parabéns para série que conseguiu por uma incerteza, mesmo que fosse apenas entre duas personagens, se tornar agonizante. Tudo foi construído de uma maneira tão sútil que eu nem percebi que estava nervoso até me ver agarrado na cadeira esperando para saber quem seria a primeira morte importante da última temporada, a mesma cena do trailer foi parar na promo do episódio, já avisando aos telespectadores o que estava por vir e deixando um hiato de duas semanas para nos deixar ainda mais apreensivos e não acabou por aí, durante todo episódio estava claro que o plano daria errado, ou Echo seria morta por não chegar a tempo ou seria a Diyoza se sacrificando pela filha.

Apesar de ter achado um pouco brega a câmera lenta quando finalmente há a ação do episódio, eu entendi que era preciso para nos deixar ainda mais em dúvida. Mesmo apreensivo com tudo que poderia a vir se desenrolar, eu meio que já esperava que fosse a Diyoza a morrer, pois com esse episódio, ficou muito claro que a história da Echo ainda não acabou e ela precisa achar o seu caminho, já a Diyoza através de suas falas no episódio havia entendido que suas ações no passado eram erradas e queria apenas se redimir por aquilo e através da sua morte ela conseguiu, ela não só se sacrificou pela sua filha, ela se sacrificou para que um povo inteiro não fosse dizimado e que sua filha não tivesse que carregar tal fardo, pois ela e a Clarke sabem bem o quanto esse peso nas costas pode te destruir.

A Hope vem sendo muito criticada e sendo chamada de chata e infantil por alguns fãs, mas eu acho que tudo é questão de se pôr no lugar do outro, do mesmo jeito que eu entendo a Madi ter ajoelhado logo de primeira, pois ela é apenas uma criança, a Hope é apenas uma jovem que teve toda sua vida tirada por causa da população de Bardo, é normal ela sentir raiva, é normal ela querer vingança e ela não tem metade da sabedoria e vivência que suas outras três companheiras tem, eu vejo dos possíveis caminhos, ela se torna ainda mais sanguinária, o que não me deixa animado, pois já temos a Echo nesse papel, ou talvez ela e a Echo se apoiem ainda mais, podendo ambas se ajudarem a superar.

O plot do Santuário finalmente aconteceu e algo eu posso afirmar é que eles esperaram tempo demais, foram 10 episódios pro Shaidheda finalmente tacar o terror e eu fui nutrindo tanta expectativa e defendendo esse plot na espera de que fosse um banho de sangue, que eu me decepcionei. O Shaidheda tacou o terror sim, mas eu esperava mais, o único embate real foi entre ele e a Indra (que por sinal foi MUITO bem gravado), mas eu queria ver personagem importante morrendo, ele praticamente tacando fogo em tudo, cumprir o temor que tanto há quando se fala no nome dele. A morte da Indra seria perfeito para isso, eu AMO a personagem, mas eu sei que a sua morte faria o Shaidheda se tornar muito mais temível para nós, pois apesar da atuação EXCELENTE do J. R. Bourne, eu começo a suspeitar que todo esse plot seja apenas para o Murphy finalmente se tornar o herói.

The 100 voltou desse hiato dizendo que o fim está próximo, todos os plots começam a se fechar e na quarta que vem finalmente descobriremos o que aconteceu com o Bellamy.

Outras informações:

* Hope pode ser o que for, mas sempre serei grato por ter matado aquele insuportável.

* Não vou falar do Jordan, do pastor e da Clarke, pois é uma história que eu ainda não entendi completamente e quero ter mais fatos para dissertar sobre.

* Será que Levitt se virará contra a Octavia?

* Que cena linda entre a Raven e a Echo se chamando de irmãs, as atrizes são melhores amigas e inclusive moram juntas.

Talvez Você também goste de...

gostou da matéria? deixe um comentário!

Ives Gonçalves

Um carioca estudante de direito querendo se formar, viciado em x factor´s do mundo e que ama uma praia

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries