Essa agonia se TBBT encerra ou não essa temporada, está me matando e preciso saber se será o fim ou não, pois ao mesmo tempo que tem episódios que remetem a um possível fim, outros dão clara impressão que podem acontecer muita coisa na série ainda, como essa jogada de lado no Raj por exemplo.

Amo ver o Sheldon com inveja de alguém, ainda mais quando é por inteligência e melhor ainda quando é o Bert, aquele “amigo” dele e da Amy, onde ele tentou até disfarçar a inveja, mas era maior do que ele e se limitou a ser sarcástico, sim, ele até hoje tenta ser, mas não consegue, mesmo depois de dez temporadas, só que a raiva dele ficou maior, ainda mais que até a Penny estava sabendo do acontecimento, pois tinha escutado na rádio e ainda fez uma piada com o Bert que fazia com ele, mas o ápice foi a Amy mandando ele ler o artigo de geologia. O Howard ficou todo empolgado por ter achado um brinquedo em homenagem ao Stephen Hawking que ele mesmo havia feito, só que aquilo não foi muito bem dirigido pela esposa, mas eu adorei, inclusive compraria.

452729

O Sheldon então começou a ler o trabalho do Bert e fez várias caras e bocas lendo, mas no fim teve que admitir que é ótimo o trabalho do colega, algo que ele detesta fazer e deixou ele ainda mais irritado, e fez com que o Leonard o levasse para dar uma caminhada no parque, ao chegar lá o Leonard se inspirou na mãe e quis ajudar o amigo a colocar toda raiva para fora, jogando uma pedra, só que deu tudo errado, ele jogou no próprio pé e com o outro pé foi chutar e acabou se machucando, as companheiras de ambos ficaram bestas com a história, que inclusive teve o Leonard rompendo uma veia no nariz por ri muito, depois a Penny tentou mostrar ao Sheldon o quanto a vida dele era boa e não tinha o porquê da inveja.. O Howard e a Bernadette então chamaram o Raj para dizer algo sobre o brinquedo e ele não viu graça, então a Bernadette pediu para ligar para o cientista, só que seu marido logo desistiu da ideia.

452731

O Howard continuava a perguntar vários na universidade se o brinquedo era ofensivo e a maioria achou que sim, para o seu desgosto, depois até ele inclusive achou, e foi almoçar e viu como o Sheldon estava depois da noite anterior, além de que chegou demonstrando grandes mudanças e mais humildade, tanto que foi dar os parabéns para o Bert de forma mais correta e quando chegou lá, o Bert estava querendo indicar o Howard (um engenheiro) para concorrer ao prêmio, algo que deixou ele ainda mais irritado, que inclusive fez com que ele caísse. Quando chegou em casa, ele explicou o que aconteceu, que bateu a cabeça e tudo mais e nessa hora eles começaram a falar de inveja, que um tinha com o outro, mas tudo ficou focado naquele cabelo horrível que a Penny teve quando cortou curto, onde ninguém curtiu e disseram a ela que tinha ficado lindo.

O Sheldon foi até o Bert conversar sobre a inveja dele, e começou a falar, mas o Sheldon logo sacou que ele tinha inveja por ele ter a Amy, só que o Bert foi esperto e disse que tinha dinheiro e conseguia coisa melhor (melhor que a Amy impossível), e nessa hora o Sheldon tentou o agredir, mas deu tudo errado, inclusive a Amy, a Penny e o Leonard já no apartamento ajudaram ele com a mão machucada, que include teve a presença ilustre do Stephen Hawking dizendo que nunca ganhou um nobel, mas que tinha outros feitos, como participar de “os Simpsons”, ele ainda disse que adoraria ter um boneco motorizado, pena que eles nunca contaram ao Howard L . E no fim o Sheldon e Bert foram ao programa da Ellen, porque ele havia o convidado e adorei a sacada da piada dela com a inteligência.

Sem dúvidas foi o episódio mais fraco da temporada, achei que os dois últimos episódios deixaram a desejar e diminuiu o nível de uma temporada muito boa até então, mas não quer dizer que foram ruins, mas sim abaixo do que vinha mostrando, que é algo que prezamos muito, com humor e tudo mais. PS: Raj continua perdido e sem história.

Então é isso, um forte abraço e beijos.

Phelipe
Phelipe

Estudante de Direito, Cruzeirense, polêmico quando deve ser, mas bem passivo às vezes, além de confuso, autêntico. Começou o seu amor por série com Prision Break e depois disso virou vício.
Deixe-nos um comentário!
%d blogueiros gostam disto: