Posts Populares

The Flash – S05E18 – Godspeed

Quer saber como estragar (mais) um dos vilões do Flash? É só ver essa série.

Às vezes. eu tenho a impressão de que essa temporada é muito mais da Nora do que do resto do pessoal. Mas em episódios como esse, vira certeza. Mas tá tudo bem, porque eu ainda tô em dúvida se isso é algo bom ou ruim. Mas, nesse episódio, não foi necessariamente ruim, eu acho.

Depois de tudo que aconteceu, da Nora ter sido presa, surge uma discussão entre o pai e a mãe dela. O pai, movido por um sentimentalismo muito louco, diz que não consegue mais confiar na filha e ponto final. A mãe, sendo aquilo que mães são, diz que é justo ouvir o lado dela, pra pelo menos entender o porquê dela ter feito o que fez. E essa dúvida também paira entre o resto da equipe, mas eles decidem ler o diário dela, pra entender o que rolou (rolará, futuro e talz) com a guria.

Não tem muita coisa, na verdade. Ela era uma cientista forense, tinha uma melhor amiga que ajudava ela com todas as coisas necessárias. A Nora sempre gostou do Flash, passava muito tempo no museu dele, mas nem fazia ideia da identidade dele – valeu Iris. Falando nela, a relação entre mãe e filha não era muito boa não e a ela só iria piorar dali pra frente, inclusive. Mas, voltando, sempre rolou uma atração muito forte da Nora em relação a velocistas, e quando aparecem indícios de que existe um, no futuro, anos depois de qualquer um ter dado sinal de vida, ela fica empolgada demais. Porém, as coisas não dão muito certo, já que o tal Godspeed (Nota de tradução de nome: Godspeed é, originalmente, algo que quer dizer boa viagem e coisas do tipo, mas Deus da Velocidade, algo mais literal, não ficou ruim porque funciona bastante com a personalidade e ações do vilão) lança um raio nela. E aí que tudo começa a ficar interessante, já que é por causa disso que ela descobre o chip implantado (aquele que a Iris colocou pra impedir que ela usasse os poderes) e também descobre que é uma velocista também.

E como não tem ninguém lá pra dar informações pra ela, ela acaba recorrendo ao único velocista conhecido, mesmo que seja um que esteja preso. O que acontece, basicamente, é o que o Thawne vira um tutor dela, sendo exatamente aquilo que ele foi pro Barry e que ninguém teria sido pra Nora. Ou seja, não dá pra culpar ela por isso, principalmente porque ela não fazia ideia da relação que ela tinha com o Flash e com as coisas de viagem no tempo. Aí, depois disso, quando o Godspeed mata a melhor e única amiga dela, é completamente entendível ela ter se voltado pro menino Eobard.

Ela consegue derrotar o Godspeed, que era só um cara comum usando o Velocity-9 e, não bastasse isso, ela ainda descobriu que o Flash é o pai dela, graças a uma mensagem que ele deixou quase antes de sumir durante a vindoura Crise. E essa viagem pro passado e tudo que aconteceu por causa disso, foi só porque ela queria conhecer o pai. Não é errado, não dá pra culpar ela por isso. Mas o Barry não confia mais nela, de jeito nenhum. E ele leva ela de volta pro futuro, dizendo que é pra ela ficar lá e que ele vai saber caso ela viaje no tempo.

E o Barry ainda foi falar com o Thawne, basicamente pra tripudiar. Que baita herói tá virando o Barry (porém, o cara matou a mãe dele, super dá pra entender).

gostou da matéria? deixe um comentário!

Rafael Augusto

Um hiperativo que não sabe viver sem ler, escrever, ouvir música, ver séries e filmes, geralmente tudo ao mesmo tempo. Fã de ficção científica, suspense, Stephen King e histórias em quadrinhos.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu