Posts Populares

Marathon
The Flash – S06E10 – Marathon

Nova linha do tempo, novos e velhos vilões, enigmas a serem descobertos, o que teremos agora em The Flash? Descubra agora lendo a review de “Marathon”, primeiro episódio após a Crise!

Após os acontecimentos da Crise nas Infinitas Terras, com Oliver se sacrificando e tudo mais, The Flash ganha um ar novo.

A abertura vista em “Marathon” nos mostrou que agora a série tem um tom mais maduro, sendo que no início do episódio, com a reinauguração do Jitters, o Flash é visto como o grande herói de Central City.

Então, vamos ver alguns dos acontecimentos que marcaram “Marathon”:

Novos vilões e tramas a serem descobertas:

Com a nova linha do tempo, todos os heróis do Arrowverso passaram a conviver juntos em uma mesma Terra.

Com isso, já era de se esperar que novos vilões viessem para Central City.

Cisco, que já estava usando uma camiseta com o símbolo de Superman e Supergirl começa a se perguntar sobre quais são as novas ameaças.

Além disso, ele sente saudades do Wells da Terra-2, que estava conseguindo recuperar sua memória momentos antes de sua Terra ser apagada.

A série e o ator que interpreta Cisco já havia dado alguns sinais de que ia sair da série, então, com esse episódio sob a trama de que ia descobrir que ameaças são essas, Cisco sai da série e ainda não se sabe quando vai retornar.

Diggle e Barry

Para fechar a despedida de Oliver com chave de ouro e nos tirar boas risadas, Diggle leva a máscara original de Oliver para Barry como constava no último testamento de Oliver.

O motivo: havia resíduos de Mirakuru provenientes de Lian Yu.

Logo, Barry imaginou que Oliver quisesse que o amigo impedisse que o soro restante caísse em mãos erradas, no entanto, após John tomar umas pílulas para aguentar a viagem ultra rápida com Barry (ri horrores nesse momento) e chegarem em Lian Yu, não havia mais soro Mirakuru algum.

Com isso, os dois desabafam sobre a falta que Oliver faz em sua vida e Diggle dá um conselho à Barry:

“Desacelere Barry, tem horas que a vida não é como uma corrida de Fórmula 1, mas uma maratona” (Diggle, John).

Por conta disso, o episódio se chama “Marathon”.

A investigação de Iris e sua equipe

Iris, na minha opinião, foi a personagem que mais amadureceu na trama após-Crise.

Apesar dela ainda dar umas mancadas do tipo “invadir uma estação ultrassecreta sozinha”, ela evoluiu muito em alguns sentidos.

Nesse episódio, ela e sua equipe continuam investigando aquele caso do último episódio antes da Crise e chega a novas conclusões.

O que é relevante para o episódio são dois pontos:

  1. Uma pergunta, para ser mais exato: a empresa investigada por Iris tem alguma ligação com os acontecimentos de Black Lightning? Se sim, será que serão abordados?
  2. O que é essa arma da assassina de aluguel? Energia ultravioleta?

Portanto, o próximo episódio deve nos trazer algumas respostas para essas perguntas, já que Iris foi presa dentro do espelho.

Conclusão de “Marathon”:

Por fim, com a saída de Cisco, ele passa o comando do StarLabs para Nash Wells e não dá alguma resposta de quando ou se vai voltar.

Flash deve ser a série que mais apresentará ligações com todas as séries do Arrowverse, pois desde o início da trama ela tem abordado questões de um Multiverso.

Agora que a Crise se passou e um Lanterna Verde vem aí, só nos resta esperar para ver como será essa ligação com as outras séries.

Então, essa foi a review de The Flash: “Marathon”, espero que tenham gostado e deixem seus comentários!

gostou da matéria? deixe um comentário!

Leonardo Aguirre

Graduando em História na UFMS campus de Três Lagoas, amante de séries, filmes, animes e livros.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries