Posts Populares

The Gifted – S01E05 – boXed In

Já podemos dar o título de “A Série do Ano” para The Gifted?

Iniciamos o episódio com um flashback do agente Jace Turner e de sua família, onde foi mostrado o incidente de 15 de julho (aquele mesmo incidente citado rapidamente em RX, lembram?), no qual ele perdeu a filha. Eu estou amando o cuidado dos produtores mostrarem em todos os episódios, um pouco mais dos personagens principais, isso é massa e nos faz ficar envolvidos com tais!

Voltando para a realidade, os sentinelas tentam a todo custo tentar recuperar os prisioneiros fujões e eu só queria saber o porquê deles não usarem as “aranhas sentinelas” para fazer o serviço, seria muito mais fácil, ué! Só que no meio desse puxa-estica o agente Turner é sequestrado por Lorna e Diaz, que estão em busca de algumas respostas, principalmente para saber o porquê de Pulso estar trabalhando com eles, claro que o agente com toda a experiência e bagagem que tem não iria contar nada sobre, e então eles precisam recorrer para as habilidades de Dreammer, a mutante além de implantar memórias em pessoas ou mutantes, ela também pode “navegar” entre as memórias dos mesmos. Confesso que estou extremamente intrigado para saber como o agente Turner será desenvolvido daqui para frente, Dreammer conseguiu apagar as memórias do homem, e a cena final onde ele perguntou para a esposa se a filhinha deles já estava dormindo foi de partir o coração. As teorias dos fãs também se confirmaram, a tatuagem do Pulso está ligado com os Hounds mesmo, só nos resta esperar os próximos caps para saber quantos mutantes estão do lado dele.

 

Não podemos terminar a review sem comentar alguns fatos do episódio.  Reed se expondo totalmente para conseguir a confiança dos mutantes da resistência foi uma sacada genial, o acordo que ele fez com o sentinel foi perigoso demais e ele precisava pagar de alguma forma o acordo.  Caitlin, Andy e Lauren trabalhando juntos para salvar a vida do mutante que tomou tiros no episódio anterior, mostrou mais uma vez o lado “x-Men” da série, os três trabalhando juntos é bonito de se ver, toda a molecagem de Andy é demais também hahaha, eu amo suas “palhaçadas”, principalmente nos momentos difícies. Tivemos Blink descobrindo toda a verdade por traz das memórias que lhe foram implantadas, e eu também estou doido para saber como será daqui a diante, espero que essa trama entre ela, Dreammer e Jonh seja bem explorada pelos produtores.

Não posso deixar de falar da dinâmica entre Polaris e Eclipse. Eles são perfeitos juntos. As cenas deles são muito bem desenvolvidas (as melhores dos episódios para mim), e eu vejo Diaz como o oposto da Lorna. A instabilidade emocional da nossa queridíssima Polaris é que nem montanha russa, ela vai do 8 ao 80 em 1 segundo. Principalmente quando o assunto é ‘resistir’. Esse jeito super impulsivo dela trará conflitos entre o casal em breve.

Por fim, vos digo: The Gifted está tomando o hall das melhores séries que eu já assisti! Eles conseguem me surpreender a cada instante criando inúmeras situações onde personagens são postos a prova, superando a si mesmos… Ai, estou amando demais! E como é lei em minhas reviews, confiram aí a promo do episódio seguinte e em seguida me contém o que acharam desse episódio, em? Hahaha! Xêro em todos e até a próxima!

Talvez Você também goste de...

gostou da matéria? deixe um comentário!

Lucas Salles

Um baiano que é capricórniano, aspirante a jornalista, que ama festas, viagens assistir a sériados, ver uma boa treta e realitys shows! Ah, eu sou tirado a figura pública também, viu? Vão no instagram, busquem por @eulucassalles e vem seguir o paneleiro mais sã que já existiu, sqn!

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu