<3

Com um novo inimigo e de forma diferente, por não ser uma doença e sim uma pessoa, The Last Ship está muito bem encaminhada na temporada, com muita ação interessante, The Last Ship está na metade da temporada sem medo de arriscar, e com muita ação, colocando vários em risco, mesmo sabendo que apenas poucos morrem. Então vamos a mais uma review.

Os prisioneiros dos piratas estavam cada vez observando mais a situação dentro do esconderijo, então deduzem que eles estão fugindo ao arrumar as coisas, então decidem pegar algo que eles tinham escondido para dar a engenheira para que pudesse ajudar o James a localizar eles. Graças a essa fuga por medo do Nathan James, os piratas estavam começando a rachar pois Takehaya não queria lutar mais por proteção a sua esposa, do que ao bando. Os prisioneiros começaram a carregar as caixas para a fuga deles, então o Mike esperto do jeito que é conseguiu despistar o guarda para que a suas engenheiras fosse até a antena que os meninos haviam localizados episódios atrás, para tentar uma comunicação com o James, mesmo que fraca e acaba mandando um sinal ao menos a eles, e cabiam a eles interpretarem bem, porém, ela quase foi pega, mas a mulher do Takehaya a ajudou (???).

423937

Graças a Inês, o Nathan James conseguiu captar a mensagem e descobriu a ilha de onde veio a mensagem, mesmo com desconfiança, eles decidem partir ruma a ilha, então assim que tiveram a autorização do presidente americano, eles começam a se preparar para uma equipe para um possível resgate. Na “Casa Branca” o presidente estava cercado de cobras, pois estavam vazando informações sigilosas a jornalistas, até aquele mais esperto que a Kara já pescou que é carne de pescoço, o presidente teve que conversar com ele, para tentar colocar panos frios sobre o fogo.

O Takehaya descobriu logo que haviam feito algo para avisar a localização, então decide mudar todos os seus planos e se esconderem em túneis na própria ilha, porque quando todos do Nathan James chegaram e procuraram, não acharam absolutamente nada, mesmo com os alguns de seus homens estando debaixo do nariz deles, porém com forte ameaça. Outra parte dos piratas estavam juntamente com o Takehaya fugindo pela ilha mesmo, mas na esperteza os marinheiros logo descobriram estavam abrindo caminho recentemente e decidem ir atrás, sendo que dentre esses estavam o capitão Mike.

A equipe Abultre liderado pelo Tom foram atacados e um soldado que ninguém sabe quem é, acabou morrendo atacado, mas ao entrar em contato com o Nathan James, nada foi localizado por eles na ilha. Eles continuaram a caminha e acabam sendo atacados novamente e outro soldado bem desconhecido morre, mas dessa vez eles viram um dos piratas fugindo e descobrem que eles usam túneis para fugir. Mas infelizmente o Takehaya descobre que os americanos sabem dos túneis e decide deslocar com os seus prisioneiros.

Debaixo do acampamento onde estava a esposa do Takehaya, os marinheiros tiveram a chance de ouro, mas o médico parece que não tem experiência em campo, então ficou meio receoso de pegar a arma de um dos comparsas, então não deu certo. O Diaz é muito esperto e ágil, então conseguiu escapar das cordas e atacar os piratas e fugir até encontrar o capitão Tom, que logo descobriu onde estavam o Takehaya e sua turma, e pelo rádio passou aos demais colegas. Ao chegar no local em que o Takehaya estava com os seus prisioneiros, os americanos começaram a atacar e jogar uma cortina de fumaça para ajudar ainda mais na missão. A coisa mais bacana da missão foram as cenas de ação e luta envolvendo o Woff e o Green, onde o Green matou um cara afogado na lama, e obviamente amei.

423942

Depois de abater a todos os piratas, com exceção do Takehaya, eles descobrem que todos os prisioneiros estavam a salvo, mas que o Cruz não estava salvo, pois havia sido atacado. Eles então decidem voltar ao acampamento para capturem os outros colegas, mas ao chegar lá o serviço secreto chinês começam ataca-los por algum motivo desconhecido e eles ficam encruzilhados, então tiveram que ficar atacando por gretas de uma cabana.

423943

O helicóptero dos americanos começou a aparecer e matar vários chineses, mas por incrível que pareça, os chineses não acertaram eles nenhuma vez e os americanos do helicóptero abatiam vários chineses. Eles estavam em número menor e incrivelmente conseguiram vencer, graças ao Nathan James, pois eles atacaram em uma missão bem arriscada, pois o helicóptero seria o alvo e teria que fazer uma espécie de “badalo” para atingir o acampamento, sendo que o pessoal dentro da cabana devia sair de lá, mas o irmão do Burke merece todos os parabéns por ter arriscado dessa vez em algo.

423944

As coisas não paravam de dar certo para os americanos, pois dentro do túnel, o pessoal conseguiu abater os piratas, com a ajuda do doutor que matou um dos piratas, amei forte, pois provou que pode matar alguém e não só salvar vidas. Mas só que na hora de sair do acampamento o Miller foi pego pelo Takehaya, só que a esposa dele estava com o médico, mas mesmo sem ameaça, ela o convenceu a desistir, para o bem deles e os bebês.

Quando todos voltam ao USS Nathan James, com quase todos a salvo, o Mike estava conversando com o capitão Tom e eles só queriam saber o porquê de estar atrás deles, sejam os vietnamitas, os chineses e até mesmo o Takehaya.

Nossa, episódio muito bom, adorei forte, porém ás vezes tem que parar de tudo conspirar a favor dos americanos nessas missões bem arriscadas. Outra coisa que me intriga é a assessora do presidente, pois nada me tira da cabeça que ela tem algo com os inimigos dos americanos. Acho que a série está em uma pegada muito boa, mas acho que a história se prolongar por muitas temporadas, pode se tornar algo chato, então não sei até quando eles manterão esse ritmo.

O que acontecerá agora, já que seus inimigos até aqui estão abatidos? Será que os norte-americanos irão batalhar contra os chineses em uma guerra muito boa? Será que vale a pena morrer companheiros, para salvar outros? Cadê a Rachel??? Porque sem corpo, sem morte.

Então é isso, um forte abraço a todos e até mais.

Phelipe
Phelipe

Estudante de Direito, Cruzeirense, polêmico quando deve ser, mas bem passivo às vezes, além de confuso, autêntico. Começou o seu amor por série com Prision Break e depois disso virou vício.
Deixe-nos um comentário!
%d blogueiros gostam disto: