Posts Populares

The Sinner – S02E05/06 – Part V/Part VI

Pouco a pouco os mistérios são revelados… ou não.

Em primeiro lugar, desculpem a demora para lançar as reviews desses episódios, mas a vida anda bem corrida e às vezes fica impossível de ter tempo pra fazer review com calma como eu gosto. Enfim… cá estamos finalmente! \o/
Como esses dois episódios praticamente se completaram, não tem como falar de um sem falar de outro, inclusive mudei bastante minha visão da Vera a partir desse episódios, mas não descarto a possibilidade de estar enganada porque afinal quando se trata de The Sinner, surpresas não faltam não é mesmo?

No episódio 2×05, começamos a conhecer um pouco mais do passado de Vera, vemos o Iluminado pela primeira vez na série e é revelada a gravidez de Marin, coisa que Heather já vinha desconfiando há algum tempo de que Julian era filho da sua amiga e antiga paixão. Eu não sei vocês, mas desde que Marin entrou naquela sala com o tal do Iluminado, eu já imaginei que essa “iniciação” que as mulheres de Mosswood passam é um abuso sexual juntamente com um provável estupro e a confirmação veio quando Marin revela a Vera estar grávida, inclusive a própria Marin dá a entender que o filho é dele, mas vi muitas teorias por aí dizendo acreditar que o pai da Heather estuprou Marin e por isso ela resolveu se afastar totalmente da amiga e quando Heather a procurou (aparentemente pela última vez), ela mal conseguiu falar com a amiga por conta disso. Eu já acho que não tem nada disso e Marin só se afastou de vez da Heather porque na época ela não conseguia assumir para ela mesma e muito menos para os outros o que ela sentia de verdade pela Marin, que não era uma simples amizade e sim uma grande paixão. Mas, como eu já disse lá em cima, de The Sinner eu nunca me surpreendo com nada rs.
Logo após Marin revelar para Vera a sua gravidez e ela dizer veementemente que ela terá que tirar a criança já que a seita não aceita crianças e Marin se recusar dizendo até que sairá de Mosswood então, vemos flashbacks anteriores em que Vera se lembra de quando o Iluminado adotou um bode para que todos de lá se apegassem ao bichinho, dessem um nome e quando chegasse a hora, eles iriam sacrificá-lo, pois segundo ele seria a libertação não só do animal mas como dos próprios habitantes de lá. Olha, vou te contar, é muita doideira nesse lugar, viu? E qual não é a surpresa de Vera quando ela revela ao seu líder que Marin está grávida e ele afirma que ela pode ter a criança e em seguida demonstra a mesma atitude quando trouxe o bode e apresentou para ela. Nessa cena deu pra perceber claramente que ele queria que ele tivesse a criança para ser sacrificada em determinado momento por ele, como é mostrado que aconteceu com o bode depois. Vera, que já estava desconfortável com algumas coisas, fica claramente chocada com esse tipo de atitude e a partir dali, dá pra perceber que haverá um racha entre os dois.
Harry descobre que Vera não é a mãe biológica de Julian nesse mesmo episódio praticamente junto com os telespectadores, já que Vera resolve revelar a ele porque está muito preocupada com o futuro de Julian que é isolado na solitária pelo comportamento agressivo que tem com os companheiros de prisão quando eles implicam com a forma que ele matou Bess e Adam. Meu coração ficou pequenininho de pena do garoto em crise naquela solitária, é muita maldade. Inclusive, não me conformo que um menino de 13 anos poderia passar por esse sistema prisional dessa forma </3

Além disso, vimos também a investigação que Harry e Heather fazem com Glenn Fisher e como que Harry fica com a pulga atrás da orelha com seu comportamento e invade sua casa em busca de provas. Todo isso juntamente com a aproximação de Vera faz com que o chefe de Heather e a própria Heather peçam ao detetive que se afaste do caso, já que até como testemunha de defesa de Julian ele foi colocado. Me deu uma raivinha básica deles dois na hora, mas sabia que ele não ia abandonar o caso nem aqui nem na China e que, em breve, Heather iria se arrepender do que fez.

No episódio 2×06, continuamos acompanhando a gravidez de Marin, o nascimento de Julian e como desde o início a relação entre Vera e Julian foi especial, fazendo com que ela se apegasse tanto ao menino que até amamentá-lo ela já estava amamentando. Marin, aparentemente, estava com depressão pós-parto e nem lactava e por conta disso, Vera foi se apegando cada vez mais à criança, até que o Iluminado se irrita e resolve separar os dois e levá-lo para ficar em sua cabana. Inconformada com a situação, mas fingindo não estar, ela leva o cesto do bebê para a sala dele, mas antes dá um chá para ele. Ficou claro como água pra mim que aquele chá foi o mesmo que Julian deu para Adam e Bess, por mais que ela tenha continuado a dizer para Harry que ele desapareceu. A H A M! Mas eu nem julgo não, porque o homem além de ser um lunático, ele permitia e praticava abusos sexuais no local, agressões e muito mais. Após o nascimento de Julian, a própria Vera começou a descumprir ordens do cara por ver que a loucura já estava passando dos limites. Inclusive vemos que ela se indispôs com Glenn quando inventou que não teria uma sessão marcada pelo Iluminado pois queria proteger Marin. Foi com esses flashbacks que fui vendo que Vera não parece ser má não, parece amar de verdade o Julian e fazer o que faz e o que fez por acreditar que era o melhor pra ele.

Vimos que Harry acha a fita com o depoimento da paciente que está internada no hospício e leva para Vera mostrando quantas revelações ela fez e isso obriga Vera a, aparentemente, contar tudo isso para o detetive. Vemos também que a paciente revela a localização do tal Lago Roxo e nele eles encontram o corpo de uma mulher, que acreditam ser de Marin, o que abala muito Heather. Eu ainda não tenho certeza não hein? Acho que ainda tem caroço nesse angu. E por fim, vimos Harry assumindo pra Julian que ele se sente culpado até hoje pois foi o causador do incêndio em sua casa pois não aguentava mais ver a mãe no estado em que se encontrava e orienta o menino a enfrentar a figura encapuzada que ele acreditar ser apenas culpa. Como Julian já está no lar para menores porque Harry chantageia o promotor para que a causa dele volte a ser de Menores, quando ele vê a figura quando acorda no meio da noite, ele resolve enfrentar dizendo que não é real, porém… dessa vez é. Quando o responsável pela casa acorda, vê o quarto de Julian vazio e acaba o episódio. Eu, sinceramente, acho que muitas das vezes essa figura era a culpa dele sim, mas outras vezes não como foi dessa vez e eu acho que era a Vera que pegou ele para levar de volta para Mosswood com medo de que ele nunca mais voltasse. Muita gente acha que pode ser até a Marin, será? Nos resta esperar para ver!

A 2 episódios da finale, o episódio promete pegar fogo. O que vocês esperam dos últimos episódios? Comentem suas teorias aí embaixo 😉

gostou da matéria? deixe um comentário!

Caroline Azevedo

Seriadora de carteirinha. Shipper de plantão. Friendsmaníaca. Viciada em música. Feminista. Meu sonho é ser uma Sense8 e me dividir em várias partes para conhecer esse mundão afora, tudo ao mesmo tempo, agora.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries