Posts Populares

The Vampire Diaries – S08E07 – The Next Time I Hurt Somebody, It Could Be You

Esse sim é o verdadeiro Natal!! 

Para que ceia feliz com a família e especial com Roberto Carlos se você pode reunir uma sereia sem noção, um irmão vampiro que foi “morto” mas não morreu e os dois assassinos de seu irmão vampiro que por ironia da vida é muito amigo dele? Pois, se Stefan queria passar os últimos momentos de sua vida apenas tendo bons momentos e dando boas memórias a Caroline, acho que não vai dar muito certo.

Vindo de um desfecho espetacular no sexto episódio, confesso que esperei algo mais explosivo do sétimo, inclusive sobre o surgimento de Damon, era óbvio que já esperávamos a sua volta, porém, não mostrar como isso aconteceu e o papo que ele levou com Cade me incomodou e me deixou intrigado. Uma coisa que eu espero que não aconteça é que vire moda matar Stefan e Damon e aconteça igual foi com o anel que trazia as pessoas de volta a vida, ficou saturado e no final a morte das pessoas não tinham mais tanto efeito assim graças ao anel, e o mesmo pode acontecer se Damon e  Stefan ficarem morrendo toda hora, não surtirá um efeito positivo, pelo menos em mim.

Caroline sempre foi a principal defensora da tese de que o fato deles serem seres sobrenaturais e viverem em um mundo cheio de perigos não poderiam impedi-los de levarem uma vida “normal” só que, sabemos que isso é basicamente impossível e sempre que eles tentam, algo acontece para lembrar que eles estão marcados e ligados um ao outro mesmo que não queiram. Stefan até tenta fazer um momento especial de Natal com Caroline, mas tudo vai por água abaixo, pois, Damon aparece com Sybil para animar a festa e ainda mata o irmão para que ele tenha um lero com Cade.

Damon é um caso a parte em toda essa temporada, eu consigo percebe-lo cada vez mais perdido e deslocado em um mundo sem Elena, onde ela não está para controla-lo e lembra-lo que ele possui um bom coração. E isso faz com que ele se afunde cada vez mais, porém, por um outro lado eu ainda consigo perceber Damon lutando pela sua vida e para manter tudo no lugar para quando Elena acordar, mesmo que tenha alguns danos. No fundo eu sinto que ele ainda se agarra as lembranças de sua amada e isso fica muito visível nesse episódio, porque, mesmo depois daquele show que ele deu na ceia de Natal, e dizer que mataria alguém que estava ali entre amigos e pessoas que Elena tanto ama, no fundo Damon fez a escolha certa.

Sybil para mim sempre foi intragável e isso não é segredo, sempre achei a personagem sem foco, sem sentido e muito forcada, principalmente seu jeito caricato de falar. Na verdade o plot das sereias em si e desnecessário para a série, acho que eles poderiam criar meios muito mais interessantes para fazer com que Cade chegasse até Damon e Stefan, Seline é outra que não tem nem porque está aqui, a bixa passou se escondendo boa parte do tempo e quando apareceu não serviu para nada e continua sem ter serventia nenhuma. E depois que o trato de Sybil com Cade acabou eu fico me perguntando qual o rumo da personagem na série e como Seline se encaixará nesse novo contexto já que Cade não precisa mais dela e o trato de Sybil não a incluiu no pacote.

Chegamos em Cade, um vilão enigmático que promete muitas surpresas mas que ainda não mostrou para que veio. Na sua conversa com Stefan, vemos que ele já vem de olho no rapaz tem um tempo, que só não o pegou antes por conta de Seline que ficou com pena ao ler a mente de Stefan estripador e perceber que as suas atitudes não passam de um reflexo de sua angustia e dor. Percebemos o real objetivo de Cade quando ele leva Stefan ao flash back de quando ele conheceu Elena e revela que se ele não tivesse entrado na vida dela nada disso teria acontecido e ela, que era uma pessoa boa e com caminhos bons, se perdeu graças a ele. E essa é a real motivação de Cade, pessoas boas que estejam a um pé da porta do céu, porque segundo a sua teoria, essas são as que possuem a maldade genuína. E ele precisa delas para por o seu plano em prática.

E nessa caminhada toda o episódio chega ao seu fim e temos alguns indícios de que o desenrolar da história ainda promete grandes surpresas. Uma coisa que eu não estava esperando foi Damon ter matado Sybil, pelo menos não esperava sua morte por agora, mas também não vou reclamar, para falar a verdade eu amei, porém, tenho quase certeza de que ela voltará com sangue nos olhos. Caroline arrasou quando entregou o colar de Elena para Damon na troca de presentes porque me deu esperanças de que a sua humanidade está mais viva do que nunca.  Só que o grande plot ficou para Stefan que fez o trato de um ano com Cade, em um ano ele trará o Stefan estripador de volta e cumprirá o seu acordo. Não vou mentir, gosto do Stefan estripador e tornará tudo ainda mais interessante.

Meu questionamento agora é como Caroline irá lidar com perdas tão grandes como de suas filhas que irão embora com Ric, e com a ida de Stefan para servir a Cade, onde ela se encaixará nessa história se todas as atenções estarão viradas para Damon e Stefan? E anida teve Bonnie que pode estar tendo uma volta de seus poderes, nos resta aguardar.

É isso mores, me digam o que vocês acharam do episódio e fica ligado que o babado aqui é certo. Beijos e até a próxima!!

gostou da matéria? deixe um comentário!

Dam Souza

Baiano que tem caruru e vatapá no sangue, aquele que é o canto da cidade e só discute com quem entende de Inês Brasil.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries