Posts Populares

The Voice AU – S08E13 – The Knockouts, Part 3

Último dia de Nocautes, mores!

Apesar das várias ressalvas que tenho com alguns temas preguiçosos escolhidos pelos mentores em toda temporada, eu gosto muito dos Nocautes. Acho que é uma maneira legal da gente avaliar o artista, e deixa a competição mais acirrada, pois são 3 pessoas disputando 1 vaga, ao invés de 2 para 1. E bem, eu até que tô gostando das viradas dos KOs nessa temporada, viu. Vamos ver se a boa maré se segue hoje, no último episódio da fase, né.

Para comentar comigo teremos o veterano de guerra e meu BFF do Panelas, Lindo; assim como nosso integrante novato, porém que já faz parte do nosso bonde como se estivesse lá desde o início, Erik! Sem mais enrolação, vamo nessa, né?

CLIQUE AQUI PARA BAIXAR O EPISÓDIO COMPLETO

[#TeamKelly] Amanuael Visser vs Elsa Clement vs Denzel
Tema: The Revolution (Revolução)

Amanuael Visser – “Man In The Mirror” by Michael Jackson

Avalie a performance:

Luana: Então, né… Bem basic. “Man In The Mirror” já não é uma canção que permite muito nessas competições. Mas Amanuael também não conseguiu sair do senso comum, infelizmente. Acho que a mensagem foi passada, mas ficou faltando aquele tempero a mais, sabe? Achei uma performance fraca, infelizmente.

Erik: Meu deus, que anjo. Você quer o mundo, eu te dou? Eu amei sua audição, ela me emocionou num tanto que nem sei explicar porque. Já no KO não gostei muito da songchoice, aliás pouquíssimas músicas foram bem escolhidas nessa fase né, convenhamos. Mas mesmo assim achei que ele fez um ótimo trabalho e conseguiu entregar uma performance boa, uma pena que ele foi injustiçado.

Lindo: Que performance mais gostosa foi essa minha gente? Amanuel lindíssimo que sabia que Kelly já tinha feito a escolha dela e deu uma música para ele não brilhar muito e mesmo assim ele achou o espaço dele e criou dinâmicas favoráveis a sua voz e ainda mandou Kelly faz a escolhaa! HINO!

Elsa Clement – “Run The World (Girls)” by Beyoncé

Avalie a performance:

Luana: Elsa simplesmente icônica, se era pra performar e cantar e fazer o bagulho acontecer… Ela fez, né! Eu já havia curtido muito Elsa em sua audição e acho que ela fez o dever de casa nessa performance também. Claro, o tempo curtíssimo limita demais o artista, principalmente alguém como Elsa, que canta e faz rap. Mas enfim, dado as circunstâncias da fase, ela se saiu super bem e eu adorei, mais uma vez.

Erik: Achei a música uma ótima escolha pra ela. Não gostei tanto assim da apresentação, mas achei que ela fez o que podia e conseguiu entregar um bom trabalho. O mínimo, né gente? Porque pra cantar esse hino precisa de atitude e isso ela teve, então tá tudo certo.

Lindo: Deusa que sabe criar o RAP com as músicas que já existem e não dá desculpas esfarrapadas por ai, Elsa dominou o palco e mostrou um lado mais solto de si mesma e trouxe um certo equilíbrio entre o rap e o canto, foi bem legal de assistir apesar de não ser um gênero que eu curta muito. Achei justíssimo o steal do Guy e sua decisão de correr da Kelly que só ia jogar ela pra fora again.

Denzel – “Revolution” (Original Song)

Avalie a performance:

Luana: Olha, não vou mentir, eu já vinha aqui preparada pra descer a lenha no Denzel, depois da palhaçada dele não cantar “This Is America” e ter sido autorizado a mudar pra uma original, de novo! Maaaaaaaaaaaaaaaaaaaas, putz… O boy pisa, né gente. Não posso fazer nada se ele é BOM PRA CARAMBA. Eu vinha pronta pra reclamar, mas infelizmente ele mandou bem demais, mais uma vez. Olha, venceu porque tinha que vencer mesmo, vamos ser sinceros.

Erik: Meu deus todo mundo do Panelas deve ter ficado de saco cheio porque eu disse que ia comentar só quando meu fav (aka Denzel) se apresentasse, o bendito dia chega e eu me decepciono horrores. Pra mim ele arrasou, não há dúvidas de que ele seja um rapper extremamente foda. Mas bicho, recusar uma música é o cúmulo, tu foi pro The Voice fazer o que menino? Eu achei muito sem noção e por mais que ele tenha sido meu favorito das audições nem acho que ele mereceu continuar.

Lindo: Eu poderia escrever um livro dos motivos porque eu não ia gostar disso aqui, mas EU AMEI DEMAIS! Mas não vou exaltar não, achei bem errado a atitude dele de como rapper não querer cantar música dos outros e Kelly passar pano para ele permitindo ele cantar uma música original numa rodade onde todos deveriam seguir um tema. Ele não seguiu, ele não quis seguir e mesmo assim Kelly avançou com ele. Nas batalhas o lindo vai cantar a mesma música da audição da Elsa, seria um shade pra menina que só quis seguir para onde era melhor para ela? Enfim, Kelly me decepcionou demais e Denzel também.

Winner: Denzel | Steal: Elsa (#TeamGuy) | Eliminado: Amanuael

Bom, controvérsias a parte (e favorecimentos, né), acho que a melhor apresentação do trio realmente pertenceu ao Denzel, portanto, não é tão louco assim vê-lo avançando. Louco mesmo foi a Kelly ter tentado dar save na Elsa, mas ela ter optado ir com o Guy. Vingativa, viu mores. Mas fez certo, né? Kelly largou dela num Nocaute desenhado para o Denzel, ela entrou de cordeiro, pra que seguir nisso? Feio acabou sendo a postura da Kelly após a rejeição, ficando de cara feia e nem cumprimentando a menina. E sabem o pior? Denzel irá cantar “Lose Yourself” na próxima fase… Apenas a música que a Elsa cantou nas audições. Sinceramente, qual a necessidade desta palhaçada? Kelly, tu tá INSUPORTÁVEL nessa temporada, faça-me o favor, viu. Vontade de mandar catar coquinho descendo ladeira lá na Bahia.

[#TeamGuy] Jordy Marcs vs Lara Debbagh vs Jack Vidgen
Tema: Rihanna

Jordy Marcs – “Love On The Brain”

Avalie a performance:

Luana: Oh meu Deus, eu gosto tanto do Jordy. Que dor vê-lo feito de cordeiro nesse KO, poxa vida. Eu super curti a performance, acho que ele criou algo super legal com uma música que o pessoal geralmente tenta “oversing” e mais vezes do que o aceitável, sai tragédia. Ele usou os atributos que tinha, e eu curto DEMAIS a vibe dele. Ain, não estava pronta para dizer adeus ainda, meu pai.

Erik: Aí gente pelo amor de deus, que pecado deixar esse cara ser eliminado sério, olha isso! Aliás ele foi melhor que o Jack nessa rodada e quem discordar tá errado, infelizmente é favorito então não ia perder. Amei a performance, a voz casou da medida do possível e ele conseguiu tirar leite de pedra, deveria ganhar e só minha opinião importa, AMEI!

Lindo: MELHOR DO TRIO LINDAS! O que foi essa versão do Jordy? Peguem a audição dele e vejam como ele saiu da zona de conforto e criou algo original e que conseguiu destacar o que tinha de melhor em sua voz em apenas 60 segundos. Jordy pisou e merecia demais a vitória aqui e foi o mais injustiçado de todos os KOs.

Lara Dabbagh – “Umbrella”

Avalie a performance:

Luana: Olha, eu gosto muito da voz da Lara e acho o timbre dela super reconhecível, algo que é super importante na industria musical. Mas vamos ser sinceros? Hoje não foi legal, né. O Guy ajustou “Umbrella” de uma forma mais lenta, proporcionando mais conforto à Lara, mas mesmo assim, ela não conseguiu entregar algo brilhante. Jordy foi anos luz melhor e com uma música que encaixava BEM menos em seu estilo. Enfim, Lara se superou em sua audição, mas voltou a cair no senso comum nesse KO.

Erik: Aí gente, achei legal e só. Não gosto dessa musica cantada em reality e aqui não foi diferente, foi básico além de não dar chance pra ela mostrar muita coisa. Inclusive muitas coisas a voz dela tava um pouco irritante, mas no decorrer da apresentação ficou mais interessante porém ficou só nisso aí, no básico.

Lindo: Que coisa mais morte e sem sal da Lara foi essa? Ela poderia ter feito muito mais com essa música e deixou a desejar demais aqui. Kelly podia ter usado o recalque dela para passar Jordy né mores. Lara segue para as Batalhas como uma provável ovelha pro sacrifício.

Jack Vidgen – “Love The Way You Lie (Part II)” 

Avalie a performance:

Luana: Rapaz, vi críticas ao Jack nessa rodada, mas eu gostei MUITO. Uma das coisas que mais me incomodaram em sua audição havia sido o excesso de floreios, e isso foi totalmente controlado aqui. Confesso que não assisti ao ensaio desse KO, então não sei se isso foi indicação do Guy, mas Jack acertou demais em optar pelo “menos é mais” hoje. Ele tem um timbre que pode enjoar logo, mas hoje foi tudo sob medida. Eu gostei demais mesmo!

Erik: Vocalmente falando ele foi bem, óbvio que não chegou aos pés de sua audição, mas foi bem. O problema aqui é que ele cantou bem e tudo mais mas a emoção deixou em casa, né? Não sei porque mas isso acontece com MUITOS cantores que possuem qualidade vocal como Jack, acabam priorizando uma performance perfeita vocalmente e esquecem de emocionar. Enfim, foi bom, mas poderia ter sido melhor.

Lindo: A performance mais emocional do trio, Jack se conectou com a música e entrou de alma na interpretação, eu senti seus vocais mais afiados nessa rodada e mais prazerosos de se ouvir. Ele realmente mostrou a que veio e promete fazer jus ao barulho do seu nome, estou ATENTA.

Winner: Jack | Steal: Lara [#TeamKelly] | Eliminado: Jordy

Vitória justa e compreensível do Jack, afinal, ele é um dos grandes favoritos ao título da temporada e fez tudo certo nessa fase. Mas não seria loucura avançar o Jordy, inclusive, merecia MUITO mais esse steal do que a Lara que não fez absolutamente nada além do básico. Kelly optou por salvá-la apenas por questões sentimentais, porque por merecimento passou longe. Enfim, Kelly só ladeira abaixo mesmo.

[#TeamDelta] Daniel Shaw vs Zach Fawor vs Jordan Anthony
Tema: Dua Lipa

Daniel Shaw – “New Rules”

Avalie a performance:

Luana: Ah, pronto. Gostei do Daniel DE NOVO, apesar de ter tudo pra criticar. Bom, normalmente eu estaria aqui falando “AI MAS NO PIANO DE NOVO”, mas não vou, pois sou hipócrita e gostei mesmo assim, lol. Eu gosto demais quando os artistas pegam umas músicas bem diferentonas e transformam em algo novo, principalmente quando é uma versão mais lenta/acústica. Sim, sou putinha de arranjos acústicos, me processem. Daniel me conquistou de novo e quem achar ruim, está errado.

Erik: A voz desse menino é muito boa, porém soa um pouco enjoativa na minha opinião. Eu amei o arranjo da música, impossível não lembrar da versão do Kalvin na última temporada do TVUS, mas o Daniel também apresentou uma versão muito diferente e gostosa de ouvir. Como eu disse, acho sua voz um pouco enjoativa, mas nada que me impeça de apreciar a performance.

Lindo: Olha essa voz simplesmente me dá arrepios, é tão forte, poderosa e um timbre tão gostoso de se ouvir que essa versão mais lenta e leve de New Rules foi uma combinação perfeita demais e eu só fiquei triste porque ela acabou e faltou um espaço para ele crescer e brilhar mais, em geral uma boa performance.

Zach Fawor – “Be The One”

Avalie a performance:

Luana: O “oh Zach” da Delta no começo da performance já demonstrava que ela não tinha intenção nenhuma de avançá-lo no embate e estava com pena por isso. Assim, eu achei o Zach um fofo e ele performou com um sorriso tão genuíno no rosto que foi realmente contagiante. Mas ainda assim, foi uma performance com bem menos impacto do que a do Daniel, por exemplo.

Erik: *Erik esqueceu de comentar essa performance, voltem depois para os comentários atualizados, rs*

Lindo: Essa música é tão gostosinha, tão fresh e deu espaço para Zach brilhar sem ficar nervoso e se divertir no palco. Sejamos sinceros, ele tinha zero chances nesse trio mas foi ótimo ver ele tão confiante, tomando conta da música e mostrando vocais sólidos. Brilhou menino Zach e espero que volte em alguma edição futura do programa com os vocais mais maduros e com mais confiança no palco.

Jordan Anthony – “Scared To Be Lonely”

Avalie a performance:

Luana: Jordan tem um timbre bem feminino, e eu acho isso muito interessante em artistas masculinos, porque de alguma forma, adiciona um toque de fragilidade que torna tudo mais próximo da gente. Jordan mandou bem demais com o que tinha, até porque eu nem sou muito fã dessa música. Ele fez tudo absolutamente certo e arrasou na performance. Só estou um pouco confusa com o surto dos meus comentaristas nessa performance, porque eu realmente não enxerguei essa acessão de uma lenda como eles não. Das duas uma, ou eu estou bem louca ou eles são exagerados mesmo. Vou deixar essa decisão pra vocês (colem comigo, pfvr).

Erik: MEU DEUS AAAAA ARRASOU BICHO SOCORRO! Amei, porra! Esse menino chegou de fininho nas audições e agora já ganhou meu coração, olha essa voz e esses melismas bem feitos. Estou perplecto, amei demais AAAA ICÔNICO.

Lindo: MATOU A PAU lindas! Jordan me parece ser um jovem Jordan Smith (TVUS) e vai ser um puta de um vocalista no futuro, o garoto com apenas 14 anos chegou ali e não se intimidou e fez essa ótima letra da Dua Lipa acontecer em menos de 60 segundos, aplausos merecidissimos minha gente. A voz dele preencheu todo o espaço e foi incrível, Jordan venceu fácil aqui.

Winner: Jordan | Save: Daniel [#TeamDelta] | Eliminado: Zach

Bom, como eu sou ridícula e totalmente parcial, eu teria avançado o Daniel sim. Pela reação dos meus comentaristas, claramente eu teria sido duramente criticada por isso, sorte que não me importo e só faço o que acho certo mesmo, lol. Delta, pelo visto, gostou tanto do Jordan quanto o meu povo aqui e decidiu avançá-lo. Para meu deleite, ela salvou o Daniel também. E Zach eliminado com justiça, infelizmente, né.

[#TeamGeorge] Sellma Soul vs Burcell Taka vs Carlos C Major
Tema: Destiny’s Child

Sellma Soul – “Bootylicious”

Avalie a performance:

Luana: Eu olhei pra ela e gritei freneticamente: ARTISTA DE VERDADE! Gente, o TVAU é bom demais, eu fico até emocionada com o amor que eu sinto por essa franquia abençoada pelos deuses. Eu amei tudo nessa performance, sério. Eu já havia passado pano para a Sellma lá nas audições, quando ela nem foi tão bem assim. E apesar de ter ficado incomodada com alguns grunhidos (mas esse incomodo foi totalmente intencional, obviamente), eu achei essa performance de uma atitude e de um simbolismo imenso. Eu amo meu #TeamGeorge e eu amo a diversidade que o TVAU abraça sem nenhum medo. Obrigada por tudo!

Erik: Putz, é close que você quer @???? Amo que no AU aparece uma galera que em outras franquias não ia ter vez alguma, AU eu te amo entenda! Acho que Sellma pisou, não amei a apresentação, mas com certeza não odiei olha esse close no final bicho, essa voz surrando, não tem como não dizer que foi um ícone!

Lindo: Que maravilhosa viados! I don’t think they can handle this… Selmma criou o ato inicial de um trio maravilhoso que passou por esse palco, o que foi ela recitando aos berros e de forma suave, Selmma artista de verdade mores chegou com tudo, prometeu e cumpriu.

Burcell Taka – “Emotion”

Avalie a performance:

Luana: Ai gente, chato, me desculpem. Eu não tenho paciência pra esse tipo de performance e o Burcell nem mandou tão bem assim. Nem tenho muito o que falar, porque realmente foi isso aí. Sellma chegou com o pé na porta mostrando atitude, e apesar de Burcell ter feito tudo que podia… Não chegou aos pés, essa é a verdade.

Erik: Da série: pessoas que eu nem lembrava da existência. Não faço ideia de quem seja este cara, não lembro de sua audição nem um pouco HAHA mas eu até que gostei, viu? Acho que a música passou longe de ter um casamento com a voz dele, mas não achei que ele fez feio e adorei o finalzinho. Não foi lá essas coisas mas também não foi ruim.

Lindo: Aquele cantor de barzinho que fica fazendo falsete, mas sei lá algo de muito bizarro rolou aqui porque não vingou. Ficou chato, ficou monótono e a música apesar de ser favorável a ele não soou assim, o final foi a própria definição de morri de tédio minha gente. Até aqui Selmma verdadeira rainha.

Carlos C Major – “Jumpin’ Jumpin”

Avalie a performance:

Luana: Não. Carlos fez tudo para me irritar nessa performance, eu hein. Eu achei tudo de uma estranhice tremenda e nada encaixou. Ele ficou ali berrando, tentando tirar leite de pedra, mas eu estava impactada demais com a Sellma ainda para tentar compreender o propósito do Carlos. Enfim, acho que ele fez mais do que na blind, mas eu teria encerrado sua jornada aqui mesmo.

Erik: Gente eu gostei muito disso aqui. Achei a música ótima pra voz dele e ele arrasou na medida certa. Um minuto de apresentação é muito pouco pra mostrar tudo o que eles precisam mostrar, mas esse cara conseguiu aproveitar e muito esse tempo e fez de tudo, dançou, arrasou nas notas e pisou com bondade, eu adorei.

Lindo: QUE HOMEM! Carlos tem toda uma energia para performar e eu tinha esquecido disso, ele chegou com tudo ao palco e incendiou, trazendo uma força incrível para sua performance. Gostei demais dos vocais, da presença de palco e da dinâmica que ele criou, certamente seria a decisão mais correta como Winner aqui mas eu levaria Selmma por ser rainha demais bicho.

Winner: Carlos | Eliminados: Sellma e Burcell

Nem tudo são flores, né gente. Infelizmente Boy George ficou louca e não avançou a Sellma, depois dela ter levado meu coração. É uma pena, porque eu realmente estava animada para ver mais dessa rainha sem censura. O Carlos é um ótimo performer, então pelo menos, eu sei que ele irá nos garantir bons momentos na competição. Burcell, o que tenho a ver.

[#TeamKelly] Prinnie Stevens vs Mack Moses vs Rebecca Selley
Tema: Parenting (Pais e Filhos)

Prinnie Stevens – “ABC” by Jackson 5

Avalie a performance:

Luana: Aw, que coisa mais linda no final ela cantando pras nenéns dela! Apesar de estar PUTA com a Kelly, impossível não morrer de amores por ela segurando a cheche dos artistas do KO ali, né, hahahaha. Prinnie foi super bem, numa música que eu quase nunca consigo levar a sério. Sei lá, acho que foi a música mais fraquinha do tema. Mas eu gostei do que a Prinnie apresentou.

Erik: Aí mano, muito sem graça essa música pra cantar numa fase como essa, pelo amor. Ela é boa pro The Voice Kids e olhe lá, eu hein. Prinnie fez o que podia, fez uma performance bem legalzinha e vocalmente não teve nada que a prejudicasse, ao meu ver. Mas olha, que péssima escolha viu? Deus me livre, esse formato de KO traz cada bomba que eu fico chocado. No geral foi bem okzinho, mas ela entregou um trabalho bom.

Lindo: Gente eu gostei de ver esse lado animadora de festa infantil da Prinnie, mas cade espaço para ela brilhar? Mandar umas notas poderosas e pisar nesse povo? Prinnie foi totalmente sabotada na songchoice que foi péssima para ela.

Mack Moses – “Blue” by Beyoncé

Avalie a performance:

Luana: Putz, eu otária demais chorando, sinceramente… Olha, eu não sou fã da Beyoncé e não conhecia essa música dedicada pra filha dela. Mas claramente, foi lá no emocional, né gente. O “c’mon Luna, won’t you hold on to me” me deixou totalmente destruída, lol. Eu não lembrava do Mack, mas acho que ele foi super sólido nessa fase.

Erik: Gente, outro que eu nem lembrava mais, mas que voz hein amigo? Eu gostei bastante da apresentação, achei muito linda num geral. Gostei muito dos falsetes, não foi algo forçado nem exagerado, arrasou todo!

Lindo: Que GRATA surpresa foi essa performance, emocional, poderosa e com bons falsetes, Mack trouxe muita verdade e conseguiu fazer todos se conectarem a ele em pouco mais de 60 segundos, foi uma ótima performance e se a decisão fosse entre ele e Prinnie, a vitória era dele mas tinha mais alguém por vir.

Rebecca Selley – “Sweet Child O’ Mine” by Guns ‘N’ Roses

Avalie a performance:

Luana: Putz, que tema maravilhoso! Gente, se eu não havia comprado a Rebecca nas audições, agora foi o arrebatamento, viu. Sem nenhuma dúvida, foi um dos KOs mais lindos da temporada! Ela cantou com tanta honestidade e coração que eu quase não consigo parar de chorar pra fazer esse comentário. E além disso, ela se garantiu demais nos vocais, foi uma performance o mais próximo possível do perfeito! Linda, perfeita!

Erik: AAAAAAAAAAAAAAAAA ICÔNICAAAAAAAAAAA FAVORITA DEMAIS, BICHO! Que voz é essa, mulher? Pelo amor de Cristo. Tenho nem o que falar aqui porque foi perfeito, eu só queria que tivesse mais tempo pra eu apreciar mais dessa coisa linda putz que mulher maravilhosa, se tornou minha favorita e eu já quero que seja Winner, é isso.

Lindo: Que performance mais forte e emocional foi essa? E o baby dela olhando para ela minha gente? Rebecca melhorou e cresceu demais das Blinds para cá e parece que a gravidez dela deixou tudo mais especial ainda. A conexão com a letra, a letra combinando com o momento, foi uma artista de verdade minha gente, que pisão e achei correta ela avançar aqui.

Winner: Rebecca | Steal: Prinnie [#TeamGeorge] | Eliminado: Mack

Bom, quanto à quem venceu esse Nocaute, acho que não havia nenhuma dúvida, né? Rebecca pisou no palco e fez uma das melhores apresentações da fase todinha, não teve pra ninguém. Achei a Prinnie a mais fraquinha dos 3, logo, questiono um pouco a decisão desse steal do George, mas também a música não ajudou a pobre em nada. Sobre o Mack, sinto muito por ele, mas não irei sentir tanta falta assim.

CONSIDERAÇÕES FINAIS

Bom gente, é isto! Finalizamos os KOs e sem nenhuma pausa, já vamos partir para as batalhas! Eu acho que os Nocautes foram bem consistentes nessa temporada, mas não enxerguei nenhum “breakout moment” até aqui. Acho que Jack segue como o maior favorito da temporada até então mesmo. Agora é esperar para ver como esse pessoal se sai nas batalhas (que NÃO possuem steals/saves), né. Ah, vale lembrar que teremos wildcard novamente. Ou seja, cada coach irá escolher um de seus artistas eliminados nas batalhas para competir por uma vaga de decisão popular para os lives! Por fim, vejam como ficam as equipes:

#TeamDelta: Sheldon Riley¹, The Koi Boys¹, Natasha Stuart, Jesse Teinaki², Jordan Anthony e Daniel Shaw².

Surpreendentemente, Delta sai com o melhor time dos KOs para as batalhas. Ela é muito amada pelos Australianos e se consegue ir longe até com gente mais ou menos, avalie quando tem gente com potencial para vencer a competição? Eu poderia destacar todos dos time, mas vou me ater à apenas 2 e serão: Natasha Stuart e Sheldon Riley.

#TeamGeorge: Lee Harding, Diana Rouvas¹, Madi K¹, Akina Maria², Carlos C Major¹ e Prinnie Stevens¹².

Mais um time incrível! Eu gosto muito do George, mas não confio nele como coach, infelizmente. Ele tem umas escolhas musicais muito doidas lá e cá e isso sempre me deixa preocupada quando meus favoritos estão envolvidos. Aqui temos a Diana Rouvas, retornante que segue com o pé na porta rodada pós rodada. E de fato, ela é o maior nome do time. Como me propus a destacar duas pessoas, eu diria que após a Diana, Madi K, também retornante, tem muito potencial e ainda pode vir a crescer na competição!

#TeamGuy: Kim Sheehy¹, Chynna Taylor, Chriddy Black², Mitch Paulsen, Elsa Clement² e Jack Vidgen.

O Guy tinha uma verdadeira seleção pós blinds, e apesar de seguir com uma equipe magnifica, acho que os outros times começaram a encostar nele em questão de qualidade. Ele terá decisões complicadíssimas na próxima fase, mas eu ainda acho que o Jack Vidgen é o grande favorito ao título. Além dele, Guy conta com a retornante Kim Sheehy que é bastante amada pelo público!

#TeamKelly: Luke & Tannah², Henry Olonga, Zeek Power, Denzel, Lara Debbagh², Rebecca Selley.

O time mais fraco de todos e por uma LARGA margem. Eu não sei o que aconteceu com a Kelly das últimas temporadas, mas a Kelly da 8ª temporada tá só ladeira abaixo. Apesar dos pesares, Kelly deu sorte e ainda conta com a Rebecca Selley, que pode traçar uma jornada duradoura no programa. Além dela, há o controverso Denzel, mas sinceramente não sei quanto tempo mais ele se segura na competição, especialmente quando a decisão passar para as mãos do público.

¹ artistas retornantes, “all stars”
² artistas roubados/salvos nos Nocautes, “steals/saves”

Bom, e eis os pares (todos, rs) e songchoices que podemos adiantas das Batalhas que já seguem nos próximos episódios:

#TeamDelta:

Sheldon Riley vs Jordan Anthony – “Praying” by Kesha (segunda)
Natasha Stuart vs Jesse Teinaki – “Giant” by Calvin Harris ft. Rag’n’Bone Man (segunda)
Daniel Shaw vs The Koi Boys – “Let It Be” by The Beatles (terça)

#TeamGeorge:

Diana Rouvas vs Prinnie Stevens – “Freedom” by Beyoncé ft. Kendrick Lamar (segunda)
Lee Harding
vs Madi K – “Leave A Light On” by Tom Walker (terça)
Carlos C Major
vs Akina Maria – “Dirty Diana” by Michael Jackson (terça)

#TeamGuy:

Mitch Paulsen vs Elsa Clement – “Eastside” by Benny Blanco, Halsey & Khalid(segunda)
Jack Vidgen vs Chriddy Black – “Say Something” by A Great Big World (segunda)
Chynna Taylor vs Kim Sheehy – “Never Tear Us Apart” by INXS (terça)

#TeamKelly:

Denzel vs Henry Olonga – “Skyfall/Lose Yourself” by Adele/Eminem (segunda)
Luke & Tannah vs Rebecca Selley – “Don’t You Worry ‘Bout A Thing” by Stevie Wonder (segunda)
Zeek Power vs Lara Dabbagh – “Lovely” by Billie Eilish ft. Khalid (terça)

 

CLIQUE AQUI PARA BAIXAR O EPISÓDIO COMPLETO

gostou da matéria? deixe um comentário!

Luana Medeiros

Sinceramente, não sei mais há quanto tempo estou nesse site? Mas olha, faz um bom tempo! HAHA. Atualmente cuido mais de reviews de realities musicais, mas também faço meus corres nos seriados, porque a vida é isso aí! Tenho 24 anos, sou formada em rádio/tv/internet, e nas horas vagas vocês me encontram por aqui! ;)

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries