Posts Populares

The Voice AU – S09E02 – The Blinds Auditions, Part 2

Continuamos com um nível altíssimo, mas dessa vez com algumas decepções peculiares…

Primeiramente eu queria dizer olá a todos vocês que acompanham o AU, talvez me conheçam das reviews do The Voice US mas enfim, é a minha primeira review da edição australiana do programa então perdoem se eu disser alguma besteira (risos, vai acontecer e vocês que lutem). De qualquer forma, é um prazer imenso escrever sobre esse programa icônico, que permanece sendo a melhor franquia.

Pois bem, no programa passado tivemos uma premiere MUITO satisfatória, o que sempre deixa no ar em outras ocasiões se foi só uma pontinha de esperança ou se realmente o nível vai continuar aquele ali. Bem, isso não se equivale pro AU, uma vez que o nível não só tende a continuar o mesmo, como melhora e muito. O programa de hoje foi um baita exemplo disso!

Vamos ver o que rolou então, Lindo volta pra comentar com a gente e a querida Mari fecha os comentários de hoje. Vem comigo aqui!

[#TeamDelta] Janie Gordon “Songbird” by Fleetwood Mac

Avalie a performance:

Erik: Meu pai do céu, eu completamente passado com essa apresentação. Janie do céu, porque me fez ficar apaixonado logo nas audições, tenho certeza que vou ser tombado minha filha… A música já é maravilhosa por si só, mas com um timbre lindo desses além de uma voz incrível que sai da suavidade pra algo grande de uma forma tão natural. Já é minha favorita!

Mari: Meu Deus, que anjo. Eu tô apaixonada pelo tom de voz dessa menina, que é realmente lindíssimo e ela soube escolher a música certa para valorizá-lo. Bom, eu sou 100% contra o block nesse programa, mas já que ele existe acho que os coachs perderam a oportunidade perfeita de bloquear a Delta. A Janie soltou a primeira nota e eu sabia que ela já gritava o nome dela. Tem potencial pra ser a nova Celia Pavey ou Rachel Leahcar da Deltinha. Atenta.

Lindo: Eu senti a voz dos anjos aqui minha gente, foi uma audição tão cheia de auto-conhecimento, de emoção e Janie conseguiu transmitir isso com tanta maturidade e usando uma parte com falsetes da sua voz de uma forma tão elegante que não tive como não deitar pra esse anjo. Janie entenda, DELTA tem obrigação de levar vocês aos lives minha linda, song choice escolhida com muita esperteza de alguma que conhece sua própria voz.

[#TeamGuy] Stephanie Cole – “The Middle” by Zedd Feat. Maren Morris and Grey

Avalie a performance:

Erik: AAAAAAAAAA eu amo essa música! A voz de Stephanie é tudo, e me julguem mas eu me lembrei de uma das meninas do Little Mix que eu esqueci o nome agora, mas vocês devem saber quem é. Apesar da voz linda eu acho que Stephanie não tem muito de diferente pra oferecer, tendo em vista que os acts do TVAU são muito diferentes e sempre uns mais peculiares se destacam mais. Mas isso não a torna menos incrível não, gostei de tudo na apresentação e espero que ela vá longe.

Mari: Adorei a voz da Stephanie. O tom dela é bem bonito, a voz é muito poderosa, ela tem bastante controle e muita técnica. Acho que ela pode melhorar os agudos e eu não curti muito a escolha da música porque acho que a limitou um pouco. Mas foi uma ótima aquisição pro team Guy.

Lindo: Stephanie seria uma artista incrível no US ou no UK mas no AU um pouco do seu brilho acaba ficando ofuscado por todos os outros artistas tão singulares, além disso senti que ela se perdeu o controle vocal em diferentes momentos apesar de mostrar uma nota alta bem interessante ali no meio, não acho que vá ir longe na competição, mas vamos observar neh.

[#TeamKelly] Chris Sebastian – “Jealous” by Labrinth

Avalie a performance:

Erik: Quando eu soube que o irmão do Guy tosco iria cantar eu fiquei já com um pé atrás e pensava que viria uma bomba. Duas coisas: infelizmente não foi uma bomba, foi tudo impecável. Segundo: que palhaçada trazer irmão de jurado, hein? Não sei como isso pode funcionar, mas enfim né. Como eu disse, não teve erro nenhum, vocalmente, emocionalmente, foi tudo ótimo. O cara arrasou!

Mari: Vou começar expondo sim todo o meu preconceito com a participação do Chris. Ela já participou do programa na maravilhosa season 1 e foi eliminado nos lives no team Seal. Não acho justo ele retornar justo na temporada que o irmão dele é coach. Me passa a impressão de carta marcada, mesmo que não seja. Falando da audição em si, acho que o Chris melhorou bastante em relação a sua primeira participação. Começou escolhendo melhor o repertório, está mais maduro vocalmente e fez uma apresentação bem segura. Escolheu a Kelly e eu só quero ver se ela vai conseguir ser justa e não puxar o saco.

Lindo: VIADOOOOO, arrepiei toda! Eu não tava esperando isso, na vdd tava com rancinho por ter ranço de Guy e saber que ir ter mais um da família e que ainda poderia ir com ele… enfim, mas Chris calou minha boca com uma audição cheia de emoção, vocais poderosos e sólidos e muita confiança. A primeira adição do #TeamKelly não poderia ter sido melhor, Chris já é um dos favoritos a vencer por ser alguém conhecido na Austrália, vamos ver como tudo vai se desenrolar.

[#TeamKelly] Charlie McFarlane– “Sign of The Times “ by Harry Styles

Avalie a performance:

Erik: Meu filho?? O pisão de songchoice. Aliás, todas até agora foram babado demais. Eu amei o timbre do garoto, mesmo, achei muito gostoso de ouvir. Mas senti que faltou bem mais aqui na apresentação como um todo, essa música já teve inúmeras performances e isso acaba tornando impossível não comparar. Achei boa, mas ele não fez o esperado com a canção.

Mari: Olha o fã de One Direction aí cantando musica do Harry. Eu adoro essa song, mas não gostei da performance não. Ficou mais pra Louis do que pra Harry (hahaha, sem ofensas aos fãs). O Charlie não é um cantor ruim, mas também não tem nada de muito diferente. Achei o falsete bem decepcionante, dá pra notar que falta técnica, mas é pra isso que os coachs existem né. Acho que a Kelly vai ter bastante coisa pra trabalhar.

Lindo: AAAAAAAAAAAAAHHH, Sign Of The Times <3 <3 Uma das melhores músicas lançadas nos últimos anos mas convenhamos Charlie passou bem longe de entregar uma versão “sua” da song e ficou como se fosse mais um cover.. não senti que ele soube mostrar e valorizar o timbre dele na sua performance, enfim, não acho que ele vai vingar na competição e ir longe.

[#TeamGuy] Jimi The Kween – “Wicked Game” by Chris Izaak

Avalie a performance:

Erik: AAAAAAAAAAAAAAAAA que coisa maravilhosa, meu deus!! Eu amei tanto essa apresentação, a música linda e Jimi é incrivel. Uma pena que a escolha do técnico foi um balde de água fria, parece que não assistiu a temporada passada quando ele foi super escroto com Sheldon. Enfim, escolha super incoerente o que já me desanimou como torcida, mas sem dúvidas uma adição maravilhosa ao programa.

Mari: Acho maravilhoso o espaço pras drags nos realitys. Falando da audição do Jimi, achei um arraso. Tem uma voz poderosa, conduziu bem a canção, que achei super bem escolhida pra criar uma conexão, o falsete muito bem executado, enfim 4 chairs merecidissimo. Só vacilou na escolha do coach. Se você pode escolher Boy George, escolha Boy George. Guy era dos quatro, o que menos tinha a ver com ele. Todos em choque.

Lindo: AAAHHH.. Wicked Game.. as song choices hoje estãooo TUDO e já fiquei tão feliz de ver o pai e mãe da Jimi ali no backstage torcendo por ela e ela fez uma interpretação tão linda e cantou tão bem, eu fiquei feliz demais por Jimi até ver a escolha dela, por alguém que criticou tanto Sheldon por se vestir e se maquiar, por ter tido comentários machistas e homofóbicos no passado e ainda fazer aquele discurso meia boca sobre ser artista e “precisar” se vestir como drag para ser isso, eu fiquei chocado que Jimi escoheu Guy… amigaa não tem como te defender… sorry not sorry… queria uma carinha aqui de “Decepção”.

[ELIMINADO] Megan Vuillemain – “Emotion” by Destiny’s Child

Erik: Ai gente, até os eliminados desse programa são bons. Eu juro que se eu tivesse ai eu virava com toda certeza kkkkkkkk a voz dela é linda e achei a apresentação bem boazinha. Mas, foi nítido que o nervosismo atrapalhou ela em alguns momentos. Enfim, espero que ela volte algum dia porque tem potencial DEMAIS!

Mari: Eita, isso aqui não foi nada bom. Megan exalou nervosismo, a voz tava trêmula e ela teve muita dificuldade pra executar uma música que não é das mais fáceis de cantar. Faltou controle, mas principalmente faltou voz.

Lindo: Aaaah Megan tão nervosa ali que não conseguiu controlar os vocais e a técnica, senti que ela se perdeu ali desde o início e apesar de ter algumas coisas bem bonitas em sua voz ela acabou não conseguindo vencer essa barreira.

[#TeamGuy] Timothy James Bowen – “I Can’t Make You Love Me” by Bonnie Raitt

Avalie a performance:

Erik: Gente, eu juro que fiquei igualzinho Delta. PLEASE DON’T STOP, PLEASE!! Meu deus, é disso que eu tô falando. O cara pegou uma música que já foi cantada não sei quantas vezes e transformou em algo DELE, genúino e incrivelmente emocionante. Sem dúvida alguma quando a pessoa carrega uma história de superação por trás tudo fica mais singelo e o coração chega fica quentinho. Me fez querer ouvir mil vezes.

Mari: Alerta favorito do programa. Primeiro quando o Timothy abriu a boca, eu gostei muito da voz dele. Ele lembra muito os cantores countrys e se conecta intensamente com o que canta. Depois Delta disse que aquela era uma das melhores audições que ela tinha ouvido em nove temporadas. Por fim Timothy contou sua história que inclui a superação de um câncer. Quando ele cantou uma canção original dedicada a esposa, eu tive certeza que o trabalho pra tirar o titulo desse cara vai ser dificil. Pra minha tristeza, ele escolher o Guy que vem montando um time bem forte.

Lindo: Mais uma daquelas audições de arrepiar, a terceira dessa noite e a quinta em duas noites kkk… vai ser uma temporada cruel meu pai. Timothy tem um vozeirão do caralho com rouquidão e emoção e ali no Turn Down The Lights eu tava entregue já.. foi uma bela e sólida execução desse hino, AMEI DEMAIS e temos Guy pegando mais um homem com vozeirão pro time dele.. seria um possível confronto contra Adam que abriu as audições nas próximas fases? Acho que tem chance disso ocorrer. AMEI a original dele pra esposa que apareceu no final depois dos comments dos coaches <3 <3

Ele também cantou uma música LINDA autoral, confira aqui

CONSIDERAÇÕES FINAIS

Bom, infelizmente o destaque do programa foi o Guy, né? Não sei o que aconteceu que fez candidatos MARAVILHOSOS escolherem ele como técnico… Jimi mesmo é a cara do Boy, Timothy seria muito bom na Delta, enfim. Choices… Vou ter que me passar e torcer pro pior coach do programa porque pegou meu favorito. Eu te odeio Guy, te odeio.

#TeamDelta: Stellar Perry, Janie Gordon*.
#TeamGeorge: Despina Savva, Roxane Lebrasse, Virginia Lillye.
#TeamGuy: Adam Ludewig, Josh Pywell, Stephanie Cole*, Jimi The Kween*, Timothy James Bowen*.
#TeamKelly: Chris Sebastian*, Charlie McFarlane*.

*artistas adquiridos neste episódio

– – –

Além do time Guy que não só teve um Up no time, como disparou entre os melhores da competição por enquanto junto com o team Delta, Kelly teve um suspiro aqui e levou dois acts. Um muito bom que pode vencer facilmente com ela, e outro que precisa melhorar MUITO ainda. Delta levou Janie que pra mim já é a voz mais linda da temporada e nem preciso ver o resto das audições. Já George ficou sem nenhum act dessa vez SENDO QUE DEVERIA TER JIMI. Ok, sem rage por aqui.

E vocês, acharam um bom programa? Eu amei, apesar das escolhas duvidosas. Não deixem de comentar e de votar na nossa enquete.

CLIQUE AQUI E CONFIRA PARA BAIXAR OS EPISÓDIOS DA TEMPORADA!

Os episódios completos serão disponibilizados para visualização e download durante toda a temporada, mas como dependemos de um fórum externo, algumas vezes o link pode demorar mais a sair! Tenham paciência!

gostou da matéria? deixe um comentário!

Erik Lacerda

Paulista, 17 anos, não bebo mas rola um cantinho do vale de vez em quando (ou é cantina? não sei). Amo comentar sobre tudo o que assisto porém nenhum amigo meu tem paciência pra me ouvir falando besteira sobre GOT, Grey's e How I met Your mother, por isso estou aqui.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries