Posts Populares

The Voice Brasil – S07E05 – Audições às Cegas – Parte 5

Hoje rendeu viu!

Olá pessoal, estamos aqui com mais um episódio de The Voice Brasil. As audições seguem a todo vapor, e estamos com esperança de termos uma boa temporada. Até agora já tivemos alguns bloqueios e algumas surpresas, mas o que o programa de hoje reserva para nós? Hoje contarei com a ajuda dos meus amigos João e Tati, então sem mais enrolação, vamos aos comentários.

Helen Cristina – If I Ain’t Got You #TeamBrown

Clique aqui para conferir a apresentação

Rick: Só eu tive a impressão que a banda estava muito alta no inicio da apresentação? Enfim, escolha bem “cansativa” de música (para mim), mas Helen até que fez bem, mostrou bastante dos seus vocais, que são bem fortes e casaram com a música. Achei que a medida que passava, ela ia ficando mais nervosa, e ao final deu para perceber sua voz bem tremida, mas ainda assim ela conseguiu virar três cadeiras. Acho que ela pode crescer na competição, vamos ver como ela vai se sair e espero ver ela com canções brasileiras, pois apesar de ter achado que ela foi boa com essa música, senti que ela poderia ter feito mais caso fosse outra canção.

João: Olha, a voz dela parece ser boa, tem um vibrato interessante, mas foi meio que engolida pela música. If I Ain’t Got You não é uma música fácil, e talvez faltou um pouco de experiência para alcançar algumas notas. Mas ela tem potencial e pode surpreender com as músicas certas.

Tati: Que começo estranho, minha gente. Eu nem reconheci que era uma música batidisssima em realitie – cansada estou, aliás. Enfim, Helen tem um registro baixo muito legal e eu até gostei dos agudos, mas achei a construção da audição, juntamente com o arranjo, uma verdadeira bagunça. De qualquer forma, tem talento ali e um bom material vocal. Vamos ver daqui pra frente.

Kelvin Bruno – Quero Ser Feliz Também #TimeTeló

Clique aqui para conferir a apresentação

Rick: Tão vendo como uma música certa faz diferença? Achei que a música foi muito bem escolhida e combinou muito com Kelvin. A voz dele é bem gostosinha e ele tem uma vibe bem legal. E diferente da primeira candidata, eu já quero Kelvin cantando algum reggae em inglês, pois acho que super combina com ele hahaha, mas não dizendo que essa foi ruim, pelo contrário, foi muito boa e eu gostei pra valer. Estou curioso para ver como vai ser ele no time do Teló, mas tendo em vista o histórico do Teló vencendo com outros tipos de candidatos, creio que Kelvin não fará feio haha.

João: Achei a voz dele um tanto comum, não tem um grande diferencial, é aquela voz que você encontra na maioria dos barzinhos que tem música acústica hahahaha mas isso não quer dizer que foi ruim. Achei que ele tava afinadinho, e tem uma leve rouquidão no final das frases. Mas não vejo ele indo longe. 

Tati: Tô na vibe tão reggaezeira que Kelvin começou a cantar e eu já estava que nem os técnicos, pensando “que hinoooooo”. Mas convenhamos, né? A voz de Kelvin não é tudo isso, não. Porém, ele tem muito a vibe do reggae e escolheu perfeitamente a música, pois ele conseguiu se superar ali. Achei a audição tecnicamente limitada, mas com uma energia muito boa.

Flavia Gabê – Quando Fui Chuva #TeamIvete

Clique aqui para conferir a apresentação

Rick: MINHA GENTE, PASSADOOOO!!! Os refrescos finalmente vieram! Que voz é essa minha gente? Apaixonei real, muito, mas muito boa mesmo. Ela tem um controle excelente da voz, além de ter um ótimo timbre e um grande poder e extensão. Mais uma vez a escolha da música foi ótima e eu estou muuuuito curioso para ver outras apresentações dessa linda. Sabe quando a gente tem aquele feeling de que algo vai ser muuuito bom? Pois é isso que eu estou sentindo com essa moça, eu estou com um ótimo pressentimento sobre ela na competição. Arrasou muito e obs: Minha audição favorita da temporada até agora, que HINO de voz, que HINO de mulher! <3 <3 <3

João: AAAAAAH OS REFRESCOS. Meu deus, adorei a voz dessa menina, potente, marcante, diferente, além dela ser super simpática. Eu to só a Ivete, todo arrepiado aqui. Mereceu as 4 cadeiras, e espero bastante dela na competição. IVETE NAO ME MATE E LEVE ESSA GAROTA LONGE. 

Tati: Que começo foi esse, Brasil? Na primeira nota eu já me apaixonei por Flávia. Que voz linda, que timbre interessante e que controle vocal! Eu estou apaixonada por ela. Fiquei igual Viveta: toda arrepiada, pois ela também estava muito conectada com a música. Apesar do nervosismo que ela demonstrou em alguns momentos, eu achei uma das melhores audições que vi nessa temporada e já torço por ela. 😍

Gabriel Vicente – Flor de Lis #Eliminado

Clique aqui para conferir a apresentação

Rick: Eita gente, eu super estava achando que ele iria virar alguma cadeira. Eu estava curtindo, essa música é bem hino, e ele tem uma voz bem boa, mas acabou se perdendo um pouco, e eu também concordo com o que o Lulu disse,  que ele foi meio “teatral” demais vocalmente falando, acho que não precisava disso, principalmente por estar cantando uma música tão simplista como essa.

João: Ele tava indo ate bem, tava gostando da música, da levada que ele tava dando. Mas ai acho que bateu o desespero por ninguém virar e ele quis impressionar, e acabou se perdendo na música.

Tati: Engraçado que essa season está tão interessante que até os no-chairs estão melhores e até os conselhos dos técnicos estão mais sensatos, pois o que Lulu pontuou condiz com o que eu realmente percebi, mesmo com toda a minha falta de conhecimento em música. Eu achei que Gabriel exagerou demais (Lulu depois disse que foi no vibrato) e isso carregou demais a Blind, que deveria ser mais leve, por causa da própria música. Realmente não viraria a cadeira.

Giulia Sant’ Ana – Rise Up #TimeLulu

Clique aqui para conferir a apresentação

Rick: Eu particularmente não curti muito a pronuncia dela e nem o timbre, apesar de ser bem poderoso. A escolha da música poderia ter sido melhor, acho essa canção uma armadilha, pois até parece fácil, mas é muito difícil de se sobressair com ela. Apesar disso, fiquei bem passado que ela só tem 16 anos, e sendo assim, que voz para 16 anos! Bom, ela foi com Lulu, então vamos ver como ela poderá se sair.

João: Achei o mesmo problema da Helen: a voz dela aparentemente é boa e potente, porém escolheu uma música que é muito maior que ela e acabou sendo engolida. Com as escolhas certas o Lulu pode ter uma boa act nas mãos, mas a audição foi abaixo do que eu esperava.

Tati: Saturaram minha música e quase ninguém nesse mundão conseguiu entregar uma versão decente dela, com algumas exceções, é claro. Giulia não foi diferente, pois achei uma audição sem emoção, algo que considero essencial para essa música. Tirando isso, realmente concordo com o Lulu: ela tem uma bela voz e isso pode ser trabalhado. Vamos ver no que vai dar daqui pra frente.

Dri – What’s Up #TimeTeló

Clique aqui para conferir a apresentação

Rick: AAAAAA EU TO PEGANDO OS MELHORES DIAS PARA FAZER REVIEW HAHAHAHAHA. Gente, o pulo que eu dei quando vi ela, pois eu adorava ela no superstar. E ela só melhorou viu, pois que voz é essa mana! Eu amo muito o estilo dela, e ela foi muito bem com a canção e eu já estou louco para vê-la nas próximas fases. Gente, certeza que essa vai longe, mas é certeza absolutaaaa!!! E outra, ela tem plena capacidade de levar isso viu, pois se no superstar ela foi injustiçada (FOI SIM), aqui ela poderá fazer acontecer. VAI DRI! <3

João: EU AMO UMA ACT E O NOME DELA É DRI! Eu to muito emocionado por estar comentando nessa noite porque eu sempre amei e torci pro Move Over, e agora ela ta no TVBR também. Voltando pra apresentação, me arrisco a dizer que ela ta ainda melhor do que no Superstar. O rasgado maravilhoso na voz dela, a atitude, a presença de palco, ela tem o pacote completo. Só achei a escolha dela errada, ela tinha tudo pra ir com a Ivete, mas vida que segue.

Tati: Aí gente, Dri começou de um jeito que não me faria virar de jeito nenhum. Percebi alguns probleminhas de dicção e isso estava me incomodando. Porém, ela só foi melhorando e melhorando e senti uma força na Dri que realmente me fez acreditar no que ela pode fazer daqui pra frente. Não foi uma audição perfeita, mas o saldo foi bem positivo pra mim, pois ela mandou bem nos vocais.

Larice Baretto – Boate Azul #TimeIvete

Clique aqui para conferir a apresentação

Rick: Passado com o bregão hahahaha e mais surpreso ainda que só a Ivete virou para ela. A voz de Larice é bem boa, muito bem projetada e tem um timbre potente, mas o que será que ela irá aprontar junto com Ivete? Fiquei curioso sim, e apesar de não curti o estilo, eu estou pagando para ver hahaha.

João: uma boa sertaneja raiz. Não sei se o Time Ivete é a melhor opção, mas ela tem uma voz boa. Espero que ela inove e se arrisque no time da Veveta e não se prenda muito ao sertanejo, embora acredito que ela possa ser cordeira de batalha.

Tati: MINHA MÚSICA! NINGUÉM SAI. Aí, Brasil, como eu amo essa música. E não se enganem que minha empolgação é pela audição de Larice, pois achei chatissima. Muito linear e não creio que tenha sido pela songchoice, já que estamos falando de um hino de música. Vamos ver como Larice vai seguir no time da Ivete, mas pela audição somente, não me cativou muito.

Michele Andrade – Na Hora de Amar #Eliminada

Clique aqui para conferir a apresentação

Rick: Mais uma que tem potencial, mas escolheu uma música/versão tão ??? que acabou não virando nenhuma cadeira. Eu achei que ela estava muito nervosa, e como já disse, somado a escolha bem ruim de música, ela acabou não brilhando tanto. Apesar disso, teve umas notas ali que ela atingiu que eu fiquei ‘eita’, mas tirando isso, foi bem ok.

João: Amiga, que versão flop, que tentativas de acertar umas high notes ai bem falhas também. Não acertou uma escolha se quer. Não viraria também.

Tati: Aí, gente, Michele é uma fofa, adorei a história dela. Porém, acredito que ela ficou devendo um pouco na audição. Ela estava nervosa e começou a apresentação de uma maneira bastante linear. Daí quando ela viu que o trem não estava andando, ela acabou apostando em umas notas mais altas e, ao meu ver, essa foi a maior falha dela, pois houve algumas desafinadas. Acredito que ela tenha uma história bem legal com a música, mas eu também não viraria minha cadeira considerando essa audição.

Flávia Souza – 126 Cabides #TimeBrown

Clique aqui para conferir a apresentação

Rick: Nossa, como só o Brown virou para essa moça? Que baita vozeirão, olha o vibrato dessa moça!!! O controle da voz, a projeção, respiração e esse timbre super potente. Apesar de não gostar do estilo achei que ela merecia bem mais, mas pelo menos o Brown ganhou de graça uma ótima vocalista para o time. Vamos ver o que vai rolar aqui.

João: Que gastura, jesus amado! A menina foi super afinada, tem uma voz super gostosa e dentro do estilo que propõe, fez uma apresentação acima da média da maioria que já passou E NINGUÉM TAVA VIRANDO. Felizmente Brown salvou a noite e foi esperto. Se ele vai saber trabalhar com ela ai já são outros 500, mas pelo menos ela ta dentro, e merecidamente. 

Tati: Flávia me lembra tanto o estilo que muitas mulheres estão seguindo atualmente e acho isso bem massa, pois dá pra perceber que ela tem futuro. Eu achei uma audição bem interessante e que deu para perceber pontos positivos na voz dela, principalmente nos rasgados e tons mais graves. Ela tem uma boa potência vocal e tem potencial para construir uma boa trajetória no programa. Espero que isso aconteça no fraco time do Brown.

Lc Negão – O Que Sobrou do Céu #TimeLulu

Clique aqui para conferir a apresentação

Rick: Adorei! Simples assim. Música hinária e combinou muito com ele. Que voz poderosa, cheia de rispidez e poder. Além disso, ele tem uma presença bem imponente, mas estou um pouco com o pé atrás sobre o que ele poderá cantar nas próximas fases. Vamos ver o que Lulu vai fazer com ele, espero que ambos trabalhem bem, pois esse rapaz tem potencial viu.

João: Não sei muito o que falar porque não curto muito esse estilo. Achei o timbre dele diferente, e bem único, fez a lição de casa, cantou dentro da zona de conforto. Foi bem, mas nada sensacional.

Tati: Engraçado que enquanto LC estava dando a entrevista eu já imaginei que a voz dele seria assim. Rapaz, o boy arrebenta nos graves e foi super inteligente ao escolher essa música, pois permitiu que o timbre dele fosse evidenciado. Essa música é um hino e ele colocou a energia que a canção pedia, tornando bem agradável de assistir. Apesar de não ser uma audição que amei, achei muito bem executada.

Isa Guerra – Havana #TimeTeló

Clique aqui para conferir a apresentação

Rick: Olha, achei que faltou um pouquinho mais de sal para Isa, porque assim, ela tem uma voz legal, mas foi tudo muuuito linear. Basta compararmos com outras audições desse episódio, e veremos que Isa ainda está bem cruazinha, mas quem sabe ela pode surpreender mais para frente não é mesmo? Mas por essa audição, eu achei bem okzinha, espero que melhore.

João: Pelos vídeos que passou antes da audição eu tava esperando algo bom, e ela não chegou a decepcionar. A música parece que acabou limitando o que ela podia fazer, mas foi uma audição boa, com uma música atual, e eu gostei bastante dela. E Teló conseguiu mais uma das boas da noite. 

Tati: QUE COISA ESQUISITA DE ARRANJO FOI ESSA, MINHA GENTE? Nossa… Conseguiram deixar essa música maravilhosa chatissima. Esse toque repetitivo só me faz desejar o fim da audição, que foi boa, viu? Isa é uma simpatia só e canta bem, suuuuper afinada, mas o arranjo realmente me incomodou. Ansiosa para ver ela cantando outros estilos, já que talento a bichinha tem. Vamos ver!

Camila Pelegrina – New Rules #TimeIvete

Clique aqui para conferir a apresentação

Rick: Ai gente, desculpa, não gostei. Ela entrou muito mal na música e esse arranjo foi terrível! Não sei se foi nervosismo ou outra coisa, mas ao contrário do que Ivete disse, para mim ela teve alguns deslizes sim. Enfim, não sei se ela ainda poderá surpreender, mas a minha primeira impressão dela não foi muito boa não.

João: O. Que. Ela. Fez. Com. A. Minha. Música. Meu deus, que desastre. A voz pode ate ser boa, mas não mostrou grande coisa aqui, além de ter pego uma música boa e feito uma versão horrível. Eu to muito chocado que ela ainda teve 3 cadeiras.

Tati: Coragem cantar essa música em realities hahahahahaha e foi uma escolha bem equivocada pra Camila, ao meu ver. Ela se embananou um pouco nas partes mais rápidas e tinha algumas partes bem difíceis de ser entendidas. Mas, tirando a questão da própria escolha da música, Camila tem uma voz legal e não notei tantas falhas vocais, não. Eu não viraria minha cadeira, mas entendo as justificativas dos técnicos.

Bom pessoal, chegamos assim ao final de mais um episódio de audições. Eu gostei bastante desse episódio, tivemos ótimas audições e eu já garanti duas das minhas favoritas hoje, que são Dri e Flavia Gabê. E vocês? Já tem seus favoritos? Deixe ai nos comentários sua opinião sobre o episódio de hoje, e votem na nossa enquete abaixo. Nos vemos na próxima galera. 😀 

 


gostou da matéria? deixe um comentário!

Ricardo Souza

Tem gente que diz que sou um amorzinho, eu digo que sou um trouxa. Viciado em maratonar séries e ficar na bad depois de assistir tudo em um dia. Amo muito música indie, quando quiser me chamar pra ouvir Florence já sabe onde procurar. Mineiro do interior que não puxa o 'r' quando fala, mas adora um pão de queijo.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries