Posts Populares

The Voice Brasil – S07E13 – Tira-Teima, Parte 2

E lá vamos nós para mais um episódio corrido! hahaha 

Olá, olá, meu povo! Depois de uma primeira parte de uma fase muito controversa, chegamos ao segundo dia da fase de Tira-teima do The Voice Brasil! Já corremos para contar tudo para vocês e comentar sobre as decisões do técnico e do público. Honestamente? Decisões pontuais um pouco contestáveis, mas que eu nem julgo tanto, uma vez que a culpa é do formato super mal produzido. É tão rápido, gente! E nem dá tempo do público realmente votar. 🙁  Mas chega de lamúrias ahahahah Vamos logo ao que interessa, que são as apresentações, e para falar de cada uma delas, hoje tenho esses dois leitores lindezas, Doug e Paulo <3. Bora começar, Brasil! Aaaaaah, só relembrando: em ordem alfabética, se apresentam quatro candidatos por time. Após as performances, o Tiago revela a pessoa que foi salva pelo público e o técnico escolhe dois artistas para prosseguirem no programa.

#TimeIvete – Alan Camargo x Damiana Sadili x Flávia Gobê x Julia Dantas

Time Ivete (Foto: TV Globo)

Alan Camargo – “I Feel It Coming” by The Weeknd 

Clique aqui para assistir a apresentação. 

Tati: Eu amo taaaaanto essa música e, por isso, sou muito exigente quando cantam ela hahahaha. Olha, Alan tem um registro baixo bastante agradável, mas ele precisa muito cuidar para que isso não deixe suas apresentações um pouco chatas, pois pode parecer mais do mesmo, sabe? Eu não curti muito a apresentação, principalmente por ter notado que ele se prendeu um pouco no palco. Acho que ele decaiu um pouco em relação à batalha.

Doug: Uma apresentação bem fraca, ele semitonou várias vezes e ainda errou na nota mais aguda. Ele tem até um gingado e tal, mas escolheu uma música que não o favoreceu em nada ao meu ver.

Paulo: O começo foi meio nervoso, mas depois subindo as notas, ele foi melhorando. Só que, podia ter escolhido uma música menos repetitiva. Mas ainda soltou aquele notão e improvisou no que deu. Acho que com outra música, ele poderia se sair melhor, porque voz ele tem.

Damiana Sadili – “Best Past” by Daniel Caesar 

Clique aqui para assistir a apresentação. 

Tati: Ai, gente, que começo maravilhoso! Eu não tinha observado muito Damiana até aqui, mas quando ela começou a cantar eu vi uma qualidade muito boa! Os agudos delas também são muito bonitos, o que dá pra perceber que a bichinha tem técnica, viu! O que me desagradou um pouquinho aqui foi a música mesmo, pois acho chatíssima. Mas ela não ficou devendo nadinha na execução.

Doug: Que linda, ela diferente do seu colega soube escolher uma boa música pra sua voz. Usou bem os falsetes, as apogiaturas e sem ser aquele negócio exagerado. Acho que ela cantou muito bem, foi conectada e me encantou

Paulo: Gente, que voz gostosa! A mulher arrasou pra mim. Delícia demais.

Flávia Gabê – “Falando Sèrio” by Roberto Carlos

Clique aqui para assistir a apresentação. 

Tati: Uma das minhas favoritas do programa cantando uma das minhas músicas favoritas da vida! AAAAAAAAAAAAAAAAAA, eu não tenho estrutura! Eu amo tanto o jeito emocional que Flávia canta, me toca, de verdade! Fora a elegância que ela canta. Parece que teve aulas de canto em Paris hahaha! Foi uma ótima escolha para ela, sem dúvidas, mas a execução deixou a desejar. 🙁 Vocalmente falando, ela não me agradou tanto.

Doug: Falando sério, eu não gostei não, achei o começo fraco, acho que ela estava muito nervosa e isso prejudicou a sua voz fazendo ela semitonou várias vezes. Eu acho que essa música tem que ter uma conexão muito forte com a letra e senti ela bem vazia nesse quesito.

Paulo: Eu acho a voz da Flávia meio forçada e acho que ela podia ter maneirado um pouquinho. Pra mim, ainda fica atrás dos outros dois, apesar da improvisação ali no final.

Júlia Dantas – “Serrado” by Djavan

Clique aqui para assistir a apresentação. 

Tati: Outra música que foi muito bem escolhida, pois muito diz respeito ao que Júlia apresentou até aqui. Eu não curto tanto, mas em termos de execução, não tenho o que reclamar. Júlia foi segura e, vocalmente falando, não vi falhas. Inclusive, amei as notas mais alongadas. Uma pena que o público não leva muito longe artistas desse estilo, pois eu AMO muito.

Doug: Gostei bastante dessa apresentação, ela tem aquela voz bem MPB e combinou muito bem com a música. No começo eu achei ela perdida, mas depois ela conquistou a música de uma tal forma que eu achei demais.

Paulo: Já a voz da Júlia parece mais natural. Só acho que podia ter subido uns tons ali, porque o começo ficou grave e não se ouvia bem. Mas ainda improvisou na música, que também é repetitiva. E acho que também passaria ela.

Resultado do Time Ivete – O público escolheu Flávia para continuar no programa e Ivete optou por salvar Damiana e Júlia. Começamos a noite muito bem, viu? gente? Concordei com as escolhas e também salvaria exatamente essas pessoas. Não achei o nível das apresentações espetacular, mas foi muito bom! Melhor time faz assim, né, @?

#TimeBrown David Nascimento x Erica Natuza x Hellen Cristina x Raíssa Araújo

David Nascimento – “These Days” by Rudimental

Clique aqui para assistir a apresentação. 

Tati: Ai, gente! Cantar inglês é um problema sério em alguns casos, pois o nervosismo ou algo do tipo pode causar problemas na pronúncia e eu notei isso aqui, viu? Além disso, deu para perceber que o bichinho estava nervoso e acabou errando em algumas notas, que não saíram tão legais assim! Enfim, achei uma apresentação muito fraca.

Doug: Achei bem capenguinha. Ele tem uma voz bonita, foi afinado na maior parte do tempo, mas não passou disso. Foi uma apresentação bem fraca.

Paulo: O começo foi ruim, colega. Bem trêmulo, acho que pelo nervosismo de ser o primeiro do time. Eu esperei ele melhorar durante a apresentação, mas não chegou lá, mesmo improvisando um bocado.

Erica Natuza – “Rehab” Amy Whine House 

Clique aqui para assistir a apresentação. 

Tati: Eu adorei Érica de cara e, inclusive, comentei por aqui. Como disse o Lulu, ela realmente tem uma simpatia muito grande e emana uma ótima energia enquanto canta. Mas já nas batalhas a apresentação dela não conseguiu me prender tanto e aqui foi assim também. Não foi uma performance ruim, longe disso. Mas sabe quando uma apresentação não consegue te cativar de jeito nenhum? Apesar disso, ela cantou direitinho e foi bem melhor que seu primeiro oponente.

Doug: Cantar Amy não é pra qualquer um, e acho que ela até foi bem. Ela teve atitude e boa presença de palco e seus vocais também foram bons.

Paulo: A mulher veio com tudo, gente. Apesar de que a coisa parou um pouco de energia ali pelo meio, mas o grave dela é massa e ela soube usar muito bem. Mas também ficou meio repetitivo.

Helen Cristina – “Não Vou Ficar” by Tim Maia

Clique aqui para assistir a apresentação. 

Tati: Eu acho Hellen TÃOOO linda e muito simpática quando canta também! Dos três, até então, foi a performance que mais me agradou. Primeiramente por revelar um pouco da artista que ela é. Ela passa uma energia muito legal e isso ficou nítido nessa apresentação. Além disso, curti muito os vocais e achei que ela foi melhorando no decorrer da apresentação.

Doug: Gostei da atitude dela, gostei da hora que ela usava aqueles grunhidos no final da frase. Acho que ela foi muito bem e merece muito avançar.

Paulo: Outra que soube colocar a música no tom certo. Apesar de eu achar que dava pra ela gritar um pouquinho mais ali. Mesmo assim, arrasou! Melhor da noite até aqui.

Raíssa Araújo – “Minha Festa” by Nélson Cavaquinho 

Resultado de imagem para raissa araújo minha festaClique aqui para assistir a apresentação. 

Tati: Amo e defendo quem canta samba nesse programa e sempre tendo a defender por aqui. Mas, gente, com todo o respeito à Raíssa, mas eu achei essa performance muito linear. 🙁 Talvez tenha sido a escolha da música ou a forma como ela foi conduzida, mas eu não consegui curtir e achei que foi muito a mesma coisa do início ao fim.

Doug:   As partes mais graves eu senti que ela estava perdendo a voz, isso me incomodou bastante. A música é no estilo dela, mas acho que foi uma escolha errada e não mostrou o brilho que a sua voz tem.

Paulo: Olha o sambinha aí, gente! Que segurança. Mesmo assim, achei que ela não chegou em algumas notas (ela é meio limitada de extensão, viu?), mas ainda foi melhor que o David e merece uma vaga.

Resultado do Time Brown – o público salvou Érica e Brown optou por salvar David e Hellen. Sinceramente? Não concordei muito com Brown em relação ao David, pois, pra mim, foi a apresentação que menos me agradou dentre os quatros. Eu escolheria Raíssa, apesar de que ela também não fez uma apresentação tão incrível assim. Então, acredito que ele tenha optado por quem ele se identifica mais. O nível das apresentações não me agradou tanto e minha preferida foi a Hellen mesmo.

Time Lulu Larissa VIana x Suélen Karine x Thai Chiaro x Zack

Time Lulu (Foto: TV Globo)

Larissa Viana – “Who’s loving you” – Jackson 5

Clique aqui para assistir a apresentação. 

Tati: Alguém tem dúvidas de que Larissa é a favorita do Lulu? Eu não. A propósito, ELA É MINHA FAVORITA do time dele. É nítido a técnica que essa mulher tem, além de um autoconhecimento como artista muito legal. Honestamente, eu fiquei receosa com a primeira nota, já que já vi introduções para essa música um pouco melhores. Porém, ela só foi melhorando  na parte do refrão eu já estava que nem o Lulu ahahaha. Foi uma performance muito segura e tecnicamente muito bem executada. Essa menina brilha demais!

Doug: Que menina ousada, essa é uma música beeem difícil de cantar, e num é que ela mandou bem! Senti um pouco de influência da versão da Jennie Lena nessa versão dela, ainda mais nos agudos e no falsete no final. No geral gostei bastante dela.

Paulo: Ah, eu amo essa música. Passa ela, Brasil. Arrasou demais. Melhor da noite até agora. Segurança, notas e o começo e o final contrastantes ficaram lindos!

Suélen Karine “Nosso Nó(s)” by Lucas Lima 

Clique aqui para assistir a apresentação. 

Tati: Eu não me lembrava da Suélen e falaram que ela melhorou muito em relação à audição. Bom, apesar do timbre dela não ser um dos meus preferidos, eu achei que foi uma performance com boa conexão e a atitude dela no palco me agradou bastante, afinal, estava muito condizente com a letra da música. Eu gostei do finalzinho mais emotivo, apesar dela acabar rindo no final hahaha.

Doug: O começo eu achei meio linear, mas depois ela foi crescendo e conquistou o palco. Ela precisa tomar um pouco de cuidado com a notas mais graves, pois vacilou um pouco alí. No geral foi legal.

Paulo: Gente, que voz linda! Eu vou sorrir pra você, linda! Soltou uns rasgados ali, umas notas altas, isso sem perder o brilho da apresentação e o sorriso. Interagiu super bem com as câmeras. Arrasou muito.

Thai Chiaro – “Believe” by Cher 

Clique aqui para assistir a apresentação. 

Tati: Ai, gente, eu sempre falo de escolha musical aqui. O motivo é que uma boa música pode determinar muito o desempenho de um artista. Essa música é muito boa e poderia ser muito bem executada pela Thai. Porém, esse arranjo ficou HORRÍVEL e eu acabei achando uma apresentação um pouco sem graça, apesar do ritmo mais dançante. Uma pena, pois eu gosto da Thai e acho que ela poderia ter se dado melhor, com uma escolha mais acertada.

Doug: Eu amo a Tai, fui num show da banda dela, e ela é super simpática e tem minha torcida haha. Mas falando dessa performance tenho que ser realista, acho que não foi a melhor escolha, não funcionou muito nas partes mais baixas onde ela se destacou mais no refrão e nas notas mais altas. Ela foi bem afinada, mas no grave a sua voz ficava bem baixa.

Paulo: Esse começo grave não ficou legal não, Tai… Mas quando a música subia, ela brilhava. Apesar disso, achei bem chato. Pior das três.

Zack – “Nessas Horas” by Matheus Kauan

Clique aqui para assistir a apresentação. 

Tati:  Uma música muito emocional para Zack e que o fez cantar em um tom um pouquinho mais alto do que ele tinha mostrado até aqui. Confesso que estranhei um pouco no começo, mas eu notei uma evolução dele, nesse sentido. Vocalmente falando me agradou bastante. Não foi uma performance UAU, mas ficou com um saldo positivo, já que ele também se conectou bem com a canção.

Doug: Ele foi bem, gostei da apresentação no geral, só achei fez desnecessário o falsete no final.

Paulo: O cara veio pra brigar por uma vaga sim. Apesar da música não deixar muito espaço, o cara brilhou no que se propôs. E o timbre dele é muito lindo. Eu passaria ele também.

Resultado do Time Lulu – Larissa maravilhosa passou e Lulu optou por salvar Thai e Suélen. Pelas performances de hoje, eu salvaria Zack e Suélen, mas eu entendo a escolha de Lulu, pois Thai me parece estar em um estilo o qual ele realmente pode ajudar mais. Achei as apresentações boas de uma forma geral e, para mim, Larissa fez a melhor performance da noite.

#TimeTeló Arthur Henrique x Dri x Letícia Gonçalves x Micaella Marinho 

Arthur Henrique – “Desperdiçou” by Sandy & Júnior

Clique aqui para assistir a apresentação. 

Tati: Ai, meu povo, olha aí mais um arranjo horrível! Eu não entendo o que se passa na cabeça dessa produção, sério! hahaha Quanto à apresentação… Achei muito sem graça. Eu até tinha gostado do Henrique na batalha passada, mas hoje achei tão sem graça e linear. Talvez o arranjo ruim tenha influenciado, mas a performance também não me cativou.

Doug: Uma escolha diferente pra um cara cantar Sandy, mas num é que ele me surpreendeu? Super combinou com o timbre dele, as melismas bem colocadas, ele se movimentou bem no palco e foi hyper afinado. Adorei do início ao fim.

Paulo: A voz dele é essa mesma? Achei estranho e a banda tava mais alta. Uma pena, porque tava até bom. Só que, a música limitou um pouco, viu? Podia ter dado mais…

 

Dri – “Whole Lotta Love” by Led Zeppelin 

Clique aqui para assistir a apresentação. 

Tati: Eu respeito muito a artista que Dri é, de verdade. Mas eu não consigo entender muito bem a razão do povo a tratar como a melhor artista desse programa, pois, apesar de ter entregado boas apresentações, eu acho que existem outros artistas que entregaram mais e nem são tão ovacionados assim. Essa performance mesmo, eu vi muita gente no Twitter falando UAAAAAAAAU e eu não achei essa coca-cola toda. Mas tudo bem, né? É questão de gosto e eu respeito. Sobre a apresentação, achei com uma energia muito legal, mas não me contagiou tanto, se comparado com outras apresentações dessa música. Mas, no geral, foi uma performance decente, que deu para perceber que Dri realmente tem uma boa ligação com o rock.

Doug: Nossa que mulher, ela tem uma forma de se envolver na canção. Foi um show que ela deu, esse rasgado na voz dela, a potência, sua movimentação no palco. Acho que ela fez a escolha certa de música pra ela.

Paulo: Acho que podia ter escolhido rock nacional, que seria melhor pra entender. Mas, a mulher tirou onda demais. Apresentação mais inteligente da noite, apesar de que eu acho que podia ser melhor.

Letícia Gonçalves “Loka” – by Simone e Simária

Clique aqui para assistir a apresentação. 

Tati: Letícia é muito esforçada, né? Eu notei isso desde a sua primeira apresentação e isso ficou muito nítido nessa performance. Vocalmente falando ela não me agrada tanto, mas ela tenta ocupar certas limitações, com uma presença de palco e bom contato com o público, mas tem vez que isso não é suficiente e não gostei da apresentação, apesar do esforço.

Doug: Uma boa presença de palco, ela soube direitinho o que fazer na hora que estava cantando, acho que mandou muito bem, foi animada e envolveu o público e os técnicos.

Paulo: Esse breganejo ficou invocado, viu? Hahaha. Mas ela é boa, gente. Merece passar no lugar do Arthur. A música não exige muito, mas ela conseguiu fazer o suficiente pra passar pra mim.

Micaella Marinho – “Oh Happy Day” by Susan Boyle 

Clique aqui para assistir a apresentação. 

Tati: Que escolha diferente para Micaella! hahahahahaha Ai, gente, ela não é minha candidata preferida, mas eu notei uma melhora na bichinha, viu? Ela estava mais segura e, principalmente, mais concentrada. Está certo que essa música não permite fazer muita coisa, afinal, é muito repetitiva. Porém, eu gostei muito do empenho e da postura de Micaella no palco.

Doug: Não gostei dessa versão da música, essa música pede aquele estilo mais gospel, com agudos e grandes notas. Ela foi suave e acho que isso tirou o brilho da música.

Paulo: Uma versão estranha de Happy Day, mas a menina tirou onda. Ela é meio exagerada, mas tá valendo. A gente espera o gritinho do carinha de Mudança de Hábito, mas tudo bem…

 

Resultado do Time Teló – O time Teló me decepcionou um pouco hoje. Nenhuma apresentação me cativou taaaaaaaaanto assim e eu achei que a performance da Dri, de fato, foi a melhor entre os quatro. O público também achou isso e a Dri foi a mais votada da noite. Teló optou por salvar Arthur e Micaella!

Então é isso, pessoal! Com a última apresentação da noite, chegamos ao fim do programa. Eu achei o nível bem similar ao primeiro dia de Tira-Teima e apenas uma decisão me incomodou MUITO, a de Brown, no caso. De resto achei coerente, na medida do possível, principalmente considerando as apresentações de hoje. Quinta-feira que vem teremos o último dia de Tira-teima e, claro, contaremos tudo para vocês. Vou indo, mas não deixem de votar na enquete, viu? Beijos!

 

gostou da matéria? deixe um comentário!

Tatiane Silva

Sou uma Social Media e Community Manager que ama tanto o que faz, que acaba fazendo isso quase que o tempo todo. Eu moro na internet, por isso acrescento doses diárias de cultura inútil e memes que é pra eu não me entendiar. Amo realities musicais, gasto horas em grupos de discussão e sou viciada em coisas que me fazem dar boas risadas e esquecer da minha conta bancária negativada.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries