Posts Populares

The Voice Of Holland – S10E04 – The Blind Auditions 04

Metade das blinds já foi!

Oi, gente! Um pouco (muito atrasada), cá estou eu com mais uma review do The Voice Holanda. Depois de um terceiro episódio bastante fraquinho, voltamos com tudo e com artistas maravilhosos! Eu já estou preocupadíssima sobre como alguns coaches levarão seus times no decorrer da competição, pois, algumas equipes estão ficando bem mais fortes do que outras. Mas deixa pra gente sofrer quando tiver de sofrer, né? Por enquanto, o programa está uma delícia, então vamos curtir! Para comentar comigo o episódio de hoje, trago comentários do Erik e do Lindo! Vamo que vamo!

[Team Anouk] Sanne Huisman – “California Dreamin'” by Mamas and The Papas

Tati: Meu Deus, que segurança é essa, mulher? Sabe quando você olha pra alguém e ela te passa a impressão de que sabe o que está fazendo? Senti isso nessa blind demais! Sanne soube usar bem a sua voz, subindo o tom quando tinha que subir, diminuindo quando tinha que abaixar, enfim, arrasou em tudo. Timbre limpo e voz segura. Adorei!

Erik: Sanne é um nome muito comum na Holanda, né? Sempre tem umas 10 em cada season kkkk essa songchoice é simplesmente tudooo porque ela dá pro act inúmeras chances de mostrar pra que veio. Sanne além de não ter feito feio foi além e arrasou demais, mostrou alcance e potência e pisou. Simplesmente icônica!

Lindo: CARALHO, eu to abismado que o episódio já abriu com essa fada vindo aqui e arrasando em todos os sentidos. Sanne não se contentou em vir ao palco e fazer um cover dessa maravilhosa canção, mas ela inseriu sua marca em diversos momentos e provou que merecia as quatro cadeiras. Eu so não diria que foi espetacular que sinto que no meio da canção ela poderia ter feito um pouco mais, mas as escolhas que ela fez por outro lado de usar mais poder vocal em algum momento e em outros ir mostrando um lado mais suave de sua voz acabaram funcionando demais para a audição.

[Team Lil] Céline Dib – “Another Love” by Tom Odell

Tati: Senti Celine um pouquinho nervosa em alguns momentos, com a voz um pouco trêmula, mas essa é minha crítica a blind, pois eu adorei Celine! Essa performance teve dois momentos, né? No primeiro eu vi as inseguranças que falei, mas o restante foi maravilhoso, ela estava bem mais cheia de si e a voz dela estava lindíssima. Se essa mulher saísse desse programa sem uma cadeira, eu iria ficar bem pistola.

Erik: Gente eu já estava vindo escrever o comentário triste e pronto pra xingar todo mundo. COMO DEMORARAM PRA VIRAR PRA ESSE ÍCONE? A melhor parte da audição foi no começo quando a música estava mais lenta e confesso que depois comecei a achar que ela se perdeu um pouco. Mas no geral foi MUITO bem e mereceu depois a cadeira, Lil conte comigo pra tudo!

Lindo: Lil Kleine já disse que te AMO hoje? Porque essa fadinha merecia demais uma vaga na competição para compartilhar seu talento, os melismas que ela inseriu em algumas notas foram lindos e a partir mais agressiva e dinâmica que ela fez no final foi simplesmente perfeita, Celine merecia demais mais cadeiras ai.

[Team Waylon] Pyro – “Where The Streets Have No Name” by U2

Tati: Uma banda pra me agradar no The Voice tem que ser muito boa, pois, né? Bandas nem deveriam estar nesse formato de programa hahaha! Eu curti demais eles, gente! Muito mesmo. Energia maravilhosa, o vocalista é ótimo e eu senti uma vibe bem bandinha de uns 10 anos atrás hahaha. Achei uma delícia e felizmente tenho mais uma banda que me agrada no programa.

Erik: De início eu achava essa ideia de banda no the Voice muito nada a ver, mas depois de Navarone na season passada eu sempre ouço essas audições com outra perceptiva! Pyro veio arrebanhando com um vocalista do cacete, uma songchoice muuito boa e uma energia cativante, o que na minha opinião é o que torna a performance de uma banda memorável. Não achei nada de espetacular, mas eles arrasaram no que fizeram e eu amei!

Lindo: Anouk minha filha porque não virou pro Kings Of Leon da Holanda? Eu ADOREI a energia do Pyro, os instrumentos, o vocal cheio de rouquidãoo, um rasgado sensacional e o restante da banda fazer um apoio vocal, AMEI, já sou fã, já vou montar o fã clube brasileiro e cantem Kings Of Leon (inclusive eles tem uma song chamada Pyro!!).

[Eliminado] Chiel Naber – “Binnen” by Marco Borsato

Tati: A voz dele é interessante, mas essa música é chata e isso contribui para que a sua performance fosse bastante linear. Pareceu música de slide de fotos, gente. Simplemente não dá!

Erik: Amado?? Com essa voz bonita você me escolhe uma música chata dessa. Eu fico com receio de criticar quando a pessoa canta uma música em sua língua, ninguém sabe o quanto ela é conectada com a canção. Mas, olha, achei bem chatinha mesmo kkkkk certeza que com uma canção mais “forte” ele se sairia melhor.

Lindo: Acho que essa é um clássico holandês pelo jeito porque o povo foi a loucura nos primeiros versos, mas o que vimos foi uma performance bem caótica por conta do Chiel. Ele não se conectou com a música e parecia muito nervoso em vários momentos, foi bem compreensível ninguém virar pra ele.

[Team Lil] Marlane – “Als Je Zachtjes Zegt Ik Hou Van Jou” by Saskia & Serge

Tati: Nossa, gente, errada ela não foi, sabe? Afinada e tudo mais, mas pelo amor de Deus que blind chata. Talvez com uma música melhor ela me cative, mas nessa performance a achei correta e nada mais. Infelizmente, não curti a blind.

Kids: Aí gente, eu queria muito ter gostado, mas alguma coisa fez com que eu achasse essa apresentação MUITO chata. Não sei se o timbre da moça ou a música, na verdade acho que não porque a música é bem bonita (apesar de eu não saber do que ela tá falando) no geral acho que não curti porque não faz meu estilo mesmo, mas ela tem um vozeirão e mereceu muito!

Lindo: Vocalista ela minha gente, vocalista classuda mas sem muita alma ou tempero, achei a performance da Marlene bem sem graça para ser sincero, mas vocalmente ela mostrou poder e controle do seu vozeirãoo e provou que merecia uma ou duas cadeiras, mas não a vejo indo além das Battles.

[Team Lil] April Darby – “You Don’t Do It For Me Anymore” by Demi Lovato

Tati: FINALMENTE O MEU SONHO SENDO REALIZADO E MINHA MÚSICA PREFERIDA DA DEMI SENDO CANTADA, ESSE MOMENTO É MEU. SÓ MEU. Eu amo essa música demais, gente. E sempre quis que ela fosse cantada no programa, mas precisaria ser por alguém bem bom, afinal, não é nada fácil: cheia de agudos e existe um controle além do normal. Ai vem a April e o que faz? Canta perfeitamente. Eu amei demais! Obrigada, pelos mimos, April. Você foi perfeita, entenda!

Erik: AMADA???? Gente, tôchocadissimo com o nível desse programa. A moça veio com uma música que eu acho difícil – de acordo com a minha experiência musical que é nula e arrasou demais. Adorei o timbre dela e a sua facilidade em sair de uma nota e ir pra outra (tenho certeza que isso tem nome técnico e vocês que lute) mas acho que dá pra entender o que quero dizer! Ela vai do falsete pra voz de peito super suave de uma forma gostosa de ouvir. Eu amei!

Lindo: Que controle foi esse April? Simplesmente MARAVILHOSA essa audição, ainda mais pensando no nível da música e em sua dificuldade, e o que foi ela pegando a música do meio pro final e levando tudo num falsete super controlado? APENAS INCRÍVEL, fez jus a Demi Lovato e mereceu porque mereceu ser #4chair.

[Team Ali B] Dalo – “Zij Was Van Mij” by Clouseau

Tati: Ai, gente kkkkkkk. Eu não curto muito dutch, mas, fiquei curiosa pra ver a letra dessa música, pois curti a melodia. Eu achei que o Dalo mandou super bem, ele tem uma boa respiração e soube deixar a performance interessante e nada cansativa. Vamos ver como ele continua daqui pra frente.

Erik: O pop holandês, meu pai! Berro no boy que parece exatamente com todos os outros machos do programa. Achei a audição bem gostosinha, no começo achei que fosse vir uma bomba radioativa mas durante a performance ele engatou e no fim deu tudo certo! Achei no geral bem legal mas basiquinha também, acho que uma cadeira foi super justo porque foi bom mas nada babadeiro.

Lindo: Respirar pra que amigo? Eu adorei a voz de Dalo e já fiquei imaginado ele cantando uma música cheia de fraseado/rap iguais algumas do Linkin Park e mandou super bem. Eu achei que ele merecia mais cadeiras do que apenas o Ali B e me assustei com a Anouk respirando no fim e ele dando um grito e ela se assustando kkk, o berro meu pai.

[Team Ali B] Nelson Braveheart – “X (EQUIS)” by Nicky Jam

Tati: AAAAAAAAAAAAA EU AMEI? AMEI! A voz dele não lá essas coisas. Mas nessa música isso não é tão exigido, né? E ele, espertíssimo, já pediu ajuda pro saxofone hahaha. Blind animadíssima, com uma energia ótima! Adorei!

Erik: Gente, eu AMO essas audições diferentonas, tudo pra mim! Ele começou com uma energia maravilhosa, depois mostrou o gingado e quando começou a tocar eu já tava querendo dançar junto! Apesar de vocalmente não ser lá tudo isso, ele é um artista extremamente talentoso e sabe como manter o público atento e aproveitando a performance. ARTISTA DE VERDADE!

Lindo: Que alegria é essa? Eu amei esse Reggaeton e a ginga do Nelson, que estilo minha gente? Ele conquistou a todos só naquela gingada tocando o saxofone e colocou todos seus amigos/família para dançar hahaha. Essa é a magia da música neh? Um ritmo mais gingado e a alegria do povo disperta haha, no quersito vocal Neslon ficou devendo em muito, mas no quersito performance bateu todos os outros concorrentes da noite. Esse HOMEM fez Anouk rir minha gente, vocês tem ideia desse feito?

[Eliminada] Roos Klaassen – “Fix You” by Coldplay

Tati: Vocalmente muito segura, né, minha gent? Roos conhece muito bem a sua voz e sabe usá-la da melhor maneira possiível. Mas eu não se viraria, pois não consegui me conectar com ela, sabe? Uma blind muito correta, mas acho que ela ficou devendo algo. Talvez emoção, não sei. Só sei que alguma coisa não casou muito bem aqui. Mas Roos é uma grande cantora, com uma performance melhor, ela viraria cadeiras tranquilamente.

Erik: Meu deus, pq ninguém virou pra esse anjo? Beleza que não ficou lá tudo isso nem muito “harmonioso”, mas a voz dela é icônica e eu acho que ela merecia muito uma cadeira. Engraçado que esse povo não vira pra quem merece mas vira pra uns candidatos nada a ver, ódio!!

Lindo: Uma das letras mais lindas que já foram escritas nesse mundo e vimos Roos fazendo uma versão mais clássica da song e mostrando seu poder vocal no palco, mas no final senti que faltou o elemento mais essencial que essa música pede: emoção. A voz da Roos é grandiosa, é linda e acho que ela poderia cantar qualquer coisa nesse palco, mas para essa canção faltou emoção. Entretanto pesando tudo, ela merecia ao menos uma cadeirinha virando para ela. .

[Team Waylon] Stef Classens – “Someone You Loved” by Lewis Capaldi

Tati: Quando olhei pra ela já pensei: ihhh, deve ser esses boys padrão que ganham mais pela beleza do que por qualquer outra coisa. Mas Stef tem uma voz muito bonita e interpretou esse hino de música direitinho. Sei não, viu? Acho que ele chega longe, pois já vi comentários bastante positivos sobre ele. Enfim, foi uma boa blind e curiosa por suas próximas performances.

Erik: EU AMO ESSA MÚSICA, CARALHOOOO! Gente, não dá, toda vez que alguém cantar essa música em reality tem 90% de chance de eu amar e aplaudir. O moço fez o básico, conseguiu segurar a marimba da canção e justamente por isso eu amei porque a música é PERFEITA. TUDO PRA MIM!

Lindo: A gente ve um macho lindo desse e já fica úmida e joga a calcinha no palco neh? MARAVILHOSO ele e a voz é bonita também. kkkkk Stef fez uma boa interpretação e entregou bons vocais também e acho, só acho que ele vai ser um dos artistas no TOP 3 do Waylon, é um dos acts masculinos mais promissores até aqui.

[Team Anouk] Vivecka – “All I Want” by Kodaline

Tati: Vivecka, é daquelas artistas que amo forte! Super diferenciada e isso percebi desde que ela pisou no palco! Uma interpretação muito emocional, com um rasgadinho na voz que me deixou apaixonada. Vivecka me ganhou por ter se conectado com o que estava cantando e entregando uma versão que diz muito sobre ela. Um arraso!

Erik: AAAAAAAAAAAAAAAAA SIMPLESMENTE LENDÁRIA! VOU COMENTAR EM CAPS PRA DEIXAR CLARO A MINHA EMOÇÃO: MINHA AUDIÇÃO FAVORITA DA SEASON ATÉ AGORA. VOZ PERFEITA, MÚSICA PERFEITA, AUDIÇÃO PERFEITA. SIMPLESMENTE TUDOO

Lindo: MEU DEUS, meu INDIE está vivissimoooooooo! Vivecka pegou esse hino do Kodaline e criou diversos momentos ímpares para destacar sua voz, colocar uma extensão em algumas notas e mostrar a beleza da leve rouquidão presente em sua voz, é uma das minhas favoritas já e meu medo é por conta desse #TeamAnouk ser um verdadeiro live shows por si só.

*** Considerações finais ***

Encerrando com chave de ouro, já podemos esperar o quinto episódio, minha gente! Esse quarto dia de blinds foi excelente, o melhor, ao meu ver. Sobre os times: vejo gente talentosa em todos, mas Anouk pra mim está arrasando nssa temporada. É isso!

#TeamAliB

Dasilvian Bruce, Stan van Hoof, Jeremy Garcia, Elroy & Rubenia, Kes, Mitch Crown, Ravenna-Jade Caupain, Dalo e Nelson Braveheart.

#TeamAnouk

Hiske Bongaarts, Ziggy Krassenberg, Sophia Kruithof, Meike Ubbink, Fleur Raateland, Sanne Huisman e Vivecka.

#TeamLil

Anne Wilson, Aymar Torres, Evelyn van den Elsen, Charine Eyny, Lady Shaynah, Esmée Smit, Céline Dib, Marlane e April.

#TeamWaylon

Emma Boertien, Daredevils, Maaike de Groot, Robin Buijs, Kirsten Fennis, Lars Koehoor, Hans Hannemann, Marlon Pichel, Pyro e Stef Classens.

Por hoje é só! Até a próxima!

gostou da matéria? deixe um comentário!

Tatiane Silva

Sou uma Social Media e Community Manager que ama tanto o que faz, que acaba fazendo isso quase que o tempo todo. Eu moro na internet, por isso acrescento doses diárias de cultura inútil e memes que é pra eu não me entendiar. Amo realities musicais, gasto horas em grupos de discussão e sou viciada em coisas que me fazem dar boas risadas e esquecer da minha conta bancária negativada.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries