Panela de Séries » Arquivos The Voice US - S13E19 - Live Top 12 Eliminations - Panela de Séries

Posts Populares

The Voice US – S13E19 – Live Top 12 Eliminations

O primeiro tombo da temporada foi anunciado!

Depois de um Live Top 12 meio aquém do esperado, hoje estamos aqui pra colher os frutos docinhos e podres desse cast! Como de praxe, hoje tivemos 1 eliminação, em ordem de formar o nosso Top 11 e nos deixar com os melhores dos melhores (será mesmo? rs). Se você ainda não assistiu as apresentações de ontem, corre e vem conferir na nossa review aqui.

Antes de colocar a mão na massa de fato, vamos dar uma breve olhadinha nas posições dos artistas no top do iTunes, que já nem é mais um bom indicador de nada, mas só pra manter o costume a gente finge se importar, haha. O principal destaque da noite acabou sendo a nossa pequenina Addison Agen (#TeamAdam), a única a conseguir um Top 10 e ter seus votos multiplicados por 5, na posição #9. Logo após tivemos destaques para Chloe Kohanski (#TeamBlake) em #17 e Janice Freeman (#TeamMiley) em #22. O principal destaque do #TeamJHud ficou na conta de Noah Mac em #41. No mais, todos os acts foram razoáveis, menos Shi’Ann, que parece não ter uma boa relação com os charts. Confira a lista completa:

De cara já começamos o programa com Carson nos mandando sentar confortavelmente, pois os salvamentos já iriam começar! Como sempre, ele conversou com os artistas antes, e então partiu para anunciar os 3 primeiros queridinhos da América (vale lembrar que a ordem de salvamento é aleatória, ela não segue o princípio do número de votos):

(#TeamAdam) Addison Agen

(#TeamJHud) Noah Mac

(#TeamBlake) Chloe Kohanski

Em seguida, a diva maravilhosa da Jennifer Hudson nos abençoou com uma apresentação muito linda do clássico dos The Beatles, “Let It Be”. Vem ver esse lacre aqui, óh:

Sem muito tempo pra papinho, Carson volta a anunciar mais dois artistas salvos e com vagas garantidas para o Top 11. Se liga:

(#TeamMiley) Brooke Simpson

(#TeamBlake) Keisha Renee

Voltamos de comercial direito para a performance da banda do coach Adam Levine. O Maroon 5 sobe ao palco do The Voice para apresentar sua hit song “What Lovers Do”, lead single do recém lançado álbum “Red Pill Blues”, e foi sem a presença da SZA mesmo. E tinha uns efeitos bem legais no palco, achei tendência, HAHA.

(obs: vídeo não oficial, pode sofrer strike a qualquer momento)

Logo depois foi exibido o clipe que o Top 12 gravou com as meninas do filme “Pitch Perfect” (“A Escolha Perfeita), e olha que ficou super legal, hein! Foi um mash up das canções “Cups (When I’m Gone)” e “Freedom! ’90” (George Michael). Confira aqui:

Seguindo o baile, Carson Daly anunciou mais dois artistas salvos:

(#TeamJHud) Shi’Ann Jones

(#TeamMiley) Janice Freeman

Daí tivemos que assistir a performance de grupo da música “If It Will, It Will” (Hank Williams Jr.) do Blake Shelton com seus pupilos. Isso mesmo, Chloe Kohanski foi jogada no country e se for esperta, semana que vem já aproveita o hype pra hitar e conseguir seu posto de favorita da competição, porque a loirinha agora já conta com a forcinha especial do #BlakeArmy! Veja a performance:

Por fim, Carson vem anunciar os últimos 3 artistas salvos e os 2 condenados a disputar o Instant Save. E os salvos foram:

(#TeamJHud) Davon Fleming)

(#TeamMiley) Ashland Craft

(#TeamBlake) Red Marlow

Sendo assim, o bottom 2 do Top 12 é formado com 2 artistas do #TeamAdam: Addam Cunningham e Jon Mero. Nada mais justo em ver o Adam C aí, afinal de contas ele entregou a pior performance desse Top 12. Mas o Jon realmente me soou injusto, porém ficou mais do que provado que nem toda a dedicação do mundo conseguiria reverter o impacto daquele combo nos KOs, que nem o pedaço de 30segs foi upado no YouTube, somente no domingo que tiveram a cara de pau de postar no Facebook (tsc tsc).

Mas it is what it is, e partimos para as performances. Por ordem alfabética, já que os dois são da mesma equipe, Adam Cunningham faz as honras:

(#TeamAdam) Adam Cunningham – “Fortunate Son” by Creedence Clearwater Revival

Se tivesse feito isso aqui ontem, duvido que se encontraria nessa situação hoje. Uma boa performance, firme e confiante… Mostrando que o cowboy do rock do Adam Levine queria realmente permanecer na competição.

Seguindo a diante, Jon Mero performa por sua permanência:

(#TeamAdam) Jon Mero – “I Want You Back” by Jackson 5

Talvez a escolha errada pra uma performance de Instant Save, já que é uma música dançante e performática. Infelizmente, as pessoas não parecem terem comprado esse lado do Jon, logo não é um bom sinal. Eu gostei, mas conheço a América bem demais pra prever seus passos.

E com 56% vs 44% dos votos, a América decidiu salvar Adam Cunnigham. Não tenho muito o que falar sobre, ele fez a melhor performance do Instant Save e é isso aí. Na minha opinião, Jon Mero não merecia jamais acabar nesse bottom, mas uma sabotagem bem feita é uma sabotagem bem feita, né monamour. Confere o anúncio aí:

Então é isso, gente! Quem gostou bate palma, quem não gostou paciência, né non? Eu tô bem acostumada a levar tombos já, então confesso que nem estou muito abalada, só desestimulada mesmo.

Essa já estava programa pra ser minha única review da temporada, e olha a boa sorte (sqn) que eu trouxe pra um dos meus favoritos, haha. Nas próximas semanas vocês seguirão com a companhia das maravilhosas Thaís e Tati, elas não são zicadas e não vão eliminar seus próprios favoritos, acreditem! Sigam firme que temos muitos tombos pra levar juntos ainda! 😉

gostou da matéria? deixe um comentário!

Luana Medeiros

Imagine só que um dia me foi perguntado quem eu era, e juro, até hoje não sei responder. Mas os fatos são: tenho 21 anos; sou de escorpião; amo meu cachorro e meu gato mais que tudo; estudo Rádio/TV/Internet, ouço Maroon 5; piro no Adam Levine; consigo colocar os pés atrás da cabeça; e - contraditoriamente - por fim, nasci de 7 meses.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu