Posts Populares

The Voice UK Kids – S03E04 – Blind Auditions 04

Passou tão rapidinho, né?

Quem diria que as audições passariam voando desse jeito? Enquanto na versão adulta as blinds demoram uma eternidade, aqui a coisa é totalmente diferente. Com quatro técnicos e uma dinâmica diferente das temporadas anteriores, o The Voice UK Kids prometia muito mais. Mas confesso que ficou devendo. O nível não tá alto que nem nas antecessoras, embora esteja gostoso de assistir. Jessie J vem suprindo muito bem o papel lhes dado e eu não poderia ficar mais feliz com isso. Vumbora ver como os times se completam? Para me ajudar nos comentários das performances, apresento-lhes nosso paneleiro Lindomar and nosso leitor, Pedro. Lets?

Raphael Higgins-Humes – “You Can’t Stop the Beat” by Hairspray #TeamWill

Lucas Salles: Já dá até pra sentir o cheirinho do quanto Will vai arrasar com esse menino, hein? Que verdadeiro showman! O kids deu um banho de performance, pecou um pouco na voz, o que é normal, mas num geral arrasou muito. E ainda digo mais, ele me lembrou Michael Jackson quando criança. Raphael é uma grande promessa do #TeamWill e eu ficarei bem atento a suas próximas apresentações.

Lindomar: Apenas um ícone mírin cheio de presença de palco, atitude e desenvoltura! O que foram os passos de dança? Raphael é cheio de musicalidade, alma e carisma e junto desse maravilhoso ainda tem uma voz caracterísitca de criança e com capacidade de explosão, eu simplesmente AMEI.

Pedro: Adorei a escolha musical, confesso ter ficado preocupado se ele ia ficar mais focado em dança do que nos vocais como alguns outros Kids, mas felizmente ao meu ver ele soube dosar bem, apesar de novinho ele sabe usar a voz que tem e conseguiu animar a platéia ainda.

Connie Emery – “I Turn to You” by Christina Aguilera #TeamJessie

Lucas Salles: Eita que HINO, Connie. Embora todo o nervosismo apresentado, a girl segurou a marimba, cresceu junto com a canção e entregou uma boa apresentação. Ela é cheia de potencial e acredito que Jessie venha extrair o melhor da menina, hein?

Lindomar: Um dos HINOS de Christina Aguilera e Connie fez jus a esse musicãoooo, ela se portou como uma grande cantora, levando cada nota onde precisava ir, mostrando emoção até certa medida devido ao nervossismo e a pouca idade, enfim, uma ótima audiçãooo, uma das surpresas até aqui.

Pedro: QUE ICONE! Connie tem uma voz bem encorpada e tem uma voz de cabeça muito brilhante, essa musica exige concentração e apesar de ter pecado um pouco na conexão, não acho que isso deva ser tão cobrado de uma kid, afinal um bom material vocal ela tem sim senhor e já quero ouvi-la cantando mais divas.

Jovani – “Love Yourself” by Justin Bieber #Eliminado

Lucas Salles: Eike que coisa fraquinha. O Jovani tinha tudo para se arriscar em outra vibe, canção, postura, mas caiu na mesmisse de vários que vemos e ouvimos por aí. O que é uma pena. Quem sabe ele não volta melhor numa season seguinte….

Lindomar: O pobre não teve muitas chances neh, poucas vagas no time e uma escolha musical errada pode te deixar fora do programa. Jovani teve uma boa desenvoltura no palco e até apresentou bons vocais, mas a performance soou linear e e seu timbre soou meio comum, enfim eu acho que na situação atual não viraria para ele também.

Pedro: Eu não achei ruim, mas do refrão em frente ficou bem linear. Jovani tem uma bela voz e gostei dos melismas no começo mas eu tava esperando uma surra de high notes pra compensar no refrão mas nenhuma veio, o que deixou a apresentação bem aquém. Uma pena.

Joslyn Plant – “Run” by Snow Patrol #TeamDanny

Lucas Salles: Olha essa voooooz! Joslyn foi perfeita demais! Meu Deus como eu amei isso aqui!  Quanta segurança em cena, quanta propriedade… A girl parecia estar executando uma canção sua! Ela tem a minha torcida todinha, viu? Arrasa com essa menina, Danny! Nunca te pedi nada!

Lindomar: Danny apenas espero que essa menina seja uma de suas finalistas porque estou apenas APAIXONADO nessa voz! Josley fez uma das audições mais empolgantes, cheia de emoção e crescimento até aqui, a escolha de repertório foi perfeita e ela conseguiu crescer de forma gradual e fez jus as cadeiras de Danny e Pixie, a surpresa foi ela seguir com Danny e me deixou muito feliz.

Pedro: Mais uma favorita pra minha lista, Joslyn entrou muito bem na musica, mostrando uma voz de peito muito bem colocada, melismas bonitos e mesmo timida, passou conexão e uns floreios indo pro falsete que caíram de forma grandiosa ao meu ver, é uma grande aquisição pro Danny fofinho se ele souber faze-la evoluir nas notas mais altas.

Holly Taylor-Tuck & Emily Linge – “Someone Out There” by Rae Morris #TeamPixie

Lucas Salles: Essas meninas tem muito o que evoluir. Aqui é simples, separadas elas não tem tanto poder, mas juntas… podem conquistar muita coisa! Que harmonia deliciosa e que coisa boa ver Pixie sob posse desse anjinhos lindos.

Lindomar: As harmonias acabaram sendo o grande destaque aqui, as duas garotas tem lindas vozes mas acho que a combinação das duas vozes igualmente doces algo complicado e que pode ser problemático a elas no futuro, mas foi uma boa audição apesar da linearidade da música escolhida.

Pedro: Finalmente uma dupla cujas harmonias se encaixam e formam algo belíssimo, algo que as outras duplam pecaram um pouco. Holly e Em tem vozes doces e distintas uma da outra mas fazem bem o trabalho de completarem seu uníssono, além da belíssima musica que passa bem o espirito do programa, considero a melhor dupla até aqui.

Harry Hatcher – “Who You Are” by Jessie J #TeamJessie

Lucas Salles: Cantar ‘Who You Are’ não é nada fácil e ainda mais para a própria Jessie J. A audição teve inúmeros erros, mas o boy provou que possui muito artíficio bom e que pode vir a render muito durante a competição. Que delícia a JJ virando para ele toda segura. Isso torna tudo ainda mais grandioso para o act.

Lindomar: Harry provou que Jessica Jota não tem um coração de gelo e que ela não resiste a audição de uma criança com suas músicas hahaha. Harry chegou meio tímido e meio calmo no palco e eu estava gostando muito até o refrão, no refrão sua voz mais cheia veio para fora e alguma coisa me incomodou demais ali, e nem acho que seja técnico, está mais relacionado com o timbre dele, uma audição que me despertou sentimentos mútuos.

Pedro: Muita coragem arriscar uma musica de um coach, e uma pesada já que exige tanto vocais fortes quanto conexão… contudo, entretanto, eu não curti tanto assim pois a voz dele parecia abafada demais em alguns momentos pela banda e somente nos refrões dava-se pra ver melhor o brilho dela. Jessie viu algo nele e espero um ótimo trabalho entre eles.

T’mya Fyffe – “I Will Always Love You” by Whitney Houston #TeamWill

Lucas Salles: Primeiramente prestem atenção no nome desta menina! Achei sensacionaaaaal! Assim como a sua audição. Que coisa classuda. Não possuo propriedade alguma para falar de música clássica, mas música é algo que basta sentir, né? T’mya me tocou. O que é ótimo.

Lindomar: Cantoras líricas indo ao #TeamWill? Sem surpresas porque é um dos genêros que ele mais AMA trabalhar e T’mya mostrou uma bela desenvoltura com sua releitura do clássico de Whitney. Uma boa audição até apesar de não gostar nem um pouco do canto lírico.

Pedro: CHOCADO ESTOU com essa mini princesa vindo de uma versão lirica de um clássico desses. Já no primeiro refrão dava pra sentir o poder de sua voz lírica, além de arriscar tudo numa langui diferente mas que já é marca registrada nesse Kids britânico, e com certeza é a praia do Will que já trabalhou líricos antes.

Jack Martin – “Please Don’t Say You Love Me” by Gabrielle Aplin #Eliminado

Lucas Salles: Bichinho. Fiquei com pena por ver o Jack eliminado. Ele tinha MUITO espaço no time do Danny. Acho que o afunilamento da competição o atrapalhou. O que é triste. Ele mandou bem na medida do possível.

Lindomar: Só de escolher Gabrielle Aplin ele já merecia as cadeiras tudo virando, mas Jack acabou sendo prejudicado pelo nervossismo e pelas poucas vagas em disputa, ele acabou fazendo uma audição muito comum e sem destaques.

Pedro: Jack tem uma voz bonita e provavelmente potente mas devido ao nervosismo, essa potencia não saía com precisão principalmente no refrão, deixando parecer que tava abaixo do tom o tempo todo e logo, meio morno demais o tempo todo. Quem sabe com outra musica não se saísse melhor na próxima.

Pheobie Lola – “Feels Like Home” by Chantal Kreviazuk #TeamJessie

Lucas Salles: Curti isso aqui, hein? O timbre da Pheobie é lindo. Sua voz é limpa, clara, e deliciosa de se escutar. Adorei como ela executou a canção – que eu nunca tinha escutado, diga-se de passagem – enfim, achei uma riqueza termos essa linda aprovada. Valeu, Jessie.

Lindomar: Até que curti o trabalho da Pheobie no palco, mas senti que ela estava muito focado em não errar nada ali e acabou que a performance soou um pouco linear e sem fogo, mas no final aquelas notas e aquela nota com falsetes e melismas apenas me convenceu que ela era ótima e que merecia uma cadeira e Jessie deu o prêmio final a ela.

Pedro: Adoro essas cantoras powerful desse programa, Pheo mostrou entender das técnicas que sua voz pode fazer, arriscou em falsetes e em pequenos melismas em partes mais carregadas que caíram muito muito bem, com certeza nas battles pode brilhar ainda mais.

Lucy Simmonds – “Memory” by Barbra Streisand #TeamPixie

Lucas Salles: Mais uma lírica. A diferença aqui é que a princesa Lucy me arrepiou todinho. Que coisa LINDA! Quanta conexão e emoção apresentada por essa menina. Sem contar que provou ser magnânima crescendo com durante toda a canção. Tomara que ela mantenha esse nivel. Se isso acontecer, podemos vê-la chegando bem longe na competição.

Lindomar: Fadinha lírica com um canto tão maravilhoso, poderoso e capaz de encher uma sala, que grata surpresa foi a Lucy! Apenas AMEI essa audição cheia de malabarismos vocais e emoção, uma das mais completas até aqui.

Pedro: Que linda a menina Lucy e que musicão ela trouxe, mesmo com a voz levemente tremula em alguns poucos segundos eu adorei a versão dela, me sentia ouvindo de um musical, ela trouxe uma conexão e um peso vocal que eu fiquei de cara em vários momentos.

Jamie Cushion – “I Need” by Maverick Sabre #TeamWill

Lucas Salles: Eu fiquei encantado com o jeitão despojado do Jamie. Sua vibe foi deliciosa e a canção escolhida poderia se encaixar perfeitamente na minha playlist – o qeu certamente acontecerá. Tomara que o boy seja uma grata surpresa no decorrer do show.

Lindomar: Não conhecia a song e Jamie me surpreendeu com a energia que ele colcou nisso aqui, foi uma otima performance para ser sincero e uma das gratas surpresas. Jamie precisa tomar apenas cuidado com a forma que ele finaliza as notas que podem soar a little bit irritantes.

Pedro: Eu adoro essa musica, Jamie tem uma bela voz e soube passear nos melismas e sua voz nasal caiu bem no refrão, na parte do “i need”, mesmo em alguns segundos parecendo o tom errado pra ele, eu gostei bastante do que ele apresentou.

Freddie – “Drag Me Down” by One Direction #Eliminado

Lucas Salles: Outro que seguiu na mesmice. Faltou muita personalidade no Freddie. A música escolhida também não o favoreceu em nadinha. Faltou ar, nervosismo tomou conta do kid e muita coisa saiu como não deveria. Uma pena.

Lindomar: HINO DE SONG mas faltou ele escolher algo menos poderoso e grandioso do ponto de vista de trabalho vocal, acabou que Freddie não fara nada nos pisos e nada mais aparenemente.

Pedro: Freddie foi o mesmo caso do Jovani, a voz dele parecia bem pra dentro em alguns momentos e sem contar a desafinada nos refrões aonde tentava encaixar uma nota mais aguda ela saía meio sem controle, provavelmente pelo nervosismo, eu não viraria mas não foi de todo mal.

Martha Moxon – “How Will I Know” by Whitney Houston #TeamDanny

Lucas Salles: Outra que ganhou lugar cativo no meu coraçaumzão. Tão pequena e tão gigante ao mesmo tempo. Martha é uma candidata bastante promissora e espero que a mesma cresça no decorrer da competição. Potencial ela tem, viu?

Lindomar: Danny que TIME é esse meu filho? Apenas apaixonado por todos eles! Martha convenceu Danny sobre virar a cadeira nas primeiras notas e não posso dizer que não fiquei feliz afinal a garota mereceu demais essa vaga, ótima audição e atento pras próximas fases.

Pedro: Fiquei surpreso com o vozeirão que saiu da pequena, mesmo ela escorregando de leve em alguns momentos, talvez pelo nervosismo, ela mostrou muitas camadas interessantes dentro da canção e foi hipnotizante de ver e ouvir algumas delas, no geral fiquei muito surpreso e já é mais uma favorita minha.

…… TIMES……

Team Danny: Conor Marcus, Danny Corbo, Ivy Pratt, Joslyn Plant*, Martha Moxon*, Mykee-D Worman, Ryan Lofthouse, Sam Wilkinson e Wren Snaith.

Danny construiu um time cheio de solidez e maturidade para o decorrer da competição. Aqui temos vozes poderosas que se foram bem trabalhadas, podem se tornar o (a) grande campeão. O destaque aqui fica por conta da Ivy <3.

Team Jessie J: Adi Nair, Aiysha Russell, Amaree Ali, Charley Jones, Connie Emery*, Harry Hatcher*, Jazzy Bolton, Keira Laver e Pheobie Lola*.

O Team JJ é o que mais me chama atenção. Embora estar equiparado vocalmente com todos os outros, Jessie possui as vozes que me agradam mais. Acredito que Keira, Amaree e Charley sejam os destaques daqui.

Team Pixie: Aimee Bryceland, Caillin Joe, Chloe Dring, Colin Justin, Gracie-Jayne Fitzgerald, Holly Taylor-Tuck & Emily Linge*, Liam Price, Lucy Simmonds* e Sweet Harmony

Pixie tem um time tão fofo quanto ela. Com vozes que podem surpreender, a técnica se trabalhar bem pode levar o tri com um dos seus acts. Liam com toda a certeza é o frontrunner do team.

Team Will: Alfie King & Ava, David Adderley & Ammani Bengo, Jamie Cushion*, Lil Shan Shan, Mackenzie Richards, Peyton Chu, Raphael Higgins-Humes*, Rosa O’Reilly e T’mya Fyffe*.

Como Will é uma caixinha de surpresas e suas elaboradas battles podem vir a ser entretenimento puro. O que é ótimo. Lil Shan Shan, Raphael e David & Ammani são os destaques do time.

* são os artistas desse episódio

Considerações finais

Com times equilibrados e cheios de promessas as audições do Kids Uk chegaram ao fim. E a nossa review termina por aqui. Agora queremos saber você: o que acharam das blinds? Qual time já desponta com pinta de campeão? Nos conte tudo nos comentários! Até a próxima!

 

gostou da matéria? deixe um comentário!

Lucas Salles

Um baiano que é capricórniano, aspirante a jornalista, que ama festas, viagens assistir a sériados, ver uma boa treta e realitys shows! Ah, eu sou tirado a figura pública também, viu? Vão no instagram, busquem por @eulucassalles e vem seguir o paneleiro mais sã que já existiu, sqn!

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries