Posts Populares

The Voice UK – S04E12/13 – The Live QuarterFinals / Results

E finalmente chegamos aos lives shows no The Voice UK.

Nas últimas reviews reclamei um pouco sobre o formato engessado do UK que leva 7 semanas para mostrar as blinds e o resto do show é mostrado em apenas 6 semanas (Battle, Knockouts e Lives), enfim, para tentar mudar isso um pouco, a produção do show mudou um pouco o formato, os três artistas de cada time se apresentam e o coach utiliza o “Fast Pass” e passa um de seus pupilos para os lives os outros dois restantes disputam com todos os restantes dos outros times as quatro vagas para as semi finais pelo voto do público, sem necessitar ser do mesmo time. Sendo assim podemos ter uma final com três artistas do mesmo time e mais um de outra equipe, por exemplo. Apesar dessa mudança gosto mais do formato de live shows do The Voice US, que dura mais e o público leva desde o top 12 os seus favoritos, mas questões de audiência e custo levam a BBC One a levar dessa forma, pelo que dizem.

A primeira noite de live shows foi as “Quartas-de-Finais”, onde o nível se elevou e eu fui surpreendido por dois artistas que até então eu não dava nada: Sasha e Vikesh. Enfim, vou logo aos comentários e seguirei a ordem de exibição do show (que sinceramente eu discordo, acredito que os times deveriam se apresentar alternando entre candidatos, para ser mais justo, é óbvio que os últimos a se apresentar levam uma vantagem sobre quem começou a noite).

Team Ricky

Autumn Sharif – “Hold Back The River” by James Bay

Autumn tinha prometido em comentários de sua performance anterior que voltaria para arrasar, e abrindo a noite ela teria que fazer isso para permanecer no show. E sinceramente eu esperava mais de Autumn, esperava ver aquela garota das blinds e battles que pisou, a música não ajudou pois não explorou o alcance dela, a performance ficou bem morta e esquecível e para uma fase eliminatória é o mesmo que pedir para sair, além do problema da song choice, Autumn apresentou vocais trêmulos no início e em certos momentos ela pareceu gritar em certos momentos quando tentava subir as notas. Achei a performance mais próxima do que ela apresentou nos nocautes, séria algo como não foi ruim, mas não foi BOM!

Emmanuel Nwamadi – “Another Day In Paradise” by Phil Collins

<iframe width=”570″ height=”320″ src=”https://www.youtube.com/embed/FROcqYMrHvw” frameborder=”0″ allowfullscreen>

E o samba do Team Ricky tinha que começar, Emmanuel veio e mais uma vez esmagou a concorrência com vocais perfeitos, um controle vocal incrível, falsetes espetaculares, e uma sequencia de notas executadas com maestria. Acho que mesmo com tudo isso que falei queria ver Emmanuel arriscando mais, talvez saindo dessa sequencia de performances mais centradas e focadas em vocais, queria ver ele se soltando no palco, porque ele peca em presença de palco e tem um vozeirão sexy e poderoso que pode conquistar ainda mais o público.

Stevie McCrorie – “All Through The Night” by Cindy Lauper

Todos já sabem que sou #TeamStevie, e quando vi a inovação com uma música da Cindy Lauper, já esperei uma performance pisante dele, ele saiu um pouco da sua linha indie-rock onde cantou músicas do Kodaline, U2 e Imagine Dragons e fez algo mais inovador, foi incrível, é lindo ver como a parceria entre ele e Ricky Wilson funciona, é algo que vimos com naturalidade na parceria entre Ricky Wilson e Christina Marie na season passada. Se tem algo que eu mudaria? SIM, tem, melhoraria a parte de cenários dessa performance, apesar de ter sido lindo o jogo de luzes, vimos performances mais cheias de elementos em outros teams, e o Team Ricky pecou nisso hoje. Sobre a performance de Stevie, vocais perfeitos, notas exuberantes, presença de palco, além de ser a pessoa mais simpática e humilde dessa temporada! #TeamStevie

FAST PASS TEAM RICKY: Stevie McCrorie

Ricky tinha uma decisão difícil a ser tomada, ele tinha Stevie pleno favorito de seu team, e do outro lado Emmanuel que vem crescendo em popularidade e Autumn que acumula haters desde a eliminação de Claudia na semana passada. Olhando as performances de hoje, séria INJUSTO não escolher Stevie McCrorie e Ricky não quis arriscar que os britânicos malucos pudessem eliminar o Stevie tão cedo, logo STEVIE MCCRORIE foi para as Semi Finais e o Autumn e Emmanuel forma disputar os votos do público.

Team Tom

Lara Lee – “Got Put A Smile Upon Your Face” by Coldplay

Que o Team Tom sambou nos nocautes isso ficou CLARO, e será que o samba iria continuar nessa primeira noite? SIM! Lara Lee contestada por alguns chegava e precisava impressionar, e com uma escolha musical inteligente, e vocais claros e perfeitos, ela fez uma boa performance, acredito que sua falha no momento do RAP, ela não é uma Brooklyn da vida, mas fez o suficiente, querendo inovar, mas para mim ficou fraco, o final da performance serviu para mostrar o seu controle vocal espetacular, Lara Lee entrou na disputa no Team Tom!

Howard Rose – “Ready My Mind” by The Killers

Tom mais uma vez reclamando da desenvoltura de Howard no palco, sério, eu não entendo? Que tipo de cantor Tom Jones foi? Quantas estrelas de Rock como Freddie Mercury não eram tão espontâneas e dominavam o palco, Tom quer tirar justo o ponto mais forte de Howard. E apesar de tirar a principal arma de Howard, vimos mais uma bela apresentação desse jovem cantor, mais focada na emoção e vimos com mais clareza seus belos vocais e seu timbre gostoso, ele foi por um caminho mais tímido e fez uma performance tão linda, espero que Howard continue no show, ele é um dos meus favoritos desde o início.

Sasha Simone – “Sail” by Awolnation

<iframe width=”570″ height=”320″ src=”https://www.youtube.com/embed/PjpmVcDgttM” frameborder=”0″ allowfullscreen>

Todos sabem que reclamo de Sasha desde as batalhas, quando ele começou a jogar utilizando o choro, mas tenho que reconhecer a evolução dela das batalhas até aqui, ela fez um ótimo nocaute e hoje ele foi a melhor do #TeamTom que veio muito bem novamente. Com vocais claros e exuberantes, um cenário que tinha tudo haver, um controle vocal espetacular e um alcance quando ela falava “SAILLLL” de arrepiar, ela para mim derrubou todos os anteriores e fez justiça a Tom Jones ter trago ela até aqui. Mas ainda não foi minha performance favorita de Sail, vejam a performance de Kat Robichaud no The Voice US, é mais impactante, principalmente falando de presença de palco, que ainda falta um pouco para Sasha. Mas os VOCAIS hoje me impressionaram!

FAST PASS TEAM TOM: Sasha Simone

Com uma decisão meio óbvia, Tom Jones levou sua favorita e jogou seus dois outros candidatos para o resto do público decidir. Sasha vem apresentando uma grande evolução, e sinceramente hoje, já vejo possibilidades de ela chegar a final.

Team Rita

Karis Thomas – “Riptide” by Vance Joy

Sério RITA ORA? “Riptide” tirou a liberdade de trabalho de Karis, deixou ela em uma performance linear sem que ela pode-se destacar seus vocais deliciosos, foi algo bem linear, não foi RUIM, mas foi sem impacto, sem graça, sem sal, e sei que Karis pode mostrar muito mais!

Clark Carmody – “No Diggity/Ain’t No Sunshine” by Backstreet/

Sabe o que falei de Sasha em evolução, Clark é o contrário, ele anda para trás, sempre piorando, os nervos vem consumindo suas performances, o que vimos hoje foi a performance mais sem graça, mais sem sal, mais sem TUDO dos lives! Foi RUIM CLARK! Rita Ora como vc eliminou Lily e DTwinz para ISSO?? ME EXPLIQUEEE!

Joe Woolford – “Don’t Wake Me Up” by Chris Brown

Joe é um bom cantor, jovem e tem uma voz boa, porém é só isso, não tem nada que o destaque, é quando temos cantores assim, eles precisam de criatividade, espontaneidade, um algo mais para se destacar e Joe infelizmente não tem isso na minha opinião. Porém, hoje ele fez a melhor performance do Team Rita, com seus bom vocais se destacando, e uma boa execução ele conseguiu sem muito esforço ser o MELHOR do Team Rita, porém cadê presença de palco de verdade, ele tá bem travado ainda, e Rita podia ajudar ele mais nesse aspecto! Ele podia ter ido mais ao público, cantar para as jovens ali presentes, enfim Team Rita é FLOP!

FAST PASS: Karis Thomas

Rita foi esperta e manteve sua melhor cantora dos lives, jogou o já eliminado Clark e Joe que tem um apelo entre jovens e pode conseguir uma boa quantidade de votos e avançar.

Team Will

Sheena McHugh – “Glow/Princess of China” (Ella Henderson/Coldplay feat.Rihanna)

Sheena foi espetacular mais uma vez, é a mulher que diria que está mais próxima do título, os nocautes serviram para ela com uma plataforma, onde ela elevou sua popularidade, hoje, vimos mais uma bela performance em um belo mash-up e um cenário extravagante,  adorei os momentos em que ela alternava entre o suave e o forte, seus gritos são LINDOS, podem falar  que ela grita, mas são GRITOS PERFEITOS! Hahaha, Sheena é PODEROSA, DERRUBADORA DE FORNINHAS! #SheenaSoberana hahaha

Lucy O’Byrne – “When You Wish Upon a Star” by  Pinochio

E Lucy continua abrindo caminhos para os cantores líricos, os cenários e roupa de Lucy se remetiam a aqueles filmes de princesas da Disney, me senti em uma performance de musical, seus vocais estavam mais impressionantes e exuberantes do que nunca. Sei que Lucy já participou do The Voice Irlanda, e gostaria de ver esse outro lado do Pop, quem sabe ela ainda não mostre até o fim do show, mas por enquanto nossa Cinderela continua espetacular.

Vikesh Campanery – “Get The Party Started” by P!nk

Will fez Vikesh se soltar e ser o inverso do que ele foi na batalha contra Letitia, ele mostrou sua voz estranha em uma performance solta, divertida e irreverente, e hoje tenho que parabenizar totalmente Will por ter levado Vikesh para esse outro lado, a performance funcionou e me fez gostar dele pela primeira vez de verdade!

FAST PASS: Lucy O’Byrne

Não dar o fast pass para Sheena é uma injustiça, mas Will fez seu jogo salvou sua candidata mais impopular do ponto de vista de estilo musical e ainda de quebra testou o que um VIkesh em uma performance bonita, divertidade e cinematográfica poderia mudar a opinião do público, porque Sheena já estaria salva!

RESULTADOS

Após um intervalo de aproximadamente 20-30 minutos chegamos com o episódio de resultados, isso é algo que me incomoda no formato do The Voice UK, como julgar um candidato em votos de 20-30 minutos do público? Não séria mais justo estender essa votação por 1 dia pelo menos? Enfim, vamos logo, antes de anunciar os resultados tivemos uma performance deliciosa de nossos queridos coaches.

Eles performaram “Unbeliavable” by EMF e para mim Tom Jones foi o destaque dessa performance, uma música mais antiga para o senhor de Galês! E tivemos duas performances ‘borings’ do Jermain Jackman, vencedor da última temporada e Olly Murs que participou do The Voice UK!

A primeira candidata salva foi nossa AMADA e PODEROSA Sheena McHugh, depois foi a vez de Emmanuel Nwamadi, mostrando que o público britânico até então está SABENDO VOTAR nessa temporada! Agora minha torcida foi toda voltada para Howard e Autumn, MAS os britânicos resolveram salvar Joe Woolford e o último nome anunciado por Emma foi VIKESH! Com isso nos despedimos de Lara Lee, Howard Rose, Autumn Sharif e Clark Carmody, entre os eliminados senti mesmo por Howard Rose, acredito que ele fez uma boa performance hoje, superior a Joe por exemplo e merecia continuar no show!

Sendo assim o TOP 8 foi formado por:

Sheena McHugh, Lucy O’Byrne, Vikesh Campanery, Joe Woolford, Karis Thomas, Sasha Simone, Emmanuel Nwamadi e Stevie McCrorie.

Se o público agir com JUSTIÇA e vermos boas performances do nosso TOP 8, acredito que a final ideal teria hoje Sasha Simone, Sheena McHugh, Stevie McCrorie e Emmanuel Nwamadi. O que eu acho que vai ocorrer? Stevie McCrorie, Sheena McHugh, Joe Woolford e Emmanuel Nwamadi (ou Vikesh Campanery).

E antes de mais nada peço desculpa pelo atraso da Review, tento ser sempre pontual, mas foi por um bom motivo, foi minha Colação de Grau!! \o/ hahaha, Liberdadeeee da Graduação! hahaha, e já aproveito para avisar que a review das semi finais sai na segunda feira também porque esse blogueiro aqui vai viver a vida um pouquinho fora de casa esse final de semana, mas garanto Review da Final saindo no mesmo DIA queridos leitores! hahaha

Comentem pessoal logo abaixo na review sua opinião sobre nossos Oito finalistas, sobre as eliminações e escolhas de nossos coaches! hahaha

gostou da matéria? deixe um comentário!

Lindomar Albuquerque

A indie/gótica do @PanelaDeSéries! Paulista, canceriano, 27 anos de dores na coluna, faço Doutorado em Biotecnologia e vivendo pelo mundo. Me chama para beber @ e vamos falar de série, falar de Imagine Dragons e Lana Del Rey, falar de signos, falar de ciência e xingar os fascistas.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries