Venham conferir o vencedor do The Voice UK 2016!

E assim se encerra mais uma temporada do The Voice UK. Eu particularmente, gostei muito da temporada e apesar do descaso da BBC com o reality, a temporada foi muito boa por conta da bancada que tava excelente esse ano e diversos artistas singulares e fantásticos que tivemos durante a temporada. O Boy George mandou muito bem como coach me surpreendeu principalmente pelo fato de ser sua primeira vez , sua parceria com Cody é digna de uma das melhores relações de coach x act do programa ao lado das parcerias fantásticas de Will & Leah McFall e Ricky & Christina Marie. A Paloma teve um início excelente nas blinds, porém se perdeu um pouco nas battles, mas logo em seguida ela se recuperou e apresentou um excelente trabalho com a Jordan e Heather, que aliás eram super subestimadas e nos lives fizeram excelentes apresentações, tanto que não seria nada injusto uma delas nessa final. O Ricky, o Ricky continuou sendo o Ricky de sempre, que é o melhor elogio que posso fazer por conta dele ser sempre um excelente coach, que aliás pra mim é um dos melhores coaches entre todas as franquias. O ponto negativo da bancada ficou com o Will, que apresentou um trabalho bem despretensioso e meia boca, não sei vocês, mas eu o achei bem desanimado nesse ano, talvez seja por conta do cansaço e por ser talvez a sua última participação. Os  grandes destaques entre os participantes pra mim ficaram entre a Cody, Jolan e Chloe, que evoluíram na competição e nunca deixaram cair o nível de suas apresentações, porém tivemos o ponto negativo que foi a saída repentina da Chloe que pra mim era uma das favoritas e que provavelmente estaria nessa final, uma pena ;(.

vYxcCt6

Bem, sem mais blá blá blá, vamos pra nossa review final dessa temporada. Hoje contaremos com a presença de três comentaristas, a Lu e o Rick que já comentaram aqui outras vezes, vão comentar comigo sobre as perfomances e já o Lindo que junto comigo cobriu essa temporada, irá comentar comigo sobre os resultados.

CfcPGA2WQAAI25_

“I Heard It Through The Grapevine” by Gladys Knight & the Pips

Michel: Jolan fez uma blind maravilhosa e ao longo do reality ele só evoluiu ainda mais. Depois da excelente apresentação da semana passada, aliás uma das melhores da temporada, na final Jolan manteve seu excelente nível. A escolha da musica favoreceu seu timbre mais agressivo e vocalmente foi impecável, como sempre né? Mas na apresentação de palco, Jolan foi ainda melhor, ele tem muita atitude durante suas perfomances e uma conexão incrível com a canção, além de contar um carisma incrível, em resumo o Jolan é um artista completo e super preparado para o mercado musical. Nota: 9,0

Rick: Escolha de música interessante, bem a cara de Jolan mesmo, até porque já que ele está na final, é claro que ele irá cantar algo em seu estilo. Mas vamos aos fatos… Eu esperava mais de Jolan. Sua trajetória no programa foi excelente, mas achei que faltou alguma coisa nessa apresentação. Percebi também que sua voz deu umas pequenas falhadas na hora dos falsetes. Nota: 8,5

Luana: Bem, embora seja um ótimo cantor e artista, eu ainda me sinto incerta sobre qual seria o gênero musical dele. Baseado em sua blind, eu diria que Jolan busca algo que inclina para o soul, meio jazzy mas ainda dentro do pop, algo parecido com o que a Amy Winehouse fazia ou a Paloma Faith faz hoje em dia. Mas daí o Ricky começou a trazer elementos do rock para o Jolan e resultou em “Purple Rain” semana passada e foi um arraso! Daí eu pensei “acho que o Jolan se encontrou no pop/rock”, só pra confirmar minha tolice, hoje o Jolan volta pro soul/jazz, e eu fico perdida novamente. “Heard It” não causou grande impacto (pelo menos pra mim), e ficou atrás de todos os outros 3 finalistas no meu ranking de hoje. Minha sugestão seria ter cantado-a semana passada e guardado “Purple Rain” pra final. Nota: 8,5

CfdPCh1WQAEWKQX

“No One” by Alicia Keys

Michel: Antes de tudo, que perfomance mais bem elaborada né? Nisso o Will acerta bastante, bem falando da perfomance em geral, gostei muito e ainda digo que foi de longe a melhor apresentação dela no programa. Hoje seus vocais soaram pra mim bem mais controlados, foi tudo bem executado, os agudos, o rap, seu visual e sua atitude no palco, foi nota 10 em tudo. Eu gosto da Lydia, apesar que ela nunca esteve entre as minhas favoritas, mas confesso que hoje ele conseguiu me surpreender ainda mais, pois apesar dela ser uma excelente vocalista, ainda não tinha me conquistado totalmente, mas hoje ela se superou. Nota: 10

Rick: Lydia começou no maior estilo flawless, com vocais bem limpos e uma pose bem esbelta. Logo depois quando ela começou com o rap, sua atitude foi mudada completamente, assumindo uma pose bem diva e destemida. Bom, em resumo da história, amei a versão, adorei a confiança de Lydia, e não houve nenhum erro. Nota: 10

Luana: Gente, Lydia arrasou hoje! Eu sempre disse que não sentia conexão com as apresentações da Lydia e sempre faltava algo para me prender, mas surpreendentemente, hoje Lydia foi minha preferida da noite! Tudo nessa apresentação foi brilhante! Desde o cenário e a sacada genial do balanço, passando construção da música até o desempenho vocal de Lydia. A moça soube como escolher perfeitamente seus momentos e a explosão da canção aconteceu no momento certo, sem exageros. A construção da música permitiu que Lydia mostrasse todos seus pontos fortes sem perder nada de sua essência quanto artista, uma apresentação memorável, no momento certo, digna de finalista. Nota: 10

CfijemfXIAEYHUs

“Stay” by Rihanna ft Mikky Ekko

Michel: Kevin é o dono da melhor blind da temporada e já de cara começou como favorito no programa. Porém o Kevin teve um problema bem comum nos realities musicais, conseguir se superar após uma apresentação fantástica e infelizmente pra mim o Kevin falhou nesse quesito, foi bem em todas apresentações, porém pra mim sempre faltava algo. Hoje ele foi muito bem, ao menos vocalmente foi superior que suas últimas perfomances, a música apesar de bem batida, combinou bastante com ele e pra mim foi sua melhor perfomance pós blinds. Nota: 9,0

Rick: Assim como a música de Lydia, Kevin veio com algo extremamente batido nos realitys, mas conseguiu fazer um bom trabalho. Não foi a melhor versão que eu já ouvi, e não foi a melhor apresentação de hoje a meu ver, mas Kevin foi consistente, passou a mensagem da música, além de ter tido a ajuda de um cenário lindo para contribuir com todo o charme de sua apresentação. Nota: 9,0

Luana: Já perdi a conta de quantas versões eu já escutei dessa música, sinceramente. Dito isto, a canção batida é sempre mais complicado de se trabalhar ou criar algo único ou que cause impacto. Kevin tem uma boa técnica vocal e se conecta bem com o que canta, mas poderia ter escolhido melhor sua música para a final. Trabalhando com o que tinha, Kevin entregou uma apresentação bem sólida e composta, dosou emoção e potência, criou bons momentos mas não me envolveu. Kevin chegou nessa final me deixando incomodada pelo fato de ser extremamente superestimado, devido unicamente à sua audição. Hoje ele manteve o nível, mas nunca foi capaz de ir além de sua apresentação de estreia. E isso acaba me deixando com aquele sentimento de que, talvez, se vier a vencer, Kevin não tenha tido uma trajetória digna e seria injusto com acts como Lydia e Jolan, que cresceram muito durante o programa e se superaram a cada semana. Nota: 9,0

CfS-gyBW4AAkxu_

“Mad World” by Tears For Fears

Cody: Cody é uma artista única, daquele tipo que você escuta e logo associa a sua imagem. Ela parece que tem lágrima na voz que sempre dá um tom de  dramaticidade nas suas perfomances, seu estilo musical me lembra a Birdy que é uma das minhas cantoras favoritas. Amo Cody, desde o início, sempre torci muito por ela no programa e hoje a nossa rainha gótica fez bonito e emocional todos com essa versão dessa música maravilhosa, aliás a música super combinou com ela, porém não darei 10 pois sei que a Cody podia fazer mais com essa música, poderia ter mexido mais no arranjo e ter um momento de mais destaque para a apresentação não soar tão linear, mas foi lindamente bem no geral. Nota: 9,5

Rick: Sou fanboy de Cody mesmo, então vou puxar o saco mesmo! Brincadeira, mas é sério… Amo essa menina. Essa escolha foi perfeita, encaixou perfeitamente para Cody (que para quem não sabe, já fez um cover dessa música no canal do youtube dela). Hoje, diferente do lacre overpower de semana passada, ela resolveu desacelerar e se consagrar com uma das músicas mais perfeitas desse mundão. Além disso, sinto todo o peso nas costas de Cody ao vê-la cantando essa música. Ela não foi a melhor nos vocais, talvez a segunda melhor em minha opinião, mas sua emoção foi de longe a mais pura e verdadeira. Nota 10 <3 

Luana: Minha rainha das trevas! “Mad World” me pareceu a songchoice perfeita em uma final para alguém como Cody. Mas, a apresentação acabou sendo um pouco abaixo do que eu esperava, por dois motivos majoritariamente; o primeiro é que senti que faltou o momento da explosão, falha na construção da música para a apresentação mesmo; o segundo foi a falta de dinâmica, embora o cenário fosse lindo, Cody permaneceu imóvel, o que não ajuda na hora de transmitir a mensagem do que se está cantando. Cody já tinha nos mostrado que seus vocais podem ser poderosos e carregados de sentimento e hoje eu esperava mais uma demonstração disso em escala máxima, o que acabou não acontecendo. Enfim, pode até não ter sido a melhor da Cody, mas ainda assim, foi muito boa, o que ao meu ver, valeria uma vaga no Top 2 da temporada facilmente, ainda mais porque acho que em uma finale, deve-se ser avaliado todo o conjunto da obra desde o começo do programa, não somente 1 apresentação isolada. Nota: 9,0

DUETOS

CfTVQuOW4AAdQiu

Boy George & Cody Froster – “Imagine” by John Lennon

Michel: Esperava muito desse dueto, mas muito mesmo e sinceramente ficou bem abaixo do que eu esperava. A Cody e o Boy tem um estilo bem parecido e acredito que a música não combinava com nenhum dos dois, principalmente porque não houve nenhuma mudança significativa no arranjo. Outra crítica é que por que a Cody não teve solo na canção? Pensava que era um dueto, mas isso foi no mínimo uma “participação especial” ou melhor a Cody foi apenas uma backing vocal  pro George, já que ela serviu apenas de voz de apoio pra ele.

Rick: Apesar de Imagine ser uma música maravilhosa, não gostei da escolha para esse dueto. Esperava algo mais gótico e introspectivo para representar o lado diferente desse time. Além disso, Cody fez voz de fundo para Boy, o que me incomodou um pouco. Então…. Não vai dar para defender muito.

Luana: Eu achei que era pra ser um dueto, Sr. Boy George?! Cody foi reduzida a mera coadjuvante, no que deveria ser o seu momento. Cody não chegou nem a receber um verso para si e teve que se contentar com harmonias e segurar a barra nas partes que o George não podia executar as inflexões. Gosto muito do Boy George e num geral, ele sempre teve boas escolhas para a Cody, mas pecou grotescamente na hora de deixá-la brilhar, foi egoísta e bobo.

CfYf4_vWQAEuvCd

Ricky Wilson & Jolan – “Are You Gonna Go My Way” by Lenny Kravitz

Michel: Ao contrário do outro dueto, esse sim a música combinava muito com eles, com uma vibe bem rock’n roll. Tanto o Ricky quanto o Jolan brilharam nesse apresentação, ambos estavam bem conectados com a música e entre si. Apesar de um pequeno deslize vocal do Ricky, no demais a perfomance foi vocalmente excelente, cheia de energia e atitude, tudo o e um pouco mais do que já se esperava dessa dupla maravilhosa.

Rick: Quero começar falando da falha que Ricky deu ali… Nossa que feio em senhor Ricky hahaha. Enfim, de toda forma um bom dueto, boa escolha de música e ótima interação entre act-coach. 

Luana: Eis aqui um DUETO. Para o dueto, Jolan voltou ao rock e mais uma vez foi excelente, né? O que me deixando pensando que ele super deveria considerar esse caminho daqui pra frente, quem sabe. Jolan e Ricky tiveram seus momentos, mas claramente o Ricky deixou o show para o Jolan, assim como deve ser. Após “Purple Rain” e essa apresentação, eu notei que Jolan além de ótimo cantor, é um baita guitarrista e agora só consigo imaginar como ele seria “a menina dos olhos” do Adam Levine, se ele estivesse no The Voice US, haha.

CfjJuokUUAEBeAO

Ricky Wilson & Kevin Simm – “Mr. Brightside” by The Killers

Michel: Ricky resolveu arrebentar hoje duas vezes seguidas né? Já tinha gostado muito do seu primeiro dueto e veio o segundo dueto e eu gostei ainda mais. Como no seu primeiro dueto, o Ricky interagiu muito bem com o Kevin e juntos foram fantásticos, uma perfomance cheia de energia e souberam interagir bem com o público também. Fantástico, #apertandooreplay

Ricky: Essa música <3. Quem diria que Kevin deixaria de ser diva logo em seu dueto (apesar que os trejeitos não conseguem deixa-lo hahaha). Adorei as harmonias, as vozes combinaram muito bem, soando bem melódica para mim. Ps: Ricky pare de me seduzir assim homi! Hahahaha

Luana: Ricky arrasando horrores nos duetos! Sem sombra de dúvidas, esse foi meu dueto preferido e olhe que eu estava decepcionada com Kevin e vim assistir esse dueto pensando “não importa o que ele faça, tô muito desgostosa pra gostar dele hoje”, mas quando uma coisa é boa, ela é boa e não adianta fazer birra, não é?! Esse dueto foi incrível em todos os sentidos possíveis e extremamente divertido, independente de como eu me sinta sobre a superestimação do Kevin, nesse dueto eu não posso reclamar sobre absolutamente nada.

CfdcCt3WsAA58vP

will.i.am & Lydia Lucy – “Boys & Girls” by will.i.am ft Pia Mia

Michel: Esse homem é o gênio do entretenimento kkk, que perfomance mais divertida, legal de assistir. O Will pela segunda vez se não me engano, trouxe um single novo seu, a primeira vez foi com a Leah McFall e sabe de uma coisa, eu nem ligo pra isso, porque a execução das duas foram ótimas e melhor, ele soube dá muito espaço e destaque para sua pupila Lydia brilhar. Foi uma perfomance muito bem elaborada e coreografada, ponto pro Will que hoje conseguiu se redimir um pouco do trabalho pouco satisfatório que ele fez nessa temporada.

Rick: ADOREII!!!!! Hahahahah. Will, o que você tem de chato, você tem de criativo! Lydia igualmente poderosa, logo que aparece já coloca a música em outro patamar. Super descolada a apresentação só posso dizer que realmente eu adorei.

Luana: MAS GENTE, SOCORRO! HAHAHAHAHAHAHAHA. Eu não aguento esse Will! Juro que eu tento muito ter raiva dele, mas ele é um gênio do show bussiness, povo, não dá! Esse dueto foi extremamente completo e brilhante, pra falar a verdade eu nem vi isso como um dueto coach + act, tava mais pra uma apresentação de alguma dupla convidada, porque foi muito sensacional! Um dos meus momentos preferidos da noite! P.S.: Lydia e Will deveriam formar um grupo, já preciso.

CONVIDADOS ESPECIAIS

Os convidados especiais desse final de temporada foram os cantores Shawn Mendes que cantou seu sucesso “Stitches” e a vencedora do Grammy 2016 como artista revelação, Meghan Trainor, que apresentou seu mais recente single “No”.

Shawn Mendes – “Stitches”

Meghan Trainor – “No” (Sem vídeo disponível até o momento)

Cfn4yH6WcAAylSf

RESULTADOS – PARTE I

De acordo com os nossos resultados, levando em conta todas as notas conquistadas pelos participantes dadas por mim, Lindomar e nossos comentaristas, o nosso placar final ficou o seguinte:

Sem título

Sendo assim, de acordo com a equipe paneleira, o vencedor dessa temporada seria a Cody, seguido do Jolan no segundo lugar e a Lydia e Kevin ocupando os últimos lugares. Esse resultado seria um sonho e por coincidência seguiu o mesmo resultado da enquete da nossa review anterior.

Cfld0zIWcAAKlLq (1)

Michel: Foram anunciados então os dois competidores no qual um seria o campeão e outro dois competidores que ficaram no 3º e 4º, aleatoriamente já que não foram divulgados a ordem dos dois últimos colocados. Sendo assim, foi anunciado que Kevin e Jolan seguiriam para o próximo bloco, cantando o single do vencedor. Cody e Lydia ficaram no terceiro e quarto lugar, uma pena porque achava que no mínimo a Cody merecia o segundo lugar ou até mesmo vencer a temporada, por conta da sua consistência e singularidade no programa, já a Lucy eu já esperava ela como uma das menos votadas, não pela perfomance de hoje, já que ela pra mim foi a melhor apresentação solo do dia, mas por conta de todo seu histórico no programa e dos seus oponentes.

Lindomar: Curioso que as duas artistas que melhor se apresentaram nas performances solo nessa noite foram as duas eliminadas. Infelizmente existe uma grande base de fãs formadas principalmente em torno de Kevin, e isso acabou jogando ambas aqui. Para Lydia Lucy uma grande vitória chegar na final, eu jamais esperaria ela aqui, nesse ponto da competição, é e tão lindo ver uma artista que você não acreditava tanto se superando a cada semana e entregando a melhor performance individual na grande final, o lugar de Lydia nessa final foi merecido. Agora meu amor gótico Cody, ela deveria estar entre os dois finalistas, ela não estar foi um grande crime do público britânico, Cody sempre entregou algo único e singelo, algo singular e forte, ela foi a artista mais estranha e amada que já passou por esses palcos, e acabar em terceiro ou quarto lugar aqui foi pouco.

PERFOMANCES FINAIS

E o Ricky foi realmente o rei dessa temporada, além dele levar dois de seus competidores para a final, ainda conseguiu a proeza de seus oponentes conquistarem os dois primeiros lugares da competição. Eu prefiro e torço mais pelo Jolan, acho que o Jolan teve uma excelente evolução no programa e seu ápice pra mim foi semana passada com “Purple Rain”, o que é o oposto do Kevin que teve seu destaque no início do programa e depois sofreu com altos e baixos, sendo eliminado do team Paloma e indo pro team Ricky. Antes de saber o final, só posso dizer que essa vitória do Ricky é muito justa pelo excelente trabalho que ele fez como coach, se ele não voltar no programa como surgiram os rumores, vai deixar muita saudades.

Jolan – All You Good Friends

Gostei muito do single winner, tem bem o estilo do Kevin e Jolan, uma baladinha bem gostosinha de se ouvir. O Jolan soube explorar bem seu potencial vocal na música e principalmente cantou com muita emoção, foi uma perfomance bonita de ver e é o tipo de estilo musical que espero dele pós o reality.

Kevin Simm – “All You Good Friends”

A música favoreceu bem o timbre do Kevin, principalmente a sua rouquidão que é um dos pontos fortes da sua voz. Teve emoção, foi muito bem nos vocais, sua perfomance não ficou devendo em nada, foi digna de um vencedor.

RESULTADO FINAL

THE WINNER IS KEVIN SIMM!

Cfmes2_WwAEo6r5

Michel: Como já citei, a vitória ter sido do Ricky foi justíssima, porém eu preferia o Jolan, levando em conta todo o histórico do programa. Eu não vou dizer que a vitória dele foi ruim, principalmente quando olhamos o retrocesso e vemos que Andrea (Season 2) e Jermaine (Season 3) já venceram e pior ainda, venceram quando tinha como uma das Leah McFall (Season 2) e a Christina Marie (Season 3) que são pra mim as melhores que já surgiu no programa. Vamos combinar que o Kevin ganhou essa temporada mas pela sua história do que desenvolvimento no programa, pois acredito que todos concordamos que os demais finalistas tiveram um desempenho melhor que ele. Mas no fim, o Kevin é um ótimo vocalista e apesar dos seus deslizes, ele tem muito potencial e se for bem trabalhado e bem divulgado pode chegar a fazer sucesso, coisa que a BBC sempre pecou foi a divulgação dos seus artistas e esse ano pecará ainda mais por conta do programa ficar por conta da ITV.

Lindomar: Ricky Wilson já estava tranquilo, tinha seus dois garotos na grande final, já era bicampeão do The Voice UK, restava saber se o público britânico optaria por um artista com potencial carreira pela frente: Jolan, ou se optaria por um artista que teve a blind mais marcante da temporada e tudo que fez durante o show não superou isso: Kevin. Eu como a maioria do público brasileiro pelo menos, não fiquei feliz com esse resultado, a própria enquete feita aqui no site apontava os outros três candidatos como favoritos e Kevin com zero votos, Kevin teve um grande momento, deixou seu público fiel na ilusão de repetir isso, mandou bem nessa final tenho que reconhecer e ganhou o prêmio. Jolan acaba como segundo colocado, posição que eu aceitaria bem se Cody fosse a vencedora. Jolan acaba como segundo colocado e ainda com duvidas sobre qual gênero seguir, nesses lives eu amei suas performances, mas vimos ele no soul/jazz/rock/pop, e ele precisa definir o que seguir para começar a pensar no seu futuro e não ser apenas mais um ex-the voice.

RB-The_Voice_Tea_partyblog

Me despeço aqui com essa imagem dos nossos queridos coaches que brilharam nessa temporada, infelizmente provavelmente teremos que nos despedir de todos :(. Ainda não há uma bancada oficial, os rumores giram em torno de Rita Ora, Jason Derulo, will.i.am, Cheryl e Robin Williams, porém até agora não existe nada concreto. Espero que a ITV possa melhorar a edição do programa que fica muito a dever, principalmente por conta de uma primeira fase longa demais e as demais fases curtas demais, como os lives. No mais, vamos aguardar e torcer por notíciais boas.

Galera muito obrigado pelo carinho de vocês, por acompanharem com a gente e principalmente pelos comentários que deixam aqui. Agradeço a todos e espero que próxima temporada possamos estarmos juntos novamente. Tchau e até a próxima temporada, deixo um abraço a todos!

Michel Araujo
Michel Araujo

Baiano perdido em Aracaju, fã de realities show musicais e séries. Uma personalidade misturada a humor, sarcasmo e uma leve ousadia.
Deixe-nos um comentário!
  • Tulio

    Esqueci de falar também sobre o dueto will.i.am & Lydia Lucy. Não parecia uma apresentação coach e canditada, e sim um dueto oficial, o will poderia pegar essa versão e investir na Lydia, quem sabe não daria certo.

    Se alguém souber me responder, as músicas do The voice Uk não vão para o Itunes? quando eu dei uma olhada não tinha nenhuma no top 100, e se você comprar com o US sempre tem umas 5 ou mais no top 100 (e sempre entra 1 ou 2 no top 20+). Eu estranhei pois até o XF que não foca tanto em Itunes conseguiu vários top 20 ano passado.

  • Tulio

    Eu gostava muito da Lydia, mas o problema é que o The voice não era o programa ideal para ela. Ela se sairia muito melhor no XF, conseguiria até fazer sucesso e quem sabe estourar, porém não foi falta de tentativa, a menina tentou 2 vezes e foi barrada, na primeira parou no 6C e na segunda nem mostraram ela coitada, só sabemos que ela esteve porque apareceu em uma cena das audições. Lydia é o tipo de cantora que se fosse bem trabalhada no XF conseguiria emplacar.

    Quanto a Cody é uma pena, quando temos uma temporada que aparece uma menina com diferencial, tanto na voz, quanto na aprecia e no reportória, e o que acontece? ela nem fica entre os 2 primeiros. Mas temos que avaliar que se ela tivesse no TVUSA ela já tinha saído faz tempo para um country ou um cantor homem padrão The Voice. No Uk pelo menos nos permitiram ter ela até a final.

    • João

      Tulio!
      Eu acho q as músicas não vão para o itunes, sei q o winner single do Kevin Simm foi e chegou a ficar em #2.

      Sobre a Cody não emplacar no The Voice US é verdade! No Uk o pessoal gosta muito de uma música mais dark – olha quantos candidatos flertaram com isso e se deram bem: Lee Glason, Emmanuel Nwamandi, Sheena, Christina Marie… E vários outros em níveis menores…
      Enfim, acho q isso se dá muito pelas influências musicais q a Grã Bretanha recebeu, do punk, do gótico, do triphop…

  • João

    Ricky é o melhor coach e mereceu muito a vitória! O primeiro coach a vencer duas vezes no The Voice Uk. E Paloma ficando em terceiro temos a maldição sobre as coaches mulheres que sempre terminam em último. E ela teria vencido se não eliminasse o Kevin.
    Queria muito a Cody ganhando – depois da saída da Chloe – pena que não deu. E Kevin tem vocais bem bons, mas nunca gostei dele, nem na blind. Acho que ele não tem uma identidade bem definida. Acho que dos 4 finalistas, todos tem chances de estourar, mas deverão correr atrás sozinhos, pois não vejo a BBC ou os coaches os ajudando nisso… Cody pode vir a ter um status como a Melanie criou e a Lydia poderia ser uma Iggy Azalea/Nicki Minaj melhorada da Grã-bretanha, fácil.
    A vitória do Kevin se deu muito por causa do formato do programa, que é curto demais! Se fosse mais longo com certeza veríamos algumas reviravoltas na competição.
    As blinds foram fraquíssimas, tivemos de longe o top12 e a final mais fraca de todas edições, apesar do nível ter subido consideravelmente ao longo do programa! O maior culpado foi essa produção que cometeu inúmeras injustiças e erros. Uma pena, pois é a franquia que mais gosto.

    Sobre os prováveis coaches: Rita Ora, já demonstrou ser fraquissima como coach, espero que não volte.
    Jason Derulo, não conheço o trabalho dele de perto e não imagino como poderia ser.
    Will.i.am é genial e gosto das ideias diferentes que ele trás ao show, mas dava para dar uma folga.
    Cheryl, acho ela muito sub-celebridade para uma bancada de The Voice.
    Robin Williams, imagino ele sendo bem polêmico e competitivo, não sei porque…

    Queria nomes como Adele, Sophie Ellis-Bextor, Florence Welsh, Roisin Murphy, Dido, Van Morrison, Birdy, Chris Martin, Richard Ashcroft… E a volta do Tom Jones e do Ricky Wilson que são os melhores coaches na minha opinião. Ainda gostaria de ver a Jessie J mais uma vez ali.

    • Michel

      João obrigado pelo comentário! Concordo contigo, realmente a season foi fraca por conta de uma produção bem descuidada que a BBC ofereceu. Em relação aos novos coaches, também tô muito apreensivo e queria a volta da Jessie J, Danny ou Ricky, que pra mim são os melhores que passaram pelo The Voice UK Mas n sei se estou errado, mas pelo estilo da ITV eles devem investir em cantores mais polêmicos ou populares, que poderia ser o caso da JJ, porém JJ já tava bem firmada no The Voice AU e n sei se ela faria uma dobradinha. Mas vamos aguardar e torcer por nomes de peso e qualidade!

%d blogueiros gostam disto: