Décima temporada, e mais uma noite com boas blinds, o nível dessa temporada vem me animando e acredito que teremos uma boa season pela frente, hoje os comentários ficam por conta das minhas duas rainhas: Clarice e Luana!

Tamar Davis – “Chain of Fools” by Aretha Franklin

Lindomar: Queen B que se fez para tirar essa deusa do seu grupo musical? Tamar é demais, e chega para fazer parte do grupo de power singers que tem Amanda, Sasha e Kimberly como capitãs! HAHA! Tamar tem um vozeirão, tem técnica, tem experiência, sabe explorar a música para mostrar o seu melhor e arrasou! Tamar com certeza deve ir longe na competição, não aceito menos que TOP 12! #TEAMXTINA

Luana: Eu já era apaixonada nessa mulher desde o momento que a vi em uma das promos pra temporada, não sabia absolutamente nada dela, mas meio segundo do seu canto já foi suficiente para me fazer virar fã! Mostrando extrema técnica vocal e uma das personalidades mais adoráveis dessa season, Tamar ganhou meu coração fácil!

Clarice: Que vozeirão incrível! Já no primeiro gritão já amei Tamar e pelo visto Xtina idem! hahaha Blake sendo fdp e virando nos últimos segundos, mas Tamar fez o óbvio e foi com quem entende o tipo de voz que ela tem.

Chairs-Super SimChairs-Super SimChairs-Super Sim

Jessica Crosbie – “Viva La Vida” by Coldplay

Lindomar: Que voz suave e calma, perfeita para uma versão sútil de Viva La Vida, uma das músicas mais fofas do Coldplay, Jessica fez sua versão suave, explorou seus pontos fortes, foi no suave e virou as cadeiras que precisava para seguir no programa, no geral, achei que ela ficou devendo, apesar de sua versão ser sútil, faltou ela viajar mais um pouco, arriscar mais, tentar mostrar mais potencial, enfim, vamos ver o que acontecera com ela na próxima fase. #TEAMPHARRELL. 

Luana: Quando escutei o preview da Jessica ontem, pensei “horrível, odiei”. Mas ao vivo foi diferente, Jessica mudou o arranjo da icônica “Viva La Vida” do Coldplay, desacelerou o compasso da melodia e com bastante maestria conseguiu transmitir o sentimento pretendido. Não foi uma apresentação vocal 100% maravilhosa, também não foi extravagante, mas me pareceu bastante singela, o que já me faz gostar muito.

Clarice: Que versão de Coldplay suuuuper diferente, arranjo maravilhoso! Jessica tem um jeito muito suave de cantar, super controlado, gostei bastante.

Chair-TalvezChairs-SimChairs-Sim

Justin Whisnant” “Ain’t Worth the Wiskey” by Cole Swindell

Lindomar: Country clássico, voz boa, performance sono, achei interessante que Justin não vestia botas! HAHA, mas ele falou que era de Oklahoma, logo séria #TeamBlake! kkk, Falando sério, foi uma performance bem limitada, ele fez algo sólido, só que bem linear, senti que faltou emoção, coisa que é necessária na música country, não viraria para ele e graças a deus ele foi pro team Blake, queria isso no meu time não. #TEAMBLAKE

Luana: Por que o Adam ainda tenta, minha gente?! Haha. Justin é o típico artista country, aquele mesmo tipo de sempre que nós vemos toda temporada, e que fatalmente o destino é um só: Team Blake. Justin não fez questão de se estender para muito além das melodias da canção original, o que me incomodou um pouco, mas parece ter funcionado para ele, afinal ele virou a cadeira do Poderoso Chefão do Country.

Clarice: Country não é minha praia, mas gostei da performance do Justin. Ele fez bons vocais, gostei bastante da voz dele inclusive. Mas tenho que confessar uma coisa: estou amando esse retorno de #Adamtina! Muito fofo um ajudando o outro nos argumentos aos cantores.

Chairs-NaoChairs-NaoChair-Talvez

Jackie Lipson – “Ex’s & Oh’s” by Ellie King

Lindomar: Eu amo essa música, conheci na season passada após o retorno de Ellie para os lives e vicei no estúdio tanto de Ellie quando da original, e apesar do esforço de Jackie, ela ficou devendo, o timbre até parecia interessante, mas Jackie estava totalmente desafinada, fez uma versão mais lenta e sem energia desse hit, que não pegou, não viraria de jeito nenhum. #ELIMINADA

Chairs-Nao

Daniel Passino – “Marvin Gaye” by Charlie Puth feat. Meghan Trainor

Lindomar: Adorei a personalidade de Daniel, mas só vou criticar que ele falou dos falsetes e não citou Adam como referencia, e isso já deixou ele na minha listinha de candidatos de mal caráter! huaauhauhuah Falando da audição, amei a energia que ele trouxe, os vocais claros, os falsetes até que foram bons, e acredito que ele tem muito potencial para seguir crescendo na competição, como ele mesmo destacou e Xtina também, o fato de ele poder ir pra opera, soul, pop pode ser uma grande vantagem. #TEAMXTINA

Luana: Daniel foi uma das pessoas que eu dei uma olhadinha antes da temporada começar, descobri que ele fazia parte de um conjunto Acapella e assistindo alguns vídeos, já tinha notado que o ponto forte dele era o falsete. Daniel fez uma apresentação energética, mas confesso que esperava um pouquinho mais dele, pelo que tinha visto na pré-season.

Clarice: Aaaaai como adoro essa música, é bobinha mas tão cute! hahahaha E Daniel foi super bem na apresentação, só não entendi aquele falsete.. mas aposto que Xtina vai saber melhorar isso no garoto.

Chairs-SimChairs-SimChairs-Sim

Owen Danoff – “Don’t Think Twice, It’s All Right” by Bob Dylan

Lindomar: Emoção OK, Timbre Gostoso OK, Violão OK, Rouquidão OK! Owen foi a prova de que menos é mais, fez algo simples, focou em sua voz combinado com um violão, algo mais acústico e eu amei forte, fiquei torcendo tanto para ele ir com Adam, senti uma vibe meio Matt McAndrew em Owen e acho que Adam séria perfeito para ele, e quando ele optou por Adam, dancei aqui na sala de casa. #TEAMADAM

P.S.: Como já amei Owen demais, deixo esse belo cover de 60 segundos do hit do M5: “This Summer Gonna Hurt”, clique aqui. Gostei ainda mais depois desse vídeo!

Luana: Owen parece ser um rapaz discreto que usa a música para expor seus sentimentos. Ele não precisou de vocais exagerados ou inflexões impossíveis para chamar a atenção dos mentores (e minha também). Eu acredito que toda temporada precisa de alguém assim, um “contrapeso”, alguém pra mostrar que às vezes, menos pode ser mais. Por essa razão eu morri de amores pela Amy na season 9, por essa mesma razão estou eu aqui declarando meu amor por essa pessoa que mal conheço novamente, haha. Pode ser que minha quedinha por “caras cantando versões acústicas com seu violão” esteja me influenciando aqui, mas Owen foi, sem dúvidas, uma das melhores coisas dessas audições para mim.

Clarice: Ao mesmo tempo que adoro quem chega ali no palco mostrando todo o vozeirão, também adoro essas performances intimistas de voz e violão. Gostei bastante do Owen e a forma com a qual ele cantou.

Chairs-Super SimChairs-Super SimChairs-Sim

adam_levine_the_voice_gif

Adam conseguindo seu segundo #4chair! <3 #Proud!

Maya Smith – “Do Right Woman, Do Right Man” by Aretha Franklin

Lindomar: Quando Maya comecou ela foi bem e por uns segundos achei que ia parar ali, mas a garota me surpreendeu, manteve o controle e a técnica durante toda a performance e foi evoluindo, cada vez subindo mais, fazendo a performance ficar mais marcante e de certa forma ela me lembrou muito Judith Hill (Season 4). Acredito que ela só não foi #4chair, porque Adam não podia virar, o programa tem suas blinds editadas, com troca de posições entre elas, e tive essa impressão. Enfim, amei a audição de Maya e acredito que ela fez a escolha correta. #TEAMPHARRELL

Luana: Quanta Aretha hoje, não tem como reclamar meu povo! Maya, olha pra essa coisa linda, gente! Maya fez uma apresentação, que particularmente, me agradou bastante. Só espero que ela tenha espaço no Team Pharrell, porque eu definitivamente gostaria de ouvir mais dessa moça.

Clarice: Carambaaaa garota, que voz é essa!!! Adorei!! Atingiu high notes com tanto controle e classe, mandou bem mesmo! Só preferia que ela tivesse escolhido Xtina, sairia de lá uma verdadeira diva!

Chairs-SimChairs-SimChairs-Sim

Nolan Neal – “Drive” by Incubus

Lindomar: Uma boa voz, mas uma execução um pouco falha, Nolan teve uns pequenos momentos de desafinação e falhou em seus gritos bem estridentes e que não encaixaram muito bem, ele tinha um timbre bem interessante por ter uma certo ríspido e uma certa rouquidão. #ELIMINADO

Chair-Talvez

Brittney Lawrence – “Warrior” by Demi Lovato

Lindomar: Cantando um dos novos sucessos de Demi, que exigem uma grande carga emocional, Brittney fez um bom trabalho, apresentou uma performance cheia de sentimento e sólida, não forcou muito para não fazer feito, trabalhou em uma zona segura e conseguiu seu lugar na próxima fase, só não entendi sua escolha! HAHAHA #TEAMBLAKE

P.S.: Xtina para de mostrar que você é incrível e faz logo uma turnê, se juntarmos todos os gritos, momentos de Xtina cantando da quase um show já, #XtinaTUOR! Clique aqui para ver o vibrato arrasador da diva Aguilera.

Luana: Embora Brittney tenha um timbre adorável, ela teve vários probleminhas de afinação, né? Uma pena :/ Ainda foi bem ousada, negou a Christina que virou ANOS LUZ na frente do Blake e acabou indo pro time do cowboy. Minha opinião? Não deveria ter feito isso.

Clarice: Ellie foi a prova viva na temporada passada que cantar música da Demi é pra poucos… mas Brittney veio num arranjo mais lento, super suave na música e gostei. Adoro quando Xtina pega e mostra como se faz… mas odiei que a menina rejeitou Xtina! hahahaha

Chairs-SimChair-TalvezChairs-Sim

COMBADOS

Teresa Guirdy – “Girl Crush” by Little Big Town – #TEAMBLAKE

Lyli Green – “Songbird” by Fleetwood Mac – #TEAMADAM

Chelsea Gann – “Wild Angels” by Martine McBride – #TEAMXTINA

Lindomar: Dessa vez não irei comentar os combados, foi mais rápido ainda que ontem e não consegui ouvir o previews de todos pra fazer alguma avaliação, destaco apenas dos poucos segundos mostrados o potencial que apareceu de leve na audição de Lyli, sobre Chelsea e Teresa achei ambas cantoras genéricas de country.

Chairs-Nao

sapatonas

Meu olhar de julgamento para a produção desse show que insiste em combos! 

Matt Tedder – “(I’m Your) Hoochie Coochie Man” by Muddy Waters

Lindomar: Que energia foi essa? EU AMEI! Uma estrela futura do Rock que trouxe o Blues e fez uma bela mistura, Matt teve uma entrega sensacional, e arrasou do inicio ao fim, particularmente gosto muitos desses artistas com uma vibe rock, alternativa e tendo a ficar feliz quando eles aparecem em grande quantidade como nessa season, quando vi que apenas Adam virou fiquei ainda mais feliz e tive a plena certeza que na próxima fase será Matt vs Laith, um confronto óbvio para os nocautes. #TEAMADAM

Luana: O segundo guitarrista do Adam, haha. Se algum dia criarem o “The Guitarist” já podem colocar o Adam na bancada, porque ele já terá experiência suficiente no ramo de mentorear guitarristas! Bom, comparado ao que nos foi mostrado nesse episódio, Matt não veio para impressionar, assim como acredito que ele não vai muito longe na competição. Mas valeu ouvir mais um solinho de guitarra nessa temporada!

Clarice: Essa vibe too much rock não me agrada nem um pouco, mas tenho que admitir que o cara é bom no que faz. E ele no Team Adam é o casamento perfeito! hahahaha

Chairs-SimChair-TalvezChair-Talvez

Joe Maye – “I Put a Spell On You” by Annie Lennox

Lindomar: Primeiro: O Retorno de Ellie e Mark por alguns segundos e na torcida de Joe, achei muito bacana isso acontecer, para quem não lembra Joe M fez audição para a temporada passada e acabou não conseguindo uma vaga, retorna agora com o apoio dos seus amigos e entrega uma bela performance teatral de I Put a Spell On You, eu gostei muito, vi que várias pessoas não curtiram, mas particularmente achei uma ótima audição, cheia de momentos arriscados e muito drama, coisas que gosto, vocalmente ele pecou, mas no total achei uma boa escolha.

P.S.: Xtina amo essa música também mulher, e adorei demais ver o dueto seu e de Joe!

Luana: Sinceridade? Não gostei, podem me julgar. A começar pelas expressões de quem estava cantando com dor de barriga, Joe me irritou em diversos momentos. Não nego que ele seja um cantor talentoso, mas é preciso saber dosar. Ao menos valeu um dueto com a Christina (e engraçado que ele se saiu BEM melhor no dueto, do que na própria audição). Espero que Joe tenha muito mais guardado em sua caixinha, porque se seu “ápice” for essa blind audition… Já terei meu Damien/Koryn/Ryan/Rob/Braiden/Mark da temporada, ou seja, meu desafeto.

Clarice: Confesso que fiquei bem indecisa sobre a performance do Joe. Não gostei do começo, ele foi melhorando do meio pro final. Quando Pharrell pediu que Xtina cantasse com ele, Joe parecia outra pessoa. Cantou muitoooooo melhor… deu conta de cantar com Xtina, pareciam 2 BFFs cantando de igual pra igual. Achei sensacional!!! Apenas acrescentando: que coisa mais irritante Blake virando nos últimos segundos para todos que Xtina escolheu virar a cadeira. hahahahaha

Chairs-SimChairs-NaoChairs-Sim

ana-paula-gif-1

Reação interna de Joe quando soube que iria cantar com Xtina!

EQUIPES

Blake: Paxton Ingram, Mary Sarah, Adam Wakefield, Angie Keihauner, Brittany Kennell, Peyton Parker, Gina Castanzo, Trey O’Dell, Justin Whisnant, Brittney Lawrence e Teresa Guidry. (1 vaga).

Adam: Mike Schiavo, John Gilman, Caroline Burns, Laith Al-Saadi, Katherine Ho, Natalie Yacovazzi, Nate Butler, Ryan Quinn, Owen Danoff, Lyli Green e Matt Tedder. (1 vaga)

Xtina: Bryan Bautista, Alisan Porter, Shalyah Fearing, Lacy Mandigo, Kata Hay, Malik Heard, Kristen Marie, Tamar Davis, Daniel Passino, Chelsea Gann e Joe Maye. (1 vaga)

Pharrell: Caity Peters, Nick Hagelin, Abby Celso, Joe Vivona, Emily Keener, Jonathan Bach, Hannah Huston, Brian Nhira, Jessica Crosbie e Maya Smith. (2 vagas).

Equilibrado até aqui, os grandes nomes das audições estão bem distribuidos, praticamente de forma igual nesse inicio de ano entre os experimentos, nas equipes o Team Adam tem como grande destaques Mike, Ryan e Owen até agora, e as retornantes Natalie Yacovazzi e Caroline Burns! Blake tem Mary Sarah, e alguns outros bons candidatos como Peyton e Brittany. Pharrell tem Caity, tem Emily, tem Hannah, tem Maya, tem um time cheio de mulheres incríveis! E no TeamXtina temos boas coisas para vir, mas tem tudo para ir longe, com Daniel, Tamar, Bryan, Alisan, Shalyah, entre outros.

CONSIDERAÇÕES

. Mais um bom episódio para essa temporada, destaque para as audições de Tamar, Maya e Owen que arrasaram nessa noite!

. Blake e Xtina quase sempre virando juntos e ela levando a melhor na maioria das vezes! AMEI!

. Na próxima semana, teremos o final das Blinds com a exibição das 5 blinds restantes no início do episódio e no final a apresentação das primeiras batalhas que vão continuar na terça feira e na semana seguinte.

Não deixem de comentar e dar suas opiniões aqui na review. Ah, e não deixem de checar as músicas e as legendas liberadas com carinho pelo Grupo SubVoice.

Lindomar Albuquerque
Lindomar Albuquerque

Canceriano com ascendente em Sagitário, ou seja UMA ÓTIMA PESSOA! Atualmente um louco que faz Doutorado e que já se formou em Química. Viciado em The Voice, séries e Indie Rock. Gosta de gastar o tempo que não tem para escrever sobre The Voice, The Flash, Bates Motel, Orphan Black, The Vampire Diaries e Westworld.
Deixe-nos um comentário!
  • Paulo Silva

    Corre um boato que o Adam fez a mesma burrada da sexta temporada. Ele fez pareamento entre Mike Schiavo X Owen Danoff nas batalhas e nos nocautes Ryan Quinn X Owen Danoff.

    • Victor

      Parece que o Adam fica louco quando ganha o The Voice, formou um time matador na 5 temporada com Tessanne Chin, Will Champlin e James Wolpert, venceu a temporada, na Sexta jogou fora o futuro campeão Josh Kaufman pra ficar com Delvin Choice. Agora montou

    • Victor

      Parece que o Adam fica louco quando ganha o The Voice, formou um time matador na 5 temporada com Tessanne Chin, Will Champlin e James Wolpert, venceu a temporada, na Sexta jogou fora o futuro campeão Josh Kaufman pra ficar com Delvin Choice. Nessa ultima temporada, montou um time super forte com Jordan Smith, Amy Vachal e Shelby Brown e na 10 faz uma cagada dessas, só não supera a Gwen em quesito cagadas que deixou o Viktor e a Ellie pra passar a fraquissima Korin. Só espero que Mike seja roubado e chegue ao TOP 12.

%d blogueiros gostam disto: