Posts Populares

The Voice US – S20E17 – Live Top 5 Finale Performances

Good night, Charlie!

Sim meus amores voltamos para encerrar mais uma temporada do nosso famigerado The Voice que é especialista em nós matar de raiva. Tá, você tem que concordar comigo que essa é uma das piores finais que o programa já teve né?

Porém, mesmo com essa combinação radioativa de hoje eu não vou passar por isso sozinho e eu trouxe comigo as minhas Charlie angels, Luana Medeiros, a Tiktoker do Recife e ela que é a herdeira mais cobiçadas de Campinas onde 9 entre cada 10 médicos querem a sua mão para a desposar… Clarice Calil, a milionária de Campinas. Hoje eu vou trazer um pouco de cultura brasileira para vocês e os nossos apelidos serão inspirados na série icônicaaaaaaa “As Brasileiras”.

Bom, antes de começar é bom recapitular que os acts vão cantar 2 músicas… uma dedicadas à alguém e outra referente a sua jornada na competição. E nesta edição não teremos as canções autorais como de costume, o que foi um choque pra mim mas deu pra perceber que nem o próprio The Voice aguentou essa season…

O papai Blake veio com tudo apresentando sua música nova e eu gostei muito, visse? Na verdade eu gosto bastante do estilo do Blake e ele tem um charme tão envolvente que deixa você vidrado durante toda a performance. Ícone country!!!

Chega de enrolação né? Vamos ao que interessa e tirar leite de pedra!

[#TeamKelly] Kenzie Wheeler – “Heartland” by George Strait

Avalie a performance:


Dam, A Golpista da Bahia: Alô galera de cowboy, alô galera de peão, quem gosta de rodeio bate forte com a mão! Meu Deus… Eu queira dizer que odiei essa performance, mas eu ri tanto, mais tanto que a única coisa que eu consegui fazer foi lembrar do meme da Angela Bismarck cantando esse hino country nacional. E o Kenzie me recordar um meme desses não significa que ele foi bem não hein? Kkkkkk

Clarice, A Disputada de Campinas: Ai, América… eu ainda não me conformo de ver esse bofe na final no lugar do Corey ou Gihanna, e pra piorar ainda teremos 2 apresentações dele hoje! Só por Deus mesmo! hahahaha E parece ainda que ele aflorou o lado caipiresco ainda mais com o passar das semanas. Achei que ele semitonou algumas notas, parecia fora do tom. Ele é tão básico que me choca! Desculpa, gente, eu odiei e não vou mentir não! hahahaha

Luana, A Tiktoker do Recife: QUE LIXO RADIOATIVO FOI ESSE? AH NÃO, AS COISAS QUE EU SOU OBRIGADA, VÉI. NÃO, NÃO, NÃO. Ah, vou me alongar aqui não, foi simplesmente péssimo, uma coisa assim… Tô fora. Foi brega, ele não tava no clima da música, claramente tava rolando algum problema com o som/retorno, nossa… Não. Cam, faça alguma coisa, eu não admito isso aqui vencendo não. Não.

[#TeamLegend] Victor Solomon – “I Can’t Make You Love Me” by Bonnie Raitt

Avalie a performance:


Dam, A Golpista da Bahia: Victor nunca foi meu act favorito. Passou loooonge disso, porém com essa final que nós temos, ele é o mais próximo que eu tenho de um fave aqui. E eu até gostei da performance dele sabia? Obvio que aquela sensação de estar ouvindo o John legend não passa e nem vai passar, mas ainda assim da pra curtir a performance que foi bem legal.

Clarice, A Disputada de Campinas: Eu AAAAAAAAAAAAMO essa música! Jesus Cristinho! Devo ser a única paneleira que gosta do Victor, não que ele seja meu act favorito, mas eu curti sua trajetória, ainda que ele tenha uma voz bem similar a do John e que soe como ele diversas vezes (ansiosa por esse dueto amanhã, btw!), mas essa vibe do Victor é algo que me agrada e gostei da songchoice. Ele poderia usar seu gospel card e vir com algo bem apelativo, tentando agradar as tias do sofá, mas escolheu algo que eu não esperava. O cenário estava belíssimo, achei a apresentação bem intimista, mas talvez por já ter ouvido a música tantas vezes, eu esperava um clímax, uma subida de tom, o que não teve, mas ainda assim achei a apresentação bem consistente e, em meio a tantos countries, bem boa! hahahahaha

Luana, A Tiktoker do Recife: Achei a songchoice perfeita, o Victor já me soa absolutamente batido, nada mais justo que cantar uma música que já foi 500x na final, né. Ele é um vocalista quase que irretocável, enquanto a isso, eu acho que quem tiver a ousadia de falar um “a” tá bem louco. Mas são mais de 10 anos de programa, esse tipo de cantor vem aos montes toda temporada, principalmente no Team Legend. Pra mim, Victor fica em 4º lugar, só atrás do Jordan que nem deveria estar aqui.

[#TeamBlake] Jordan Matthew Young – “Key to the Highway” by B.B. King ft Eric Clapton

Avalie a performance:


Dam, A Golpista da Bahia: Pai… Perdoa o seu servo que te segue e busca tua palavra, mas eu olho pro Jordan e só imagino um Jesus hippie da década de 60 em Woodstock. Não dá!!!! Sobre a performance, eu gostei bastante e foi a minha favorita até agora. Jordan não tem lá muita personalidade mas eu hoje eu senti que ele se encaixou bem com a música.

Clarice, A Disputada de Campinas: Esse é outro que tinha nem que tá aí! A 2ª decepção do voto popular! hahahaha Engraçado que na semifinal ele se jogou no country, mas agora quis fazer algo bem diferentão! Tá, foi bacana, mas vocalmente falando, ele não é essa coca cola toda, tem uns melismas interessantes, solta uns rosnados as vezes, mas o que o destaca é esse plus de guitarra + voz. Já vimos isso antes? Hell yeah!

Luana, A Tiktoker do Recife: Eu ainda não me conformo com esse aleatório aqui, juro. Ser #TeamBlake compensa demais, não tem saco que aguente isso. E sabe o pior? Ele nem deve ficar em 5º, se bobear, até pódio pega. Essa performance foi ruim? Não, mas não tem nada de emocionante nesse cara. Ele é o suco purinho do BÁSICO. Eu gostei da songchoice, pelo menos, deu uma inovada, uma coisa que eu não lembro de ter ouvido no programa. Então assim, só por isso, já preferi um pouco sob o Victor, por exemplo.

[#TeamNick] Rachel Mac – “I Hope You Dance” by Lee Ann Womack

Avalie a performance:


Dam, A Golpista da Bahia: Meu Deus… Essa música precisa de uma versão de forró pra ontem!!! Alguém por favor faz essa Review chegar até a banda sedutora e pede pra ela fazer uma versão. Rachel foi bem legal aqui, eu gostei bastante da música e acho que ela conseguiu captar bem o espírito da canção. Porém, nada demais né?

Clarice, A Disputada de Campinas: Primeiramente, QUE DIABOS DE FIGURINO É ESSE QUE DERAM PRA RACHEL? Ela ta fazendo cosplay de Está tua da Liberdade com esse troço na cabeça?! Só por Deus! Sobre a apresentação, UAAAAAAAAU!!!! Nick está de parabéns pelo trabalho que fez com Rachel, só ele virou pra ela e ainda me lembro que nas Battles ela não foi a melhor (minha opinião, obviamente), mas ele a escolheu. Hoje vendo a segurança da Rachel no palco, o trabalho deles fica ainda mais evidente e mérito dos dois pela parceria. A músicca é um hino, Rachel atinge notas altas e segurou a marimba da apresentação. Gostei bastante, hein!

Luana, A Tiktoker do Recife: Meu Deus, que negócio horroroso foi esse que colocaram na cabeça dessa menina? Podre, meu Deus. Eu acho que a música foi bem a cara dela, mas como sempre, eu sempre sinto falta de alguma coisa nas performances da Rachel. Não sei nem explicar exatamente o que é, mas acho ela tão sem sal. Eu tinha tudo para adorar ela, já que até cantou “Rainbow”, que é uma das minhas músicas preferidas da vida. Mas não sei, não consigo. Apesar dos pesares, ao meu ver, essa foi uma das melhores apresentações da Rachel até aqui, o que é muito satisfatório, porque a final é feita pra isso mesmo.

[#TeamBlake] Cam Anthony – “Stand Up” by Cynthia Erivo

Avalie a performance:


Dam, A Golpista da Bahia: LENDÁRIO!!! Isso sim é performance de final minha senhora, é isso que a gente quer ver!!!! Muito close, palco exuberante, atuação, vocais, coral, dançarinos fazendo umas danças estranhas… É disso que a gente gosta. Obrigado Cam por servir o banquete da noite.

Clarice, A Disputada de Campinas: Já pode gritar WINNER???? Eu fico assustada com a segurança do Cam no palco, o bixinho nem parece ficar nervoso, tava ali todo pleno interagindo com os dançarinos, fez novamente parte de sua apresentação a capella. Se um dia eu critiquei o Team Blake, nem lembro!

Luana, A Tiktoker do Recife: Essa música é linda e me lembra muito “Glory” do John Legend, e não só na mensagem, até algumas melodias eu acho bem parecidas. Ainda bem que o Cam teve esse momento, porque a outra música dele foi assim uma coisa bem “???”, né. Eu curti a performance, não foi nada de parar o quarteirão, mas eu nem acho que essa temporada teve nada realmente marcante, sendo assim, essa performance foi ótima. Espero que seja suficiente para barrar o Kenzie, sinceramente.

[#TeamKelly] Kenzie Wheeler – “The Keeper of the Stars” by Tracy Byrd

Avalie a performance:


Dam, A Golpista da Bahia: Gente, eu acho a voz do Kenzie muito boa nesse tipo de canção e eu acabo tendo uma tendência a gostar dele. Mas quando a gente avalia o pacote completo, sabe que ele deixa a desejar em muitos outros quesitos como conexão com a música por exemplo. Eu não consigo sentir emoção nele quando o vejo e isso me incomoda, mas não posso negar que é uma bela voz.

Clarice, A Disputada de Campinas: Kenzie veio com um pack de 2 músicas mega diferentes, mas ambas igualmente chatas. hahahaha Eu o acho limitado vocalmente, tem um timbre chatíssimo e sequer dá conta de subir com a música, foi coberto pela banda e backing vocals. Ai, não dá, né gente?!

Luana, A Tiktoker do Recife: Ah não, gente. Pra mim, isso é igualzinho à ouvir o Daniel cantar, só que em inglês. Simplesmente não sou obrigada, não sou. Quem gosta, muito que bem, parabéns. Mas não dá, negócio chato, sem graça. Pelo amor de Deus, parecia que ia acabar umas 700x e nunca acabava, que tortura. Não foi pior que “Heartland”, porque pelo menos ele entregou mais vocalmente. Mas nossa, podre demais, não nasci pra isso não. Tô fora.

[#TeamNick] Rachel Mac – “The Chain” by Fleetwood Mac

Avalie a performance:


Dam, A Golpista da Bahia: Eu amo que o Fleetwood no the voice é resumido a Landslide, Chain e Gypsy né? Kkkkkkkkk Mas eu vou falar pra vocês que eu curti o combo da Rachel? Chain casou bem com a voz dela e o palco estava belíssimoooo!!! Acho que não tenho muito mais a acrescentar.

Clarice, A Disputada de Campinas: Eu amei esse cenário, parecia um mundinho lúdico da Rachel. Eu sempre curti quando Rachel impulsionava sua voz, atingia tons mais altos e ela sempre arrasou nisso. O combo dela foi bem interessante, aqui ela tava toda empoderada, apesar da carinha fofa, ela se jogou real, botou o gogó pra jogo atacando as notas altas com intensidade, até pela sua presença de palco dá pra notar que ela quis mostrar algo diferente hoje. Arrasooou!!!

Luana, A Tiktoker do Recife: Que combo lindo da Rachel, acho que foi o que mais gostei. Acho que tinham músicas que do Fletwood que encaixariam mais com ela, mas gostei da escolha mais “pesada”, porque ela precisava mostrar esse lado mais “potente” da voz dela, sabe. “I Hope You Dance” foi bem fofa e suave, uma coisa bem country mesmo. Já aqui, ela veio mais agressiva, e eu gosto quando os artistas se expõem assim na final, mostra que eles realmente estão dispostos a apostar tudo. As duas performances foram legais, então, no geral, acho que foi o combo mais correto. Espero que seja suficiente para colocar a pobrezinha ao menos na frente do Jordan.

[#TeamBlake] Jordan Matthew Young – “Stay” by Rihanna ft Mikky Ekko

Avalie a performance:


Dam, A Golpista da Bahia: Se Fleetwood é resumido em três canções, Rihanna é resumida literalmente a Stay… No incio eu tava achando meio estranha a roupagem que eles deram pra canção, mas do meio pro final não é gostei? Jesus de Woodstock serviu um pouco de vocais e a performance saiu melhor do que eu esperava.

Clarice, A Disputada de Campinas: Eu to chocada com essa versão de “Stay”, não to sabendo lidar com isso. Eu amo quando dão novas roupagens às músicas, mas ainda assim é algo extremamente arriscado pois pode não funcionar. O início foi uma calamidade, Jordan parecia estar acima do tom, mas não sei se ele se ajustou ou se mais instrumentos entraram, equalizando o tom. Foi diferente, ele acabou entregando 2 apresentações bem diferentes, mas ambas totalmente fora do country.

Luana, A Tiktoker do Recife: Socorro? Countryzaram a Rihanna, minha gente. Eu tô em choque, nem ficou ruim? Nossa, eu tô surpresa de verdade. Não ficou nada primordial, mas não vou negar que só pela vontade de fazer algo diferente, eu já acho, de verdade, que o Jordan já se colocou na frente do Victor (e claramente do Kenzie, mas os EUA jamais aceitariam). Ele teve problemas de afinação bem claros durante a performance, mas a versão ficou bem interessante. Na voz de outra pessoa, um Chris Stapleton da vida, isso aqui ficaria simplesmente brilhante. Mas é isso, Jordan é o que temos pra hoje. Decente, pelo menos tentou sair do marasmo.

[#TeamBlake] Cam Anthony – “Wanted Dead or Alive” by Bon Jovi

Avalie a performance:


Dam, A Golpista da Bahia: O que aconteceu aqui Judite? Fomos de uma performance icônica para uma coisa bem meia boca dessas? Aí não… Completamente frustrado. Não foi ruim, mas passou longe de ser marcante né? Vou dar um desconto porque a outra performance entregou tudo. Apenas!

Clarice, A Disputada de Campinas: Tá, eu tô até agora sem entender essa música pro Cam! Eu amo Bon Jovi, mas ainda acho que a música não fez sentido! hahahaha Talvez numa ideia de montar um pack com 2 música diferentonas! Tá, funcionou, ele pode comandar o palco de outra forma, apenas ele e a banda. Achei menos impactante, porém vocalmente perfeita como a outra. É meu winner! hahahaha

Luana, A Tiktoker do Recife: O Blake forçando horrores pra trazer o título pro Cam, quem amou? Eu achei conceito, já tocou o Cam pra soltar um “I’m a cowboy” pra comprar a fã base alienada, lenda estrategista! Eu gostei muito das duas performances do Cam, espero que ele destrua o Kenzie nos votos, porque eu sinceramente não aguento aquele menino sem sal vencendo não.

[#TeamLegend] Victor Solomon – “Freedom” by Beyoncé ft Kendrick Lamar

Avalie a performance:


Dam, A Golpista da Bahia: ALGUÉM DA A VITÓRIA PRA ELE AGORA POR FAVOOOOOR!!!!! MEU DEEEEEEEEUS!!! QUANTO TEMPO TEM QUE EU NÃO FICO IMPACTADO, JOGADO, ATROPELADO E PISOTEADO POR UMA PERFORMANCE NESSE PROGRAMAAAAA!!!! Primeiro que qualquer coisa que envolva Freedom vai mexer muito comigo porque essa música fala num lugar muito importante para mim e isso não tem preço e ver essa performance hoje, desse jeito… Nossa, eu me senti representado e estou MUITO feliz por isso. Se um dia eu te julguei já não lembro mais, lenda viva!!!

Clarice, A Disputada de Campinas: MANAAAAAAAAAAA, ONDE ESTAVA ESCONDIDO ESSE VICTOR NA COMPETIÇÃO? Durante a temporada toda muitos o viam como uma ‘cópia’ do John Legend e ele poderia ter entregado apresentações assim antes? Eu to indignadaaaa!!! Se jogou na coreografia, vocais babados, que obviamente foram perdendo o fôlego devido a tanta dança, mas ainda assim uma apresentação arrasadoraaaa pra encerrar essa finale! PISA MENOOOOOOOS!!!

Luana, A Tiktoker do Recife: Meu Deus, finalmente trouxeram o hino para esse programa! Nossa, anos e anos que eu sonho com alguém pisando com “Freedom”. Queria que fosse o Victor? Não, mas é o que tá tendo. E vamos ser sinceros, ele até que entregou suficiente, né? Se não foi vocalmente não foi perfeito, ao menos, ele se entregou de corpo e alma na performance. E é exatamente isso que eu espero das pessoas na final, sabe. É pra ir pro tudo ou nada. Enfim, para mim, “Stand Up” e “Freedom” foram as performances da noite. Espero que os EUA não decepcione, mas sabemos o que esperar, né… Pelo menos, eu curti a apresentação.

CONSIDERAÇÕES FINAIS

Devo confessar que comecei essa Review desanimado, pois estava esperando uma bomba vinda de chernobyl, mas eu até que curti a final? Obvio que já sabemos pra quem vai a vitória, o que deixa um gosto amargo na boca porque Victor entregou simplesmente tudo nessa final.

Vou ser cancelado se eu disser que vou pegar ranço da Kelly como coach? Fica ai a reflexão parA os irmãos.

É isso Moranguinhos do nordeste, amanhã retornaremos com os results e teremos performances de Lauren Daigle, Ben Platt, Gwen Stefani ft Saweetie, Justin Bieber, Thomas Rhett, Snoop Dogg ft Dj Battlecat, OneRepublic, Maroon 5 (o bom filho a casa torna), Kelsea Ballerini e muito mais para tentar preencher o buraco que a radiação dessa temporada deixou. Amo vocês e até a próxima!!!

gostou da matéria? deixe um comentário!

Dam Souza

Baiano que tem caruru e vatapá no sangue, aquele que é o canto da cidade e só discute com quem entende de Inês Brasil.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries