Pisa mais Austrália!

A oitava temporada do The X Factor AU não veio para brincadeiras, veio para pisar mesmo. O nível das audições foi altíssimo, a produção está melhor do que nunca, o programa está muito bem editado e os jurados são maravilhosos. Tudo isso somado a candidatos que na primeira nota já me conquistam, tornam essa uma das temporadas mais interessantes para mim, e espero que ela se mantenha assim até o final. Então sem mais enrolações, vamos as audições dessa semana. 

Madeleine Ponferrada – Wings

Cantando Birdy, Madeleine já me ganhou só pela escolha da música. Sua voz apesar de ter um timbre forte, ela consegue contrabalancear com melismas bem suaves. Entretanto, algo me soou muito nasal em sua voz, o que acabou tornando a performance um pouquinho linear. Eu gostei do conjunto , mas acho que poderia ser melhor, ou pelo menos eu esperava mais pela escolha da música. 

BLVD – Cake By The Ocean

Uma boyband joke… Quem diria. Chegaram com marra e eu quase acreditei que eles iriam ir bem, mas acabou que foi um desastre, vozes terríveis e sem harmonia alguma. Foi péssimo. 

Harley Vass – I Want To Break Free

Olha, o cara tem uma baita voz, eu daria meu sim para ele, mas infelizmente os jurados não passaram Harley. Entretanto, enxergando o potencial dele, que tal dar de presente para ele um dueto com o vocalista atual do Queen… Adam subiu ao palco e arrasou no dueto com Harley, e a única coisa que eu conseguia pensar era: Para de pisar Adam! 

Trojahn Tuna – Let Me Love You

Trojahn tem uma voz muito gostosa de se ouvir. Entretanto, creio que ele não há muito mais o que apresentar durante o programa, e creio que ele pode ser eliminado no 3cc se não apresentar um diferencial. Vamos torcer por melhorias, pois a voz desse cara é realmente muito boa. 

Ivy Adara – Alive

Alcance, tom e interpretação no ponto. Ivy subiu no palco e arrasou demais, mostrando muito potencial e uma voz grandiosa com apenas 21 anos. Claro que ela não foi a melhor que passou ali naquele palco (pelo menos não para mim), mas tenho certeza que Ivy pode fazer um bom trabalho na próxima rodada. 

Aroza – Good For You

Olha, eu amei essa dupla e não foi pouco não. A menina tem um timbre lindo, peculiar e que me agrada muito. O cara fez um grande trabalho no beatbox, mas quando ele entrou no rap foi simplesmente sensacional! A combinação dos dois é perfeita, e eles possuem uma química (sem más intenções) que transborda. Estou super curiosos para vê-los na próxima fase, e quero muito que eles consigam uma vaga nos lives. 

Beatz – Problem

ME SEGURA ROSANA, QUE EU TO TODO ME TREMENDO! Eu sabia gente, eu sabia… Pausa para eu chorar aqui. Que emoção em ver minhas garotas injustiçadas de volta. <3 Tudo bem que essa audição não chegou nem perto da primeira delas em 2014, mas mesmo assim o trabalho delas foi maravilhoso, o rap, as vozes (que estão muito melhores e bem trabalhadas agora), harmonias, coreografia… Tudo foi maravilhoso. Elas arrasam demais, e quero elas chegando longe (final) sim! VAI BEATZZZZZZ <33333 

Agora partimos para o quinto dia de audições.

Fendi – Please Don’t Stop The Music

Fendi tem uma boa voz,mas escolheu a música errada. Thanks God que os jurados perceberam isso e rapidamente pediram para ela cantar outra música a capela. Fendi então decidiu cantar At Last e mostrou todo seu potencial vocal, que não é pouco. 

Maddison Milewski – Writing’s On The Wall

Olha ai mais uma retornante da season passada… Eu não gostava muito da Maddison não, mas essa menina gosta de me provocar, porque ela só escolhe músicas que eu amo e dos meus cantores favoritos. Poxa mulher, assim eu não consigo ficar contra você! Dessa vez não teve como e eu me rendi a essa interpretação fenomenal de uma das minhas músicas favoritas do meu mozão Sam. Sério, Maddison arrasou muito, sua voz combinou perfeitamente com toda a visceralidade e grandeza da música. Definitivamente uma das melhores audições dessa season

Naisa Lasalosi – I Can’t Make You Love Me

Não sou muito fã de cantores desse estilo, mas essa música… Puts, é meu ponto fraco. Naisa arrasou muito vocalmente, seu falsete é bom e sua interpretação foi repleta de emoção, mas creio que há competidores em sua categoria que possam ser mais interessantes para o programa do que Naisa. Então vamos aguardar o 3cc para descobrirmos o seu destino. 

Chelsea Green – Like I’m Gonna Lose You

Chelsea possui uma voz doce, mas creio que não foi o suficiente para uma boa interpretação da música. Além disso, haviam outras músicas melhores para seu tom, e que ela poderia ter mostrado mais potencial. Fiquei no meio termo com ela, não gostei mas também não desgostei, foi mediana. 

Predz – Roses (original song)

Mais um competidor cantando uma música original. Eu achei a música bem interessante, e Predz possui uma força em sua voz que me conquistou. Seu rap é bom e bem urban, e quem sabe ele pode avançar explorando mais esse diferencial. 

Miss Powers – It’s A Man’s World

Que shock de audição, um tapa na cara da sociedade. Miss possui uma voz ótima, e apesar das derrapadas nos vocais em alguns momentos, ela fez um grande trabalho, passando toda a mensagem da música de forma clara e convincente. Estou bastante curioso para ver seu desempenho na próxima rodada. 

Por fim, chegamos ao último dia de audições. 

Sami Afuni – Uptown Funk

Stop Uptown Funk 2k16. Não gostei de Sami, para falar a verdade, achei ele um joke que canta ok. Então já pode ir saindo porque quero ver os lacres, não alguém cantando essa música irritante. 

Jokes – Bad Auditions So Far

Socorro hahahahahaha. Gente, esse grupo de jokes ai superaram todos os outros. Não consegui escutar o boyzinho lá que falou que nunca cantou em público (e nunca deveria ter cantado mesmo viu). Minha reação foi igual a de Adam hahaha.

Timothy Moxey – The Flame

Para tudo! Que voz é essa doidinho? Desculpem a expressão, mas esse cara canta para caralho! Seu belting é extremamente parecido ao de Adam (já quero duetos sim) e que potencia nos vocais meu Deus. Sem duvidas nem terá competição para ele na categoria dos overs… É de longe o melhor e o que pode fazer um trabalho mais dinâmico nos lives. Estou torcendo muito por Timothy. 

Zebulen Howell – Hometown Glory

Que interpretação divina de Adele. Zebulen reinventou a música, colocou sua marca nela e mostrou ser único em sua subdivisão (boys). Simplesmente de arrepiar todos os seus melismas, fora a carga emocional que Zebulen possui em sua voz. Achei essa a melhor audição de um boy dessa season, e acho que se o programa não quiser seguir com os clichês de boyzinhos divas ou boybands, eles devem avançar com Zebulen. 

The Dennis Sisters – Butterfly Fly Away

Socorro!!!!! Gente, sem condições com essas duplas. Que coisa maravilhosa foi essas lindas cantando? Suas harmonias foram perfeitas, eu fiquei arrepiado quando elas fizeram a sobreposição de vozes no refrão, ficou divino! Eu estou muito sem saída com essas grupos, não sei o que fazer, nem quem eu quero avançar… Tem como escolher todos? 

Chegamos então ao final das audições. Esse ano está difícil, muita gente boa passou por esse palco, então é mais que provável que muitos talentos irão embora. Estou sofrendo muito, porque por mim na categoria de under 22 só passaria girls abrindo uma exceção para Zebulen. Mas, como já percebemos pela pimpação, Isaiah é bem capaz de conseguir passar, e se isso acontecer vou ficar bem decepcionado. 

As categorias já foram reveladas, e eis a seguinte divisão: 

Iggy – Groups

Guy – Over 22

Adam – Under 22

Mas antes, a última surpresa. Recebendo um comunicado diretamente do chefão do X Factor, a.k.a Simon, os jurados ficaram sabendo da criação de uma nova categoria, os underdogs. Mas quem será o mentor dessa categoria… Ela mesma, a rainha dos realitys, a que tem o poder de viajar pelo tempo e participar de realitys na Austrália, no UK e nos EUA ao mesmo tempo. Deem boas vindas a Mel B e sua nova categoria os UNDERDOGS! 

Para finalizar, temos o preview do 3cc de Isaiah liberado, preview que por acaso eu não gostei, e que estou torcendo para ele ser eliminado. 😀 

Isaiah Firebrace – If I Ain’t Got You

Bom pessoal, terminamos aqui. Nos vemos semana que vem com o temido 3 seat Challenge e já preparem as orações para nenhum de seus favoritos serem eliminados injustamente. 🙂 

Ricardo Souza
Ricardo Souza

Hello, it's me... Rick, a pessoa que vos escreve com capricho e zelo (talvez sim, talvez não, nunca saberão). Estudante, aspirante e perseverante (esse ultimo adjetivo foi só para rimar). Ama escrever, e por consequência é estudante de Letras/Libras. Aqui no Panelas faz de tudo um pouco, séries, realitys e premiações.
Deixe-nos um comentário!
  • Lindomar Albuquerque

    Está evidente que Isaias deve ter uma das vagas, resta saber se na categoria dele ou nos underdog.

%d blogueiros gostam disto: