E o vencedor é…

Após uma temporada promissora, mas que acabou sendo largada de lado pela produção, pelos telespectadores e pelo desleixo dos jurados, chegamos finalmente a final da oitava temporada do The X Factor Austrália. Essa final me deixou minimamente animado, mesmo já tendo em mente quem seria o vencedor (aliás, vencedor previsível e bem qualquer coisa). Essa temporada foi um grande descaso para mim, mas pelo que parece, foi a última temporada da franquia (que poderia ter se encerrado com chave de ouro), mas ao invés disso, preferiram fazer uma temporada sem graça, com o mínimo de produção possível (levando em conta os cenários e a produção do palco que foi péssima). Em relação aos talentos, a season, como eu disse no inicio, era promissora… Vários cantores bons surgiram e fizeram audições memoráveis, mas logo já fomos tombados na tão temida fase do desafio das cadeiras, que foi reduzido para somente TRÊS. E foi aos trancos e barrancos, e a árduas eliminações que chegamos nessa final, com Amalia e Isaiah pelo time de Adam, Davey pelo time de Guy e Vlado pelo time de Mel B. 

Para a review final, contarei com os comentários de dois leitores do nosso site, a primeira é a graciosa Tatiane (Tati <3 ) e o segundo é nosso leitor e parceiro Kelven. Pra quem tá perdido e não sabe do que estou falando, lançamos oficialmente a oportunidade de vocês leitores virem participar das nossas reviews, analisando cada performance, e comentando conosco. Pra participar, basta clicar no FALE CONOSCO aqui no nosso site e citar quais realities musicais vocês assistem. Pra saber mais, clique AQUI.

Sem mais delongas, vamos para as performances.

Amalia Foy – Set Fire To The Rain

Uma boa performance, Amalia como sempre imprimiu sua marca na música e encheu a performance de emoção e bons vocais. Para mim ela é a candidata que mais merece ganhar, se basearmos em seu histórico no programa e no fato de ela ser uma candidata bastante única. Apesar da performance gritar clichê, Amalia conseguiu se sair bem e entregou uma boa performance para essa final sem expectativas. 

Kelven: Amalia é minha favorita pra vencer pois eu sempre torci pra ela e para as Beatz que eram minha primeira opção, apesar do Adele Card eu amei a apresentação, o timbre dela é único e gostei que ela saiu das baladinhas lentas que nos deixavam chapados, amo forte e tô aqui na torcida pra ela levar! <3

Tati: Uma rainha dessas. Pra mim, é a campeã, pelo menos moral, dessa season. Não foi a melhor performance dela,  senti falta de um final mais impactante e uma maior desenvoltura no palco, mas Amália tem uma capacidade imensa de colocar sua identidade na música e com SFTR não foi diferente.

James Arthur & Vlado – Say You Won’t Let Go

Vlado nessa reta final vem me surpreendendo muito. Sua voz durante essa performance estava muuuuito boa, James e Vlado cantaram quase em uníssono, e o timbre de Vlado estava bem marcado com os mesmo styles maravilhosos que ele fez em sua audição. Gostei muito desse dueto. 

Kelven: Parece que o Vlado resolveu cantar pra me agradar –n hahahaha, gente eu amo demais o James Arthur é meu campeão preferido e mesmo que eu queira não tinha como não gostar dessa apresentação, tô arrepiado! 

Tati: Eu geralmente não gosto de cantores que cantam tipo “gemendo” hahahaha, mas James é meu amorzinho desde os tempos deles de UK. E eu comecei falando dele e não do Vlado, pois eu acho que ele é um dos motivos principais pra eu ter AMADO essa performance. Que coisa lindinha. E justiça seja feita, Vlado mandou bem demais, principalmente no inicio. Se ele seguir essa linha, vai arrasar demais. 

Davey Woder – 7 Years

O arrastado da season resolveu cantar algo contemporâneo em plena final…. Que irônico. Essa performance foi bastante linear, sem nenhum grande momento ou algo que pudesse marca-la. Foi totalmente esquecível, assim como a presença de Davey na final, que veio até aqui fazendo um trabalho bem mediano e sendo arrastado semana pós semana. 

Kelven: ZzZzZzZz Estragou a música, eu não gosto do Dave e acho que ele nem deveria estar aí, espero que fique como quarto colocado e me nego a perder tempo com ele!

Tati: Eu acho 7 Years uma música ótima, mas é muito difícil eu ver um cover que seja melhor ou ao menos diferente do original. Por isso acho que seja, quase sempre, uma escolha mais do mesmo. Para uma final, creio que poderíamos ter uma songchoice mais acertada para Davey. Não foi ruim, mas esquecível. 

Jessica Mauboy & Isaiah Sing – Wake Me Up

A planta datada da season também resolveu vir com algo contemporâneo… Isaiah canta bem, mas não passa um pingo de emoção, parece um robô cantando de tamanha falta de expressividade. Agora, ooooppaaa moça, cuidado pra não cair ai viu. Enfim, quando o dueto começou até que foi bacana, mas o dueto de Vlado pisou nesse aqui. 

Kelven: Primeiramente FORA TEMER  eu não poderia deixar de falar que a Jessica já entra tropeçando hahahahaha achei bem questionável a escolha da música pois poderiam ter aproveitado e feito algo bem melhor, porém foi bom mas não superior a Vlado e Amalia, vamos torcer para que os resultados sejam justos!

Tati: Outro dueto que achei muito bom, mais por ela, pois acho Isaiah bem ZzzzZZ. Mas foi uma performance bem gostosa de assistir, principalmente pela suavidade do arranjo. 

Amalia Foy & Charli XCX – Boom Clap

Owww que fofas. Amalia estava visivelmente desconfortável, mas mesmo assim conseguiu cantar bem e fazer um bom dueto com Charli. A música até que não foi de um todo ruim para ela, eu já estava até preparado para algo pior, mas até que ela conseguiu se sair muito bem. Melhor que o dueto da planta. 

Kelven: Amo a música, amo a Charli e amo a Amalia então logicamente eu amei a apresentação, as duas estavam bem entrosadas, as vozes ficaram bem legais juntas, Gooooo Amalia!

Tati: Nunca nessa vida eu pensei que Amalia daria certo com essa música e ficou muito boa a apresentação. Principalmente na parte do dueto com a Charli. A única coisa que me incomodou foi o caso de poodle tingido da Amalia, mas nada que atrapalhasse boa apresentação ahaha. 

Isaiah Firebrace – Halo

Olha o datado ai genteeeeeeee. Esse cenário bem clean e todo branco achei bem certeiro para a performance de Isaiah, colocando somente sua voz como destaque. Até que ele fez um bom trabalho, conseguiu atingir as grandes notas, mas creio que não chegou nem perto de ser algo memorável para a temporada. 

Kelven: Que timbre maravilhoso, quando vi qual seria a música achei que não ia ficar bom porém, me surpreendi positivamente e gostei muito dele, honrou o hino e faz uma apresentação linda, acho bem provável ele vencer a competição, se isso acontecer não ficarei triste contanto que Amalia e Vlado estejam na frente do Davey.

Tati: Uma performance correta vocalmente e tudo mais, mas é tudo que esse moço soube fazer em quase toda sua trajetória na temporada, né?  Foi boa, mas não me passou um pingo de emoção e intensidade, que a original e outros bons covers geralmente passam. 

Davey Woder & Robbie Williams – Angels

Ai gente, eu adoro essa música, mas olha a cara desse Davey cantando esse hino!!! Meu Deus, que arrastado sem expressão! Graças a Deus Robbie chegou para salvar esse dueto, porque olha, se dependesse de Daey poderia cortar a performance pela metade. 

Kelven: Sorte que dessa vez tinha o Robbie cantando pois foi a única parte que prestou, eu não consigo nem ficar olhando para o Davey porque me incomoda, sai logo!

Tati: Gente, Robbie Willliams lançou música esse ano, poderiam ter escolhido algo mais atual, né? Mas mesmo assim, amo Angels, embora não tenha se encaixado como eu pensaria que se encaixasse com o estilo do Davey. Pra mim foi o pior dos duetos. 

Vlado Isaric – Closer

Gente, olha que performance repletaa de starquality! Eu nem sou fã de Vlado, mas ele merece muito ganhar essa temporada só por esse final. As duas melhores performances foram as dele e ele demonstrou maturidade o suficiente para transitar entre estilos e mesmo assim manter sua marca. Sua voz é bem agradável e não soa forçada, e isso é ótimo. Arrasou na performance! 

Kelven: Eu gostei, a song ajudou bastante, eu gostei da apresentação num todo e se ele ganhar não vou me surpreender porque tem muita gente querendo vingar as beatz eu fui ssistir pronto pra não gostar mas quebrei as pernas e adorei!

Tati: Tati esquece comentário em churrasco. Hahahahahaha, comentário atualizado depois pessoal. 

O momento tão esperado se aproxima, mas antes, vamos conferir as performances dos convidados James Arthur e Robbie Williams.

Primeiro nos foi revelado quem ficou em 4º e 3º lugar… E respectivamente foram eles Amalia Foy e Vlado. Olha, é muito irônico esse programa não é mesmo? Os dois arrastados e piores candidatos dessa final ficam entre os finalistas e os dois melhores são eliminados antes. Não dá para entender isso. Vlado merecia muito ganhar e Amalia ser vice, mas vamos acreditar que eles são bons demais para essa temporada fraquíssima. Venham tesouros, não se misturem com essa gentalha. 

Tivemos então as performances dos dois finalistas com músicas originais…

Davey – Coming Home

Isaiah – It’s Gotta Be You

Então sem mais enrolação (porque essa temporada não está merecendo isso), o vencedor foi…

Pois é gente, como previsto a planta que sabe cantar ganhou. Olha, ele canta até bem, mas ele não tem originalidade nenhuma, não passa um pingo de conexão com a música, fazendo tudo parecer um grande karaokê. Desculpa quem gosta dele, mas esse é minha opinião sobre ele e para mim ele é um dos piores vencedores do x factor AU. Enfim, a temporada se encerra e eu digo amém, porque foi difícil acompanhar isso aqui viu. 

isaiah1_1

Quero agradecer aos parceiros de comentários Kelven e Tati pela presença, e quero agradecer a todos que acompanharam nossas reviews. Muito obrigado 🙂 Finalizamos assim mais uma temporada (com quase chave de ouro). Até mais pessoal. 😀 

Ricardo Souza
Ricardo Souza

Hello, it's me... Rick, a pessoa que vos escreve com capricho e zelo (talvez sim, talvez não, nunca saberão). Estudante, aspirante e perseverante (esse ultimo adjetivo foi só para rimar). Ama escrever, e por consequência é estudante de Letras/Libras. Aqui no Panelas faz de tudo um pouco, séries, realitys e premiações.
Deixe-nos um comentário!
%d blogueiros gostam disto: