Posts Populares

This Is Us – S04E14 – The Cabin

Os três tristes.

Eu amo como em This Is Us tudo tem um significado muito profundo e mesmo quando nós achamos que já sabemos o que vem por ai, a rasteira é sempre certa. Eu estava esperando que esse episódio fosse apenas mais um onde iriamos entender a complexidade desses personagens e tentar entender um pouco mais deles, só que ao invés de analisarmos os personagens, nós fomos levados a analisar a cabana, aquele lugar remoto onde nunca foi muito bem abordado mas que teve um papel fundamental para todos nós. Voltar ali naquele lugar para Kate era muito importante porque ali não estava só as lembranças de seu pai, mas também a lembrança de um momento traumático com um cara que ela pensou que a amava mas que demonstrava totalmente o contrário. Então, voltar ali para Kate ainda fazia parte do seu processo de cura e naquele momento isso era muito importante, porque ela precisava se resolver para cuidar de sua relação com Tob. Os três estavam ali tentando apenas fazer as coisas funcionarem sem serem muito profundos nos seus medos, mas era óbvio que essa superficialidade nãi duraria muito tempo e logo eles começaram a mostrar o seu real estado emocional.

Tob é um outro personagem que vem mostrando uma longa estrada de evolução para tentar se adptar a sua nova realidade e ao seu filho que é o contrário de tudo o que ele imaginou, mas a vida é assim não é mesmo? Nem sempre tudo sai como planejado e precisamos nos adaptar. Ver tob criando uma conexão com Jack pela primeira vez disposto a mostrar seu mundo para ele foi muito lindo e nos fez lembrar como ele é maravilhoso e vai ser um ótimo pai.

A cápsula do tempo que era para ser aberta aos 18 anos dos meninos foi aberta aos 39 e nos trouxe uma das coisas que mais machucou meu coração hoje. Um áudio do Jack para as crianças e os planos dele para aquela cabana que estava ali a tanto tempo e guardava um dos maiores tesouros do Jack. Os seus planos para o futuro e tudo o que ele queria com Rebecca, ouvir aquela gravação foi como uma última conversa com Jack para que as coisas ganhassem um outro significado e aquela cabana agora era a memória mais viva que todo mundo tinha dele.

gostou da matéria? deixe um comentário!

Dam Souza

Baiano que tem caruru e vatapá no sangue, aquele que é o canto da cidade e só discute com quem entende de Inês Brasil.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries