Posts Populares

Titans – S02E07 – Bruce Wayne

TITANS, DC. Bruce Wayne. Fonte: vozes da minha cabeça.

Bom. Acho que é justo começar essa Review fazendo um comentário extremamente sincero e que saiu do fundo do meu coração quando eu acabei esse episódio: FINALMENTE, PORR#!!! MINHA SÉRIE ESTÁ VIVAAAAAA.
Como a série conseguiria se manter nos trilhos depois de um começo bagunçado e sem solidez alguma? O episódio dessa semana, “Bruce Wayne” é uma das provas de que a série conseguiu recuperar seu fôlego e continua com potencial para ser uma das melhores, senão a melhor, serie do gênero da atualidade.

No episódio anterior vimos que Conner foi o grande salvador da pátria e livrou seu grande amor Jason das garras do vilão asqueroso, Deathstroke. Seria uma pena se a vida não colaborasse em nada com os pombinhos e como existem muitos invejosos por aí, Conner se ferrou todo e foi baleado, deixando seu novo amor Jason preocupadíssimo e completamente sem saber o que fazer. Qual será o desfecho desse lindo romance? Alerta fanfiqueiro.

Brincadeiras a parte, a série conseguiu muito bem introduzir o Superboy na série, aliás um dos melhores acertos da temporada até então foi essa adição no elenco. De cara o personagem já ganhou o coração de todo mundo, até porque a rainha e dona da série Kory já tem afeição por ele, então como nós, meros mortais, seríamos capazes de não gostar também? Inclusive (alerta para destruição de ship que mal começou), outro grande acerto está sendo a construção de Jason. O personagem é um dos mais carismáticos e junta-lo com Rose foi uma surpresa bastante agradável, até porque se for pra tentarem engatar um núcleo romântico entre os personagens mais novos convenhamos que Jason e Rose é a alternativa mais correta pra isso, porque Rachel e Gar… né, enfim. Aliás, a tentativa de demonstrar como a experiência de “quase morte” abalou Jason foi bastante bem feita, delicada e bastante sensiva. Foi super emocionante a cena com Dick no terraço.

Porém, o protagonismo da vez ficou com Dick, mas de uma forma que eu não esperava. A jogada de colocar Bruce como uma voz que “atormenta” o garoto prodígio trouxe pra Titans uma vibe muito parecida com “Doom Patrol” e isso foi sensacional. Desde o começo quando Bruce aparece dando um sermão e ali a gente ainda não sabe se ele está fisicamente presente, até o fim quando a voz desaparece no momento em que Dick faz aquilo que ele deveria fazer desde o começo. É até meio poético, né? Só conseguiremos nos livrar daquilo que nos perturba quando admitirmos nosso erro e com isso lidar com as consequências. Além disso, durante o episódio houve uma investigação maior pelos sentimentos de Dick. A gente viu ele através de uma visão mais dramática, vimos que a dor e a violência são uma linha tênue pra Dick, e que ele precisa demais superar seu passado para que, finalmente, o Asa Noturna possa parecer.

MAS, eu espero que até esse momento o Dick se ferre muito porque eu quero saber dessa história de ter matado Jericho pra ONTEM. Não aceito isso que estão fazendo com o Dick, quero explicações na minha mesa AGORA. Estou atento para a treta do próximo episódio porque Rose vai fazer questão de tirar satisfações, será que assim o segredo de Dick vai ser revelado pra sua equipe? Uma nova “ruptura” dos Titãs é inevitável? Todas aquelas mensagens que foram deixadas para cada membro da equipe foram do Exterminador mesmo ou era Dick enfrentando os conflitos na sua cabeça? Um dia Mutano deixará de ser figurante? Muitas perguntas, mas as respostas ficarão para as cenas do próximo capítulo… Isso se a série nos der uma season finale, risos.

gostou da matéria? deixe um comentário!

Erik Lacerda

Paulista, 17 anos, não bebo mas rola um cantinho do vale de vez em quando (ou é cantina? não sei). Amo comentar sobre tudo o que assisto porém nenhum amigo meu tem paciência pra me ouvir falando besteira sobre GOT, Grey's e How I met Your mother, por isso estou aqui.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries