Um retorno nada animador.

Bem… de início não estava muito feliz com a renovação de WP, e com esse episódio de retorno então. Levando em consideração também o quão desastrosa foi a temporada passada, principalmente o final confuso. A verdade é que, de certa forma, não dá pra reclamar do encaminhamento da trama, sem ao menos saber se está nos livros. Eu mesmo não me dei o trabalho de lê-los, nem li e nem lerei. No entanto, a série é altamente intrigante, mas ainda assim esperava um retorno diferente.

Passaram-se mais que 3 anos e 4 meses nessa boxta, não se sabe o que aconteceu com Theresa ou Pam e os roteiristas fazem questão de empurrar novos personagens, esquecendo de finalizar a história dos outros. Será que elas irão voltar? Meio que ainda não digeri o fato de a série ter tido um salto no tempo e não ter havido nenhuma mudança. Seasons premières servem pra preparar o terreno, concluindo arcos da temporada passada e iniciando novos plots, mas em WP só consegui enxergar a mesma loucura e ladainha de sempre. A mudança da mesma foi apenas a revolução, que já começou no desfalque. Ai que vida, todo dia um 7×1 diferente. Quando vi aquele início fazendo uma retrospectiva, fiquei pensando: Eita, voltou com tudo! Mas aí, no decorrer do episódio veio cada decepção.

MV5BMjU3MDg2MjcwNl5BMl5BanBnXkFtZTgwMjI3MDM5ODE@._V1__SX1303_SY571_

Mudanças de elenco funcionam, mas não consegui senti o bom efeito desta vez. A inexperiência de alguns deixou transparecer nas atuações, não me prendi de maneira alguma. As coisas que me mantiveram assistindo o episódio foram o tapa no visual de Ben e o retorno de Kate. Olha, não sei se estava nos livros, mas Kate se matar foi uma sacanagem viu? Se bem que Megan ia acabar fazendo. Agora me digam: COMO ESSA MULHER SOBREVIVEU AO ATAQUE? ME FAÇAM O FAVOR DE EXPLICAR! Enfiam a mulher na porra da trama, de cadeira de rodas e POTENCIALMENTE andando, pois se ela estivesse aleijada nunca que iria conseguir voltar à cadeira tão rapidamente. Não vou negar que alguns plots me parecem ter potencial, mas depois de uma temporada nessa merda, me vem a mesma chatice. Bem, espero que seja apenas o primeiro episódio, pois se o nível continuar assim vou preferir estar morto.

MV5BMjAzNjQ5OTI0NV5BMl5BanBnXkFtZTgwMDQ3MDM5ODE@._V1__SX1303_SY571_

Temos então um Ethan Burke 2.0, o Dr. Yedlin, uma esposa e um relacionamento com turbulências antes de irem à WP. Bem os Burke, novidade pra quê né? Olha gente, eles até se parecem fisicamente, exceto pelos olhos, mas ambos fazem a mesma cara. Fiquei o tempo todo agoniado com o desespero desse homem sem saber de nada. Estou aqui bastante decepcionado com o fato de nem terem apresentado direito os novos personagens, só enfiarem coisas aleatórias ou repetitivas, e nada de impactante acontecendo.

Essa primeira geração me enoja, mal sabem eles que Pilcher foi quem permitiu a entrada dos Abbies na cidade. Jason e Kerry são dois bostas, e olhe que até a menina é uma versão de Pam, subordinada ao chefão mas que não concorda com suas decisões. Mais uma vez: CADÊ A NOVIDADE? Espero que tenha um grupo dentro dessa cidade realmente empenhado na revolução, pois é isso que irá me manter na esperança de ver essa loucura acabar.

MV5BMTA0NzAwMzE5MjJeQTJeQWpwZ15BbWU4MDAzNjAzOTgx._V1__SX1303_SY571_

O pior é levar o histórico que a série tem em cagar e pensar que mais coisa ruim está por vir. Espero realmente que este cabaré melhore, pois não tá dando visse? Confiram a promo do próximo episódio:

E aí, o que acharam do retorno de Wayward Pines? Não deixem de compartilhar conosco opiniões e dicas. Até a próxima!


Venha ser um Paneleiro! Clique AQUI pra saber participar da nossa seleção. Vocês terão até o dia 12/06. Aguardamos vocês!

 

Antonio Netto
Antonio Netto

Estudante de Engenharia Química. Pernambucano engraçado, dono de uma gargalhada única e de um sotaque marcante. Apaixonado por comida, séries, química e cálculos. Até gosta de estudar mas, sempre que pode, está pelo mundo curtindo e falando da vida alheia.
Deixe-nos um comentário!
%d blogueiros gostam disto: