Podia ser melhor, mas não foi.

Depois daquele monte de decisão errada do Rick na segunda-feira, no programa de quarta foi a vez de Di Ferrero tomar a frente e fazer suas besteirinhas. Importante que estamos na fase chamada Desafio das Cadeiras, onde 10 candidatos de cada categoria brigam por apenas 4 vagas para os Shows Ao Vivo.

Como disse, depois dos Adultos foi a vez do grupo dos Homens se apresentarem e Di Ferrero formar seu Top 4. Mais decisões questionáveis, mas vou deixar vocês julgarem.

Ah, desculpem pelo atraso da review. Eu tenho esperado a Band postar os vídeos no YouTube, pra ficar mais dinâmico o texto, e dessa vez eles postaram só ontem à noite. Então não estranhem se a review demorar nos próximos dias.

Igor Black – “É Isso Aí” by Ana Carolina

Pra começar, Igor. Ele que sempre foi um candidato bom, mas que não me chamava muita atenção. Dessa vez foi diferente. Ele transbordou emoção nessa música, colocando bem seus graves na canção e alcançando as notas altas muito bem. Teve algumas desafinadas aqui e ali, mas o saldo geral foi positivo demais.

IGOR SENTOU NA CADEIRA 1

Lucas Machado – “O Vento” by Jota Quest

Lucas é bem comum, mas muito técnico. Nessa apresentação, ele escolheu uma música que eu não conhecia, e eu não curti muito não. Algumas vezes ele soou fora do tom, em outras fora do ritmo… Acho que a escolha da música não o favoreceu, e tornou a apresentação cansativa de assistir. Uma pena, por que ele seria um bom nome na próxima fase.

LUCAS MACHADO FOI ELIMINADO

Octávio Augusto – “A Estrada” by Toni Garrido

Octávio é um dos meus preferidos dessa categoria. Acho a voz dele tão cheia de vida e personalidade, como se ele quisesse ficar ali cantando pra sempre. A apresentação de hoje foi boa. Poderia ter sido ótima, mas foi só boa. Acho que ele fez muitas inflexões e tornou a apresentação repetitiva, além de não ter respirado direito, o que atrapalhou um pouco a dicção. No geral, eu gostei. Teve uma boa energia e tal, mas teve uns errinhos vocais.

OCTÁVIO SENTOU NA CADEIRA 2

Diego Martins – “Bang Bang (My Baby Shot Me Down)/Bang” by Nancy Sinatra/Anitta

Diego tem um lado performático que o diferencia dos outros meninos da categoria. Ele decidiu fazer um mix de duas músicas bem boas, mas bem diferentes. E foi isso mesmo: com a primeira música ele foi super bem vocalmente, enquanto com a segunda ele foi mais performático e apostou nos movimentos de palco, deixando os vocais em segundo plano. Que ele mostrou algo diferente, isso é inegável. Porém, não achei essa coca toda não… Os vocais da segunda parte foram muito irritantes, e eu não consegui curtir.

DIEGO SENTOU NA CADEIRA 3

Alessandro Maia – “Os Corações Não São Iguais” by Roupa Nova

Eu adoro Alessandro, e esperava que ele fosse o sertanejo que representasse a categoria. Mas ele não fez por onde né. Escolheu uma música muito fora do que ele faz, e semitonou a música inteira. Não conseguiu alcançar as notas altas, desafinou, faltou fôlego… E eu esperava tanto dele! Me decepcionei sim, e achei que ele nem merecia sentar numa cadeira. Di achou o contrário…

ALESSANDRO SENTOU NA CADEIRA 4

Eli – “Wrecking Ball” by Miley Cyrus

Chegamos ao primeiro cotado, que já está fazendo hora extra no programa. Eli tem um timbre irritante, uma dicção péssima e desafina horrores. E não é de hoje hein! Desde as Audições… Fiquei muito puto que ele cagou a maravilha dessa canção e pior: que ainda ganhou uma cadeira, eliminando Igor, que havia sido infinitamente melhor. Di, me ajuda a te ajudar.

ELI SENTOU NA CADEIRA 1; IGOR FOI ELIMINADO

Luan Lacerda – “Chão de Giz” by Zé Ramalho

Adorei a intenção do Luan com essa música. Eu juro que entendi a escolha dele, mas nem por isso achei que foi a ideal pra ele. Acho que a voz potente do Zé Ramalho ficou assombrando a apresentação dele, que ficou parecendo sem vida e sem graça. Ele tentou interpretar a música, alcançou umas notas boas, mas no geral deixou a desejar. Ainda assim, daria uma cadeira pra ele, por motivos de Eli e Alessandro. Infelizmente…

LUAN FOI ELIMINADO

Conrado – “Far Away” by Nickelback

Mais um cotado na temporada. Conrado pode cantar “Ilariê” que Di vai lamber ele. Ele escolheu uma música icônica, cheia de emoção, e fez, de longe, a pior apresentação da noite. Ele tem um timbre maravilhoso, mas estava fora do ritmo, fora do tom, desafinou horrores, errou a letra, cantou sem emoção… Sério, foi tudo errado. Eu não consigo salvar nada aqui, e ainda estou tentando entender o porquê de Di ter eliminado Alessandro pra dar uma cadeira pra ele.

CONRADO SENTOU NA CADEIRA 4; ALESSANDRO FOI ELIMINADO

Lucas Nage – “Stitches” by Shawn Mendes

Outro que nem devia estar aqui. Lucas foi péssimo desde as Audições, e tem que se vangloriar pelo título de “Arrastado da Temporada”. Pra hoje ele errou tudo: escolha musical, ritmo, colocação de voz… Um desastre completo. Mas acho que a culpa nem é dele. Ele só não encontrou quem quer ser como artista ainda. E Di poderia ter ajudado nisso, mas não ajudou. Felizmente, ele nem sentou.

LUCAS NAGE FOI ELIMINADO

Miguel Ev – “When We Were Young” by Adele

Miguel deve ser doida, só pode. Como que ele me canta essa música depois do samba do Fernando, no The Voice Portugal, e daquela linda apresentação de Billy, no The Voice USA? Miguel tem muito potencial, mas ele tem ZERO orientação. Tá bem perdido ali e Di nem ajuda. Ele foi ok, semitonou horrores, mas alcançou umas notas boas. O refrão foi um desastre, pois o timbre dele soou irritante num nível… Di mandou ele sentar, e pra completar a cagada eliminou Octávio, deixando Eli e Conrado cotados lá. VAI SE F*, DI FERRERO!

MIGUEL SENTOU NA CADEIRA 2; OCTÁVIO FOI ELIMINADO

CONSIDERAÇÕES FINAIS

Mais uma categoria definida, e eu não sei o que sentir. Tantas cagadas, tanta gente boa indo embora pra uns meia boca ficarem… A pergunta que fica, pra mim, é a seguinte: o áudio do estúdio lá era diferente do que vemos na TV? Digo isso, pois os jurados elogiam umas apresentações péssimas, enquanto criticam umas ótimas. Ou é problema técnico ou problema dos técnicos KKKKKKK

No geral, a categoria Homens é uma das mais fracas. Di tinha potencial nas mãos e mandou o povo embora. Mas esperar o que de um mentor que eliminou seu melhor cantor simplesmente por não ir com a cara dele, né? Alguém elimina o Di, faz favor!

Com Eli, Miguel, Diego e Conrado, Di vai ter que tirar leite de pedra. Eu espero ver todos eliminados nas primeiras semanas, pra Di deixar de ser trouxa. Mas né… vamos esperar as próximas categorias. Fiquei surpreso que tivemos duas músicas da Adele fechando o programa, até agora. Aliás, duas cagadas né…

Di Ferrero diz que está feliz com suas escolhas

Mais uma vez, desculpem-me a demora da review. Eu acho que fica mais legal quando os vídeos da apresentação estão aqui pra vocês acompanharem. Na semana que vem, meu amigo Michel vai ficar responsável por cobrir as Mulheres e os Grupos. Aliás, pela preview das mulheres, vamos esperar por tiro, porrada e bomba. Vai ser tenso!

Até a próxima!

Gerson Elesbão
Gerson Elesbão

Nem tão complicado demais, mas nem tão simples assim: quebra-galho, colunista e seriador. Dificilmente atualiza o Banco de Séries, mas adora gongar as séries amadas pelo público. @gersonelesbao
Deixe-nos um comentário!
  • Gabriel Esteves

    Gerson, você é forte demais, cara. Porque se vendo eu já tive antipatia de boa parte das apresentações, imagina ver e comentar sobre.

    Achei essa categoria pior que a dos Adultos e olha que lá foi duro. Aliás, a melhor coisa foi ver o Di Ferrero mesmo, lindo demais esse homem…

    O melhor pra mim foi Diego, mas mesmo assim acho que ele errou muito, ele só é o melhor porque ninguém conseguiu fazer nada de interessante ou original. Conrado nos Live Shows parece piada, sério… gente ele cantou Nickelback sem qualquer vida ou emoção, foi terrível. Miguel me agradou novamente por não ter nada melhor. E sobre Octávio, nunca vi nada dele, mas só de ver ele falando: “agora vocês sabem o que eu passei pra estar aqui” e pular no palco me fez tomar total antipatia dele.

    Uma última coisa, mal vi esse programa e já saquei que os “mentores” são meros jurados, não tá havendo orientação porque nunca vi tanta escolha errada.

    Por fim, uma pergunta: Di é antipático desse jeito com “seus candidatos” ou foi pelo “peso” da etapa?

    Um abraço e até semana que vem com Girls e Groups, essa última muito amada por mim por motivos de Little Mix, Fifth Harmony e One Direction. Até…

  • Leeooziinho Santos

    No geral achei as apresentações boas. O Diego me surpreendeu positivamente gostei muito da apresentação dele. Não entendi, o porque do Conrado está sorrindo, quando estava cantando essa música dramática do Nickelback. Achei legal essa apresentação do Miguel, mais depois daquela audição do Fernando no The Voice Portugal, impossível não ter comparações porque o cara foi FODA, desculpa o palavrão. Gostei da review Gerson. Abraços

  • José

    Eu gosto do Octávio, mas dessa apresentação eu não gostei. Só não xinguei o Di por ter eliminado ele no lugar do Conrado porque eu já tinha levado spoiler e sabia que o Conrado ia passar. Eu gosto do Diego e gostei da apresentação, mas realmente na segunda parte os vocais não foram bons. Nunca gostei do Miguel e nem criei antipatia, mesma coisa com a apresentação dele e não assisti nenhuma das duas apresentações citadas. Também gosto do Eli, mas durante a apresentação só conseguia pensar na Miley cantando.
    No fim meu preferido é o Diego, dá pra ver que o palco é o lugar dele e meu “despreferido” é o Conrado. O Di realmente eliminou um de seus melhores concorrentes por antipatia e segue como o jurado mais chato do programa.
    Quanto ao áudio vi o Rick falar em algum lugar que a plateia gritava e aí os jurados tinham que prestar muita atenção na hora de ouvir e mal posso esperar para ouvir a Jenni cantar Supercombo (acho que depois dessa escolha não tem como eu torcer mais do que torço agora pra ela).

%d blogueiros gostam disto: