Posts Populares

Young Sheldon – S02E10 – A Stunted Childhood and a Can of Fancy Mixed Nuts

BAZINGA

Com uma quantidade de histórias da infância do Sheldon, a série sempre pode nos proporcionar momentos que nós sempre tivemos curiosidade para saber, uma delas é o surgimento de manias, massem dúvidas, uma das mais legais, foi o surgimento de BAZINGA, já que sempre quisemos saber mais sobre essa palavra tão incomum e que nos fez divertir tanto.

Se tem uma coisa que nos faltava mostrar nessa série eu sempre quis ver, foi o Sheldon fazendo compras e ele era tão ou até mais insuportável quanto hoje em dia, porém naquela época era mais fácil de enganar ele, tanto que a Mãe da Paige (que coincidentemente estava na loja), conseguiu enganar ele fácil. Por falar na Paige, gostei muito que a série abordou dela e a Missy tendo um contato mínimo no início e de forma infantil, tanto que as meninas combinaram até de dormirem juntas e a Missy puxando um saco terrível delas, só que o Sheldon claramente não gostando da menina.

As meninas se divertiram muito na noite em que passaram juntas, como crianças e o Sheldon parecia uma pessoa  velha mesmo, como elas estavam dizendo, pois ele não via graça em nada que crianças fazem e parecia odiar a mágica da infância, inclusive rolou até um pisão da Paige nele, porque ela era uma criança que sabia viver bem e possivelmente não teria problemas sociais no futuro, como Sheldon poderia(teve) no futuro, tanto que isso traumatizou o Sheldon e nas pesquisas viu que possivelmente era possível isso.

A parte sem graça do episódio estava por conta da relação do John com a famosa habilitação, que sabemos que é um saco, mas ele no auge da velhice, queria tentar por causa da Connie, mas tudo estava muito chato como estava abordado, até mesmo ela ensinando ele dirigir estava, mas quando eles falaram dos sentimentos um pelo outro, meu coração brilhou, porque amo demais esse casal. Enquanto isso, o Sheldon cismou que queria ser uma criança normal, com direitos a ir em balanço e vomitando na Missy, ou até mesmo indo a lojas de quadrinho, querendo coisas para crianças idiotas, que foi onde conheceu a melhor palavra do mundo Sheldon: BAZINGA.

Quando o Sheldon conheceu Bazinga, meu mundo nessa série teve sentindo, amei todos os trotes dele, até os que estavam dando errado, mas o melhor de todos foi ele fingindo para a Missy que se preocupava com o futuro e ela caindo na brincadeira de sentar no pum,onde ele soltou o “bazinga”, ele saiu com a cara de feliz e criança incrível,dando a melhor explicação do mundo a essa palavra.

Tivemos a explicação da palavra mais clássica do mundo de The Big Bang Theory, só por isso esse episódio é extremamente especial e marcante, porque vimos que essa palavra clássica se originou porque o Sheldon simplesmente queria viver bem uma infância para se tornar um adulto melhor e não sofredor, fazendo os outros sofrerem com suas troladas nada legais e convencionais, mas que o fizeram divertir por muito tempo.

Então é isso, um forte beijo e até mais.

gostou da matéria? deixe um comentário!

Autor

Phelipe

Um cara Fitness, gosta de esportes e um escorpiano nato, apaixonado pela vida. Um "nerd" que curte balada e um baladeiro que curte coisas "nerds", porque a vida é muito curta para se apegar em coisas pequenas, logo pode observar que sou uma pessoa muito eclética em todos os sentidos da vida.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries